Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/25019
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Grupo de Capoeira Angola Malta Nagoa: estudo sócio-antropológico de um patrimônio cultural negro
Alternate title (s): Capoeira Angola Group Malta Nagoa: socio-anthropological study on a black cultural heritage
Author: Alves, Carine Costa
First Advisor: Clemente, Claudelir Corrêa
First member of the Committee: Dias, Rafaela Cyrino Peralva
Second member of the Committee: Silva, José Carlos Gomes da
Summary: A Capoeira, atualmente reconhecida como Patrimônio Imaterial da Cultura Brasileira e, além disso, um Patrimônio Cultural da Humanidade é ensinamento, é fundamento, é ancestralidade, é filosofia de vida. Como um patrimônio cultural negro ela envolve a luta, a dança, o jogo, a música e a arte. O presente trabalho apresenta a Capoeira Angola por meio de uma análise antropológica do Grupo de Capoeira Angola Malta Nagoa situado na cidade de Uberlândia, estado de Minas Gerais. Grupo que tem como princípios mobilizadores a linhagem do Mestre João Pequeno de Pastinha e os projetos sociais, vigorando um espírito associativista e de amparo social, como uma rede de apoio. Esta pesquisa enfatiza um movimento que tem origem nas civilizações africanas, passando pelo período de escravização e diáspora, Capoeira escrava e Capoeira criminalizada, e a Capoeira patrimônio. Destacando neste percurso as figuras de Mestre Pastinha e Mestre João Pequeno de Pastinha, assim como de Mestre Guimes, principal personagem dessa história. A partir dessa análise qualitativa, foram desenvolvidas etnografias de dois momentos: os festejos comemorativos do Grupo de Capoeira Angola Malta Nagoa e do Centenário de Mestre João Pequeno de Pastinha. Por fim, é importante destacar que a presente pesquisa tem como objetivo geral, compreender o que é mobilizado pelo Grupo, suas percepções e representações sociais, tendo como produto final as descrições, as análises e a etnografia. Mobilizações que se destacam pelo apoio e acolhimento “do outro”, de todos nós, mas também se materializando nos vários projetos sociais e de valorização desta nossa origem africana, negra, afro-brasileira. Tivemos ainda a pretensão de seguir um caminho dentro dos estudos decoloniais, transgredindo direcionamentos e condutas impostas pelos colonizadores.
Abstract: Capoeira, currently recognized as Intangible Heritage of Brazilian Culture and, moreover, a Cultural Patrimony of Humanity is teaching, foundation, ancestry, and a philosophy of life. As a black cultural heritage it involves fighting, dancing, playing, music and art. This study presents Capoeira Angola through an anthropological analysis of the Capoeira Angola Group Malta Nagoa, located in the city of Uberlândia, state of Minas Gerais. A group that has as its mobilizing principles the lineage of Master João Pequeno de Pastinha and the social projects, with an associative spirit and social support, as well as a support network. This research emphasizes a movement that originates in African civilizations, through the period of enslavement and diaspora, Capoeira slave and Capoeira criminalized, and Capoeira as patrimony. Highlighting in this course the figures of Master Pastinha and Master João Pequeno de Pastinha, as well as of Master Guimes, the main character of this story. From this qualitative analysis, ethnographies of two moments were developed: the commemorative festivities of the Capoeira Angola Group Malta Nagoa and the Centenary of Master João Pequeno de Pastinha. Finally, it is important to emphasize that the present research has as general objective to understand what is mobilized by the Group, its perceptions and social representations, having as final product descriptions, analyzes and the ethnography. Mobilizations that stand out for the support and welcome "the other", of all of us, but also materializing in the various social projects and valorization of our African, Black, Afro-Brazilian origin. We still had the pretension to follow a path in the decolonial studies, transgressing directives and conducts imposed by the colonizers.
Keywords: Capoeira Angola
Malta Nagoa
Patrimônio
Antropologia
Angola Capoeira
Malta Nagoa
Heritage
Anthropology
Sociologia
Capoeira
Grupo Capoeira Angola Malta Nagoa
Patrimônio cultural
Antropologia
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA::ANTROPOLOGIA DAS POPULACOES AFRO-BRASILEIRAS
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais
Quote: ALVES, Carine Costa. Grupo de Capoeira Angola Malta Nagoa: estudo sócio-antropológico de um patrimônio cultural negro. 2018. 179 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2018.1363.
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2018.1363
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/25019
Date of defense: 6-Jun-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GrupoCapoeiraAngola.pdfDissertação5.31 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.