Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17757
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Tradução e adaptação transcultural do domínio função física do Patient-Reported Outcomes Measurement Information System – PROMIS® - versão para a língua portuguesa
metadata.dc.creator: Braga, Diana de Abreu Costa
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Carlos Henrique Martins da
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Mendonça, Tânia Maria da Silva
metadata.dc.contributor.referee1: Kishi, Marcos Seizo
metadata.dc.contributor.referee2: Pedrosa, Leila Aparecida Kauchakje
metadata.dc.description.resumo: Em 2004, o Instituto Nacional de Saúde Norte Americano (NIH), propôs a disponibilização de modelos inovadores (banco de itens) para avaliação de saúde, o Patient-Reported Outcomes Measurement Information System – PROMIS®, baseado em instrumentos clássicos e confiáveis de resultados relatados pelos pacientes (Patient-Reported Outcomes – PROs) existentes e inserindo métodos estatísticos avançados como a Teoria de Resposta ao Item e o Teste Adaptativo Computadorizado. Um dos domínios abordados pelo PROMIS® é o Função Física cujo banco de itens necessita, para que seja utilizado em países lusófonos sua tradução e adaptação transcultural. O objetivo do estudo foi traduzir e adaptar culturalmente o Banco de Itens Função Física do PROMIS® para a língua portuguesa. O método utilizado foi um processo de tradução e adaptação transcultural que contém oito fases determinadas pela metodologia universal proposta pelo Functional Assessment of Chronic Illness Therapy (FACIT). A sétima etapa, chamada pré-teste, contou com 50 indivíduos com idade acima de 18 anos. Os participantes responderam os itens por auto-aplicação, utilizando uma técnica do pensamento em voz alta, além de entrevista cognitiva e retrospectiva de esclarecimento. A metodologia FACIT permitiu uma versão com adaptações, desde o início do processo, assegurando equivalência semântica, conceitual, cultural e operacional do Domínio Função Física. Durante o pré-teste, dificuldades na compreensão dos itens foram relatados por 24% dos participantes, 22% deles sugeriram mudanças para melhorar a compreensão. Os itens atingiram 100% de compreensão dos termos e conceitos, em 87% dos itens. Apenas quatro itens tiveram compreensão abaixo de 80%, exigindo alterações para alcançar correspondência com o item original e entendimento pelos entrevistados após retestagem. O processo de tradução e adaptação cultural dos itens Função Física do PROMIS® para a língua portuguesa foi bem sucedido. Esta versão deve ser submetida à validação das propriedades psicométricas antes de ser disponibilizada para utilização clínica.
Abstract: In 2004, the National Institutes of Health made available the Patient-Reported Outcomes Measurement Information System – PROMIS®, which is constituted of innovative item banks for health assessment. It is based on classical, reliable Patient-Reported Outcomes (PROs) and includes advanced statistical methods, such as Item Response Theory and Computerized Adaptive Test. One of PROMIS® Domain Frameworks is the Physical Function, whose item bank need to be translated and culturally adapted so it can be used in Portuguese speaking countries. This work aimed to translate and culturally adapt the PROMIS® Physical Function item bank into Portuguese. FACIT (Functional Assessment of Chronic Illness Therapy) translation methodology, which is constituted of eight stages for translation and cultural adaptation, was used. Fifty subjects above the age of 18 years participated in the pre-test (seventh stage). The questionnaire was answered by the participants (self-reported questionnaires) by using think aloud protocol, and cognitive and retrospective interviews. In FACIT methodology, adaptations can be done since the beginning of the translation and cultural adaption process, ensuring semantic, conceptual, cultural, and operational equivalences of the Physical Function Domain. During the pre-test, 24% of the subjects had difficulties understanding the items, 22% of the subjects suggested changes to improve understanding. The terms and concepts of the items were totally understood (100%) in 87% of the items. Only four items had less than 80% of understanding; for this reason, it was necessary to chance them so they could have correspondence with the original item and be understood by the subjects, after retesting. The process of translation and cultural adaptation of the PROMIS® Physical Function item bank into Portuguese was successful. This version of the assessment tool must have its psychometric properties validated before being made available for clinical use.
Keywords: Ciências Médicas
Qualidade de vida - Métodos estatísticos
Indicadores de saúde
Qualidade de Vida
PROMIS®
Função física
Tradução
Quality of Life
Physical Function
Translation
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde
Citation: BRAGA, Diana De Abreu Costa. Tradução e adaptação transcultural do domínio função física do Patient-Reported Outcomes Measurement Information System – PROMIS® - versão para a língua portuguesa. 2015. 85 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2015.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17757
Issue Date: 29-Sep-2015
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TraducaoAdaptacaoTranscultural.pdfDissertação1.03 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.