Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16109
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Alterações ambientais e os riscos de transmissão da Leishmaniose Tegumentar Americana na área de influência da UHE Serra do Facão, Goiás, Brasil
metadata.dc.creator: Rodrigues, Elisângela de Azevedo Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: Lima, Samuel do Carmo
metadata.dc.contributor.referee1: Lima, Julia Araujo de
metadata.dc.contributor.referee2: Andrade Filho, José Dilermando
metadata.dc.description.resumo: As Leishmanioses são doenças transmitidas ao homem pela picada da fêmea hematófaga dos flebotomíneos infectados por animais domésticos e silvestres. A construção de Usinas Hidrelétricas (UHE), geralmente, provocam modificações ambientais em sua área de influência, que podem alterar o ciclo de transmissão dessas doenças, produzindo surtos epidêmicos. Este trabalho teve por objetivo estudar os flebotomíneos capturados na área de influência pela UHE Serra do Facão, em Goiás, Brasil, antes, durante e após o enchimento do reservatório, relacionando-os com as alterações ambientais e a sazonalidade climática. Seis pontos foram selecionados para captura dos flebotomíneos. Nestes pontos no período de agosto de 2008 a julho de 2010 foram realizadas 72 capturas totalizando 216 h de trabalho de campo, utilizando-se armadilhas tipo CDC (Center on Disease Control) e Shannon, nas quais foram capturados 6139 flebotomíneos de 16 espécies do gênero Lutzomyia pertencentes às seguintes espécies: L. neivai (PINTO, 1926) (93,51%), L. whitmani (ANTUNES; COUTINHO, 1939) (2,35%), L. pessoai (COUTINHO; BARRETO,1940) (1,68%), L. davisi (ROOT, 1934) (1,07%), L. lenti (MANGABEIRA,1938) (0,47%), L. termitophila (MARTINS; FALCÃO; SILVA,1964) (0,21%), L. shannoni (DYAR, 1929) (0,15%), L. misionensis (CASTRO, 1959), (0,11%),L. christenseni (YOUNG; DUNCAN, 1994) (0,10%), L. mamedei (OLIVEIRA, AFONSO; DIAS; BRAZIL) (0,10%), L. quinquefer (DYAR, 1929) (0,05%), L. sallesi (GALVÃO; COUTINHO,1939) (0,08%), L. lutziana (COSTA LIMA,1932) (0,05%), ), L. cortellezzii (COSTA LIMA,1932) (0,03%), L. flaviscutellata (MANGABEIRA,1942) (0,02%), L. sordellii (SHANNON; DEL PONTE,1927) (0,02%). Dentre as espécies capturadas, quatro possuem importância epidemiológica por serem incriminadas na transmissão da Leishmaniose Tegumentar Americana (LTA): Lutzomyia neivai, 5741 espécimes capturados nos seis pontos; Lutzomyia pessoai. 103 capturados em cinco pontos; Lutzomyia whitmani, 144 capturados em quatro pontos e Lutzomyia flaviscutellata, apenas 1 espécime capturado em um ponto. L.neivai foi a espécie predominante nas capturas realizadas e, por isso, pode ser considerada como a principal suspeita de veicular o agente etiológico da LTA na área de influência do reservatório da UHE Serra do Facão, dada a grande prevalência desta espécie nos seis pontos estudados. As condições de maior risco de transmissão da LTA na área de influência do reservatório da UHE Serra do Facão podem ser assim descritas: durante as estações outono-inverno, períodos mais secos do ano, quando a densidade da população de flebotomíneo é maior, coincidindo com a abertura do período de pesca; em noites mais escuras de lua nova e minguante, com amplitude térmica superior a 5°C a partir do anoitecer e ventos que não ultrapassem 6 Km/h. Para o efetivo controle da LTA será necessário continuar realizando ações de vigilância em saúde, monitorando as alterações ambientais e o reordenamento territorial que já estão ocorrendo na região, com a implantação de projetos imobiliários e de turismo, relacionados com a formação do lago e, também, o monitoramento dos vetores da doença. Ainda, campanhas educativas devem ser realizadas junto à população local, seja aquela residente permanente nas áreas de maior risco de transmissão, seja a população flutuante que frequenta a área para o lazer, principalmente em fins de semana e feriados, para evitar a transmissão da doença.
Abstract: The disease Leishmaniasis is transmitted by the bite of bloodsucking female sand flies infected domestic and wild animals. The construction of hydropower plants (HPP), usually cause environmental changes in its area of influence, which can alter cycle of transmission these diseases, producing outbreaks. This work aims to study sand flies caught in the area of influence by UHE Facão Serra, Goias, Brazil, before, during and after filling the reservoir, relating them to environmental changes and climatic seasonality. Six points were selected for capture of sand flies. These points in the period August 2008 to July 2010 were held 72 catches totaling 216 hours of field work, using traps CDC (Center on Disease Control) and Shannon, in which 6,169 sandflies were captured 16 species of the genus Lutzomyia the following species: L. neivai (Pinto, 1926) (93.51%), L. whitmani (ANTUNES; Coutinho, 1939) (2.33%), L. pessoai (COUTINHO, BARRETO, 1940) (2.35%), L. davisi (ROOT, 1934) (1.07%), L. lenti (Mangabeira, 1938) (0.47%), L. termitophila (Martins, HAWK, SILVA, 1964) (0.21%), L. shannoni (Dyar, 1929) (0.15%), L. misionensis (Castro, 1959), (0.11%), L. christenseni (YOUNG, DUNCAN, 1994) (0.10%), L. mamedei (Oliveira, Afonso; DAYS; BRAZIL) (0.10%), L. quinquefer (Dyar, 1929) (0.05%), L. sallesi (Galvão; Coutinho, 1939) (0.08%), L. lutziana (COSTA LIMA, 1932) (0.05%), L. cortellezzii (COSTA LIMA, 1932) (0.03%), L. flaviscutellata (Mangabeira, 1942) (0.02%), L. sordellii (Shannon, Del Ponte, 1927) (0.02). Among the species captured, four have epidemiological importance because they are incriminated in transmission of American cutaneous leishmaniasis (ACL): Lutzomyia neivai, 5741 specimens captured in six points; Lutzomyia pessoai. 103 caught in five points; Lutzomyia whitmani, captured in 144 Lutzomyia flaviscutellata four points and only one specimen taken at one point. L.neivai was the predominant species in catches, and therefore can be considered as the prime suspect in conveying the etiologic agent of ATL in reservoir area of influence of UHE Facão Serra, given the high prevalence of this species in six points studied. The serious risk of transmission ACL in influence area the reservoir of UHE Facão Serra can be described as follows: during fall and winter, driest periods of year when density of phlebotomine is higher, coinciding with the opening of fishing period, in darkest nights of new moon and last quarter, with temperature range above 5 ° C from evening and winds not exceeding 6 km / h. For the effective control of LTA will be necessary to continue performing actions in health surveillance, monitoring environmental change and territorial reorganization now underway in the region with deployment of real estate and tourism related to formation of lake and also monitoring of disease vectors. Still, educational campaigns should be conducted among the local population, that is a permanent resident in areas of greatest risk of transmission, is floating population that frequents area for recreation, especially on weekends and holidays, to prevent disease transmission .
Keywords: Geografia médica Goiás (GO)
Leishmaniose Tegumentar Americana Goiás (GO)
Usina Hidrelétrica Serra do Facão- Aspectos ambientais
Flebotomíneos
Geografia médica
Vigilância ambiental
Lutzomyia neivai
American cutaneous leishmaniasis
Sand-flies
Medical geography
Environmental monitoring
Hydroeletric of Facão Serra
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Geografia
Citation: RODRIGUES, Elisângela de Azevedo Silva. Alterações ambientais e os riscos de transmissão da Leishmaniose Tegumentar Americana na área de influência da UHE Serra do Facão, Goiás, Brasil. 2011. 114 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16109
Issue Date: 2-Aug-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf3.8 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.