Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/30005
ORCID:  http://orcid.org/0000-0001-5854-5095
Document type: Tese
Access type: Acesso Aberto
Title: A modernização do campo nos municípios da Microrregião de Frutal (MG): as transformações socioeconômicas das pequenas cidades
Alternate title (s): The modernization of the countryside in the municipalities of the Microregion of Frutal (MG): the socioeconomic transformations of small cities
Author: Oliveira, Letícia Parreira
First Advisor: Ribeiro Filho, Vitor
First member of the Committee: Gomes, Marcos Antônio Silvestre
Second member of the Committee: Minéu, Humberto Ferreira Silva
Third member of the Committee: Oliveira, Hélio Carlos Miranda de
Fourth member of the Committee: Ramires, Julio Cesar de Lima
Summary: As pesquisas acadêmicas a respeito da modernização do campo e das pequenas cidades no enquadramento contemporâneo são fundamentais para se entender a dinâmica socioeconômica e de hierarquia urbana no Brasil e, para isso, é importante realizar um retrospecto histórico com o intuito de abranger o desdobramento do processo de urbanização, considerando inclusive as relações territoriais como a base inicial desse processo no âmbito nacional. Diante disso, o trabalho tem como objetivo compreender o processo de modernização do campo e as mudanças na organização socioeconômica das pequenas cidades da Microrregião Geográfica de Frutal (MG). De modo específico, a pesquisa visa analisar a formação histórica; as atividades agropecuárias e do agronegócio que interferiram nos aspectos socioeconômicos; objetiva também entender a estrutura teórico-conceitual sobre as pequenas cidades, com base nas contribuições de Portugal, além da infraestrutura viária de interação e os fluxos vinculados ao ensino superior e à saúde, além de avaliar a dinâmica econômica do campo e do comércio. A presente pesquisa se justifica pela necessidade de entender as recentes transformações no campo, que afetam diretamente a dinâmica local e regional. Logo, os passos metodológicos permitiram desenvolver o estudo embasado nos objetivos e questões propostas, uma vez que eles transcorreram pelo levantamento de dados primários e secundários obtidos por meio de sites, como o do IBGE, e trabalhos de campo. Nesse contexto, foi possível entender a homogeneidade na região, a formação territorial, posição geográfica e dinâmica do Triângulo Mineiro (MG), ao mesmo tempo que se constatou a presença de significativas diferenças internas e camufladas pela aparência similar da realidade regional. Nas verificações atuais, é possível observar como a modernização agrícola trouxe aos municípios novas dinâmicas socioeconômicas, que se refletem na infraestrutura e disponibilização dos serviços e comércio das pequenas cidades, permitindo, assim, averiguar detalhes desses processos em cada local. A disposição das rodovias na região e o sentido dos fluxos identificam as relações estabelecidas com sua hinterlândia. Logo, na Microrregião de Frutal (MG), há a presença de dois municípios centralizadores — Iturama (MG) e Frutal (MG) — que se destacam ao estabelecer relações com São Paulo, em seu posicionamento à noroeste do estado com Jales (SP), São José do Rio Preto (SP), Ribeirão Preto (SP) e Barretos (SP); e Uberlândia (MG) e Uberaba (MG), em Minas Gerais. Os dois municípios definem uma dinâmica ligada às atividades agropecuárias, explicitada na diversidade e no agronegócio por meio de um campo modernizado, que define outros setores da economia, como de vendas de maquinários, dinamizando os fluxos de estudantes e o consumo gerado por eles, além de reorganizar o espaço urbano. Dessa maneira, constata-se que o processo de apropriação das pequenas cidades da região pelo agronegócio deixou as aglomerações urbanas com população inferior a 20 mil habitantes, no decorrer dos anos, cada vez mais vulneráveis às profundas transformações do espaço, permitindo entender como as infraestruturas básicas urbanas levam o “modo de vida na cidade” a se modernizar.
Abstract: Academic research on the modernization of the countryside and small towns in the contemporary context is fundamental to understand the socioeconomic dynamics and urban hierarchy in Brazil and, for this, it is important to carry out a historical retrospective in order to cover the unfolding of the urbanization process, including territorial relations as the initial basis of this process at the national level. Therefore, the objective of this work is to understand the process of modernization of the field and changes in the socioeconomic organization of the small cities of the Geographical Microregion of Frutal (MG). Specifically, the research aims to analyze historical formation; agricultural and agribusiness activities that interfered with socioeconomic aspects; also aims to understand the theoretical-conceptual framework on small cities based on the contributions of Portugal, as well as the infrastructure of interaction roads and flows linked to higher education and health, as well as to evaluate the economic dynamics of the field and the commercial ones. This research is justified by the need to understand recent transformations in the field that directly affect local and regional dynamics. Therefore, the methodological steps allowed to develop the study based on the objectives and questions proposed, since they were carried out by the collection of primary and secondary data obtained through IBGE sites and fieldwork. In this context, it was possible to understand the homogeneity in the region, the territorial formation, the geographic location and the dynamics of the Triângulo Mineiro (MG), while the presence of significant internal differences was detected and camouflaged by the similar regional reality. In the current verifications, it is possible to observe how the agricultural modernization brought to the municipalities new socioeconomic dynamics that are reflected in the infrastructure and availability of the services and commerce of the small cities, thus allowing to investigate details of these processes in each place. The layout of the highways in the region and the direction of the flows identify the relations established with its hinterland. Therefore, in the Microregion of Frutal (MG), there are two centralizing locations — Iturama (MG) and Frutal (MG) —- that stand out when establishing relations with São Paulo in its positioning to the northwest of the state with Jales (SP) , São José do Rio Preto (SP), Ribeirão Preto (SP) and Barretos (SP); and Uberlândia (MG) and Uberaba (MG) in Minas Gerais. The two locations define a dynamic linked to agricultural and livestock activities, explained in diversity and agribusiness through a modernized field that defines other sectors of the economy, such as sales of machinery, streamlining student flows and the consumption generated by them, as well as reorganize the urban space. In this way, it is verified that the process of appropriation of the small towns of the region by the agribusiness has left urban agglomerations with population less than 20 thousand inhabitants, over the years, more and more vulnerable to deep transformations of the space allowing to understand how the basic infrastructures the "way of life in the city" to modernize.
Keywords: Atividades agropecuárias
Modernização do campo
Agronegócio
Pequenas cidades
Formação socioeconômica e territorial
Microrregião de Frutal (MG)
Agricultural activities
Modernization of the field
Agribusiness
Small cities
Socieconomic e territorial formation
Microregion pf Frutal (MG)
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA::GEOGRAFIA HUMANA::GEOGRAFIA URBANA
CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA::GEOGRAFIA REGIONAL
Subject: Agroindústria
Cidades pequenas
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Geografia
Quote: OLIVEIRA, Letícia Parreira. A modernização do campo nos municípios da Microrregião de Frutal (MG): as transformações socioeconômicas das pequenas cidades. 2019. 261 f. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2020. Disponível em: http://doi.org/10.14393/ufu.te.2020.3610
Document identifier: http://doi.org/10.14393/ufu.te.2020.3610
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/30005
Date of defense: 8-Apr-2019
Appears in Collections:TESE - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ModernizacaoCampoMunicipios.pdfTese37.92 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons