Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15299
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Por uma análise do discurso literário: funcionamento da autoria em Oscar Wilde e construção de imagem de autor
metadata.dc.creator: Rodrigues, Kelen Cristina
metadata.dc.contributor.advisor1: Mussalim, Fernanda
metadata.dc.contributor.referee1: Baronas, Roberto Leiser
metadata.dc.contributor.referee2: Fernandes, Cleudemar Alves
metadata.dc.contributor.referee3: Silveira, Eliane Mara
metadata.dc.contributor.referee4: Salgado, Luciana Salazar
metadata.dc.description.resumo: À luz de pressupostos teóricos da Análise do Discurso Literário proposta por Dominique Maingueneau (2006), esta pesquisa debruça-se sobre duas questões: a primeira delas, o funcionamento da autoria; a segunda, a construção de imagem de autor. Essas duas questões são consideradas, ao longo do trabalho, de maneira imbricada. Buscaremos analisar, por meio da abordagem do manuscrito De Profundis de Oscar Wilde, o modo como se dá o funcionamento da autoria, considerando as instâncias da pessoa, do escritor e do inscritor postuladas por Maingueneau (2006). Feito isso, buscaremos demonstrar que os prefaciadores e os críticos ingleses e franceses, que se debruçaram sobre a obra de Wilde, mobilizaram essas instâncias da autoria em intensidade e formas diferentes, para construir imagens de autor para Oscar Wilde. Em relação à constituição do corpus de análise, optamos por textos (prefácios, apresentações, críticas) produzidos nos contextos inglês e francês, pela proximidade e relação que o autor mantinha com os campos literários desses dois países. As análises demonstraram que, nos diferentes processos de construção de imagem(ns) de autor para Oscar Wilde, a instância da pessoa é recorrentemente mobilizada, ora para fazer ressalvas à biografia do autor, ora para tecer elogios a ele, ora para efetivamente separá-la das duas outras instâncias (o escritor, o inscritor) definidoras de sua identidade criadora. Abordando essas questões principais e discutindo outras a elas relacionadas , este trabalho busca sustentar, fundamentalmente, duas teses, a saber: i) que a imagem de autor está intimamente ligada à ênfase ou predominância que os gestores da obra de um autor dão a uma ou outra(s) instância(s) da autoria (pessoa, escritor, inscritor); ii) que o autor é autor de seus textos, mas não é o único gestor de sua obra. Para além disso, entretanto, o que se apresenta no horizonte epistemológico desta pesquisa é a reafirmação da pertinência e da produtividade de uma análise do discurso literário.
Abstract: Guided by the theoretical assumptions of Discourse Analysis proposed by Dominique Maingueneau (2006), this research focuses over two issues: firstly, the functioning of the authorship, and the second one, the construction of author s image. Those issues are take in account in a imbricate manner. We seek to analyze, by the approach of the manuscript De Profundis of Oscar Wilde, how works the functioning of the authorship considering the instances of person, writer and inscritor as postulated by Maingueneau. That done, we try to show that the preface-writers and critics, both English and French ones, who have studied the Wildes work, mobilized these instances of authorship in intensity and different ways to construct images to Oscar Wilde. Concerning to the constitution of the corpus analysis, we chose texts (prefaces, introductions, critics) produced in English and French contexts, because of the proximity and relationship the author had with the literary fields of these two countries. The analyzes showed that, in the different processes of construct images of author to Oscar Wilde, the instance of the person is recurrently mobilized, sometimes to make exceptions to the author\'s biography, sometimes weaving praise of him, and sometimes to effectively separate her to the other two instances (writer, inscritor) considering them as defining of their creative identity. Addressing these key issues and discussing others related to them - this research seeks to sustain fundamentally two theses, namely: i) that the image of the author is intimately linked to the emphasis or predominance that managers of an author\'s work gives to one or other (s) instance (s) of the authorship (person, writer, inscritor), ii) that the author is author of his texts, but he is not the only manager of his work. Beyond that, however, which is presented in the epistemological horizon of this research is the reaffirmation of the relevance and productivity of analysis of literary discourse.
Keywords: Análise do discurso literário
Funcionamento da autoria
Imagem de autor
Oscar Wild
Literary discourse analysis
Functioning of authorship
Author s image
Wilde, Oscar, 1854-1900 Crítica e interpretação
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Linguística Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos
Citation: RODRIGUES, Kelen Cristina. Por uma análise do discurso literário: funcionamento da autoria em Oscar Wilde e construção de imagem de autor. 2014. 146 f. Tese (Doutorado em Linguística Letras e Artes) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2014.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15299
Issue Date: 26-Feb-2014
Appears in Collections:TESE - Estudos Linguísticos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PorAnaliseDiscurso.pdf3.32 MBAdobe PDFView/Open
PorAnaliseDiscurso_Ficha.pdf28.84 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.