Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17344
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Avaliação dos constituintes fenólicos e voláteis, atividade antioxidante e antimicrobiana de Campomanesia pubescens (DC.)O. Berg
metadata.dc.creator: Rocha, Edmilson de Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor1: Morais, Sergio Antônio Lemos de
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Chang, Roberto
metadata.dc.contributor.referee1: Patrocínio, Antonio Otavio de Toledo
metadata.dc.contributor.referee2: Martins, Carlos Henrique Gomes
metadata.dc.description.resumo: Campomanesia pubescens (DC.) O. Berg, também conhecida como gabiroba pilosa, pertence à família Myrtaceae. Este gênero apresenta 25 espécies distribuídas do México à Argentina, e 15 delas são nativas do Brasil, e podem ser encontradas nos estados da Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Goiás, Distrito Fede-ral, Mato Grosso do Sul e no Tocantins. O objetivo deste trabalho foi avaliar o teor de compostos fenólicos, identificar os constituintes voláteis (óleo essencial), determinar a atividade antioxidante e antimicrobiana de partes da planta (raiz, caule, folha e fru-to). Os teores de compostos fenólicos totais determinados pelo método de Folin-Ciocalteau, foi de 19,3 para a raiz, 114,0 caule, 115,0 folha e 31,0 para o fruto, ex-pressos em equivalente de ácido gálico / grama de amostra. O teor de proantociani-dinas foi de 1,9 para a raiz, 7,6 caule, 17,3 folha e 2,1 para o fruto em equivalentes de catequina/grama de amostra. A atividade antioxidante foi avaliada pelo o método de seqüestro de radical livre 2,2 difenil-1-picrilhidrazil (DPPH). Os valores de CE50 encontrados para os extratos metanólicos foram: fruto 56,6 μg/mL, folha 6,6 μg/mL, caule 7,4 μg/mL e para a raiz 8,0 μg/mL. Os resultados mostraram que C. pubes-cens é uma boa fonte natural de antioxidantes. Os óleos essenciais foram analisa-dos por CG/EM. Os principais compostos identificados na raiz foram Biciclogerma-creno, Espatulenol, Germacreno-D e Viridiflorol, ao passo que, para o óleo essencial do caule, foram identificados como principais o Eucaliptol, Espatulenol e Bicicloger-macreno. O óleo essencial dos frutos contém aproximadamente 80% de monoterpe-nos, destacando-se Limoneno e Eucaliptol. O óleo essencial das folhas é constituído por 55,36% de sesquiterpenos e os componentes principais são Biciclogermacreno, Germacreno-D e Eucaliptol. Os óleos essenciais apresentaram atividade antimicro-biana contra bactérias Gram-positiva e Gram-negativa testadas, e estes resultados podem levar a uma alternativa para o controle de bactérias em doenças bucais.
Abstract: Campomanesia pubescens (DC.) O. Berg, também conhecida como gabiroba pilosa, pertence à família Myrtaceae. Este gênero apresenta 25 espécies distribuídas do México à Argentina, e 15 delas são nativas do Brasil, e podem ser encontradas nos estados da Bahia, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Goiás, Distrito Fede-ral, Mato Grosso do Sul e no Tocantins. O objetivo deste trabalho foi avaliar o teor de compostos fenólicos, identificar os constituintes voláteis (óleo essencial), determinar a atividade antioxidante e antimicrobiana de partes da planta (raiz, caule, folha e fru-to). Os teores de compostos fenólicos totais determinados pelo método de Folin-Ciocalteau, foi de 19,3 para a raiz, 114,0 caule, 115,0 folha e 31,0 para o fruto, ex-pressos em equivalente de ácido gálico / grama de amostra. O teor de proantociani-dinas foi de 1,9 para a raiz, 7,6 caule, 17,3 folha e 2,1 para o fruto em equivalentes de catequina/grama de amostra. A atividade antioxidante foi avaliada pelo o método de seqüestro de radical livre 2,2 difenil-1-picrilhidrazil (DPPH). Os valores de CE50 encontrados para os extratos metanólicos foram: fruto 56,6 μg/mL, folha 6,6 μg/mL, caule 7,4 μg/mL e para a raiz 8,0 μg/mL. Os resultados mostraram que C. pubes-cens é uma boa fonte natural de antioxidantes. Os óleos essenciais foram analisa-dos por CG/EM. Os principais compostos identificados na raiz foram Biciclogerma-creno, Espatulenol, Germacreno-D e Viridiflorol, ao passo que, para o óleo essencial do caule, foram identificados como principais o Eucaliptol, Espatulenol e Bicicloger-macreno. O óleo essencial dos frutos contém aproximadamente 80% de monoterpe-nos, destacando-se Limoneno e Eucaliptol. O óleo essencial das folhas é constituído por 55,36% de sesquiterpenos e os componentes principais são Biciclogermacreno, Germacreno-D e Eucaliptol. Os óleos essenciais apresentaram atividade antimicro-biana contra bactérias Gram-positiva e Gram-negativa testadas, e estes resultados podem levar a uma alternativa para o controle de bactérias em doenças bucais.
Keywords: Campomanesia pubescens (DC.) O. Berg
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Exatas e da Terra
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Química
Citation: ROCHA, Edmilson de Oliveira. Avaliação dos constituintes fenólicos e voláteis, atividade antioxidante e antimicrobiana de Campomanesia pubescens (DC.)O. Berg. 2011. 82 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Exatas e da Terra) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17344
Issue Date: 29-Jul-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf1.83 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.