Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13615
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Consensos e dissensos em torno da alteração do centro de atuação das instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica de origem agrícola: representações do trabalho docente
metadata.dc.creator: Ramo, Elbo Lacerda
metadata.dc.contributor.advisor1: Marques, Mara Rubia Alves
metadata.dc.contributor.referee1: Cecílio, Sálua
metadata.dc.contributor.referee2: Silva, Marcelo Soares Pereira da
metadata.dc.contributor.referee3: Silva, Jefferson Ildefonso da
metadata.dc.contributor.referee4: Flores, Maria Marta Lopes
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho investiga as representações (LEFEBVRE, 2006) de professores sobre o trabalho docente na Educação Profissional e Tecnológica, da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica de origem agrícola, após a implantação de cursos de graduação, ocorrida fortemente nos anos 2000, que, alterando o centro de atuação dessas instituições, delega um novo mandato à Educação Profissional e Tecnológica e professores. Para alcançar esse objetivo realiza-se um estudo de caso no Campus de Rio Verde, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano. Na condição de método de estudo qualitativo (CRESWELL, 2007; PÁDUA, 2004; LAZZARINI, 1997; ANDRÉ, 1995) o estudo de caso é indicado em processos contemporâneos (GERGEN e GERGEN, 2006; VIDICH e LYMAN, 2006). Constitui como centro desta investigação, a análise de documentos (FRANCO, 2007) de fontes escritas impressos e digitais e de fontes orais, originados de entrevistas (SZYMANSKI, 2008; ANDRÉ, 1995). O interstício são os anos 2000, contudo a base de análise é a configuração do Estado Gerencial posto pela Terceira Via de governo, que entra no Brasil nos anos 1990. O estudo busca mostrar que nessa década, com a Reforma do Aparelho de Estado conduzida pelo MARE, institui-se a regulação de sujeição, processo facilitado pela mudança do conceito de propriedade do uso para a referência. Julga que são processos articulados a partir da globalização econômica, de onde deriva direcionamentos de uma suposta Cultura Educacional Mundial Comum (CEMC), que tem nas empresas multinacionais a via de legitimação da mudança de mandato da Educação Profissional e Tecnológica dos anos 1990. Nos anos 2000, depreende-se, por uma perspectiva de uma Agenda Globalmente Estruturada para a Educação (AGEE), que a verticalização do ensino do governo de Luiz Inácio Lula da Silva reconfigura novamente esse mandato, mas agora com um processo de mediação mais intenso pelos atores locais, com dissensos e consensos em torno do contexto, do trabalho docente, da concepção de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e de Currículo. O estudo mostra que, tendencialmente, a política educacional interna passa a conviver com formas de controle mais descentralizadas; coexistência de centralização e descentralização do processo da administração do ensino, com reflexos no trabalho e no parâmetro de desempenho de professores; aumento da regulação burocrática para atender à regulação de sujeição com aumento de autonomia voltada para assuntos de pesquisa e de captação de recursos, com inclinação para afastamento dos processos pedagógicos, situação que leva à discussão do trabalho docente como uma atividade que exige saberes específicos, cumulativos, dinâmicos, contextualizados, originados não somente de pesquisas, formados a partir de oito eixos dinâmicos de saberes e organizados em um trinômio de memórias de onde são articulados por meio de um saber condutor. Ao fim, evidencia-se uma propensão de disputa pela visão de futuro institucional.
Keywords: Trabalho docente
Regulação de sujeição
Educação profissional e tecnológica
Flexibilidade
Teaching work
Subjection regulation
Professional and technological education
Flexibility
Política e educação
Professores
Ensino técnico - Goiás (GO)
Educação rural Brasil
Ensino profissional
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: RAMO, Elbo Lacerda. Consensos e dissensos em torno da alteração do centro de atuação das instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica de origem agrícola: representações do trabalho docente. 2011. 152 f. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13615
Issue Date: 4-Apr-2011
Appears in Collections:TESE - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Elbo.pdf943.05 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.