Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/26982
ORCID:  http://orcid.org/0000-0002-5292-7356
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Índios desaldeados no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba : Uma análise sobre a construção e uso da autoimagem como formas de empoderamento
Alternate title (s): Unkempt Indians in the Triangulo Mineiro and Alto Paranaíba: An analysis of the construction and use of self-image as forms of empowerment
Author: Assunção, Patrícia Aparecida
First Advisor: Diego, Soares da Silveira
First member of the Committee: Clemente, Claudelir Corrêa
Second member of the Committee: Nunes, Eduardo Soares
Summary: Esta pesquisa de Mestrado no âmbito das Ciências Sociais é uma etnografia dos índios desaldeados no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba. A realização desta pesquisa tem sua origem em uma aproximação da temática indígena que tive no final da graduação, à priori bibliograficamente e que a partir das aulas de Antropologia e principalmente de Etnologia, dei início a uma reflexão sobre os índios que vivem nestas regiões mineiras, elaborando o projeto de pesquisa. Os resultados da pesquisa que apresento nesta dissertação, além de tentar contribuir para a redução de noções estereotipadas sobre o índio que vive na cidade, também buscarão demonstrar a multiplicidade étnica e cultural que foi possível explorar durante o período do trabalho de campo que realizei nestas regiões mineiras. Observei a multiplicidade etnocultural que existe nas trajetórias de vida das famílias que muito contribuíram para a concretização desta investigação. Foram abordadas na etnografia quatro importantes temáticas, as quais, a primeira foi sobre o conhecimento e das histórias que os índios urbanos estabelecem com as plantas medicinais, associando o “ser índio na cidade” com a manutenção dessa prática tradicional, vivenciada através dos diferentes usos medicinais e dos diferentes sentidos e significados conferidos aos remédios naturais. A segunda buscou entender como tem acontecido a luta pela terra e por moradias urbanas empreendidas por índios desaldeados em aliança com movimentos sociais e políticos de trabalhadores urbanos e rurais. E a terceira, foi sobre a Associação Indígena na cidade do Triângulo Mineiro Sul, Araxá e a sua luta em defesa dos direitos indígenas no espaço urbano, através da atuação política e cultural. E por fim, a vivência indígena urbana nestas regiões mineiras, que foi possível explorar a multiplicidade encontrada em outras vivências urbanas tanto em Araxá, quanto em outras cidades do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba, bem como discutir sobre as considerações à respeito da figura estereotipada do índio, parte-se do pressuposto de que não existe o índio genérico, o qual só existe enquanto produção do imaginário popular brasileiro. Esta pesquisa é também buscou compreender sobre a construção da autoimagem indígena nestas regiões estenografadas e a partir desta construção, entender o empoderamento diante da realidade indígena que vivenciam.
Abstract: This Master's research in Social Sciences is an ethnography of the desalted Indians in the Triângulo Mineiro and Alto Paranaíba. The realization of this research has its origin in an approximation of the indigenous theme that I had at the end of the graduation, a priori bibliographically and that from the classes of Anthropology and mainly of Ethnology, I began a reflection on the Indians who live in these mining regions, elaborating the research project. The results of the research that I present in this dissertation, besides trying to contribute to the reduction of stereotyped notions about the Indian living in the city, will also try to demonstrate the ethnic and cultural multiplicity that was possible to explore during the period of the field work that I realized in these regions mining companies. I observed the ethnocultural multiplicity that exists in the life trajectories of the families that contributed much to the accomplishment of this investigation. In the ethnography, four important themes were discussed. The first one was about the knowledge and the stories that the urban Indians establish with the medicinal plants, associating the "being in the city" with the maintenance of this traditional practice, lived through the different uses the different meanings and meanings given to natural remedies. The second sought to understand how the struggle for land and for urban housing undertaken by deprived Indians in alliance with social and political movements of urban and rural workers has taken place. And the third was about the Indigenous Association in the city of Triângulo Mineiro Sul, Araxá, and its struggle to defend indigenous rights in urban space through political and cultural action. Finally, the urban Indian experience in these regions of Minas Gerais, where it was possible to explore the multiplicity found in other urban experiences in Araxá, as well as in other cities of the Triângulo Mineiro and Alto Paranaíba, as well as discussing the considerations about the stereotyped figure of the is based on the assumption that there is no generic Indian, which only exists as a production of the Brazilian popular imagination. This research is also sought to understand about the construction of indigenous self-image in these shaded regions and from this construction, to understand the empowerment before the indigenous reality that they experience.
Keywords: Índios
Cidade
Empoderamento
Multiplicidade
Autoimagem
Indians
City
Multiplicity
Self-image
Empowerment
Sociologia
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS
CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais
Quote: ASSUNÇÃO, Patrícia Aparecida de. Índios desaldeados no Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba: Uma análise sobre a construção e uso da autoimagem como formas de empoderamento . 2017. 161 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais)- Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017. Disponível em : http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.2289
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.2289
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/26982
Date of defense: 11-Dec-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Sociais



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons