Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/25431
ORCID:  http://orcid.org/0000-0003-0602-6685
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Preparação para qualidade de vida no trabalho: análise de um curso na perspectiva de servidores públicos federais
Alternate title (s): Preparation for quality of life at work: analysis of a course in the perspective of federal public servants
Author: França, Luane Resende
First Advisor: Aragão, Ailton de Souza
First member of the Committee: Vanalli, Ana Carolina Gravena
Second member of the Committee: Bacelar, Winston Kleiber de Almeida
Summary: A adoção de práticas que possam ser denominadas como de Qualidade de Vida perpassa uma variada gama de determinantes. Destes, alguns subjetivos, como os estados emocionais; outros objetivos, como o processo de trabalho. Mas ambos os conjuntos se mesclam e produzem a necessidade de novos enfrentamentos, numa construção coletiva nos espaços de trabalho. O resultado da pesquisa possibilita que o curso (objeto de pesquisa) seja avaliado pelos trabalhadores, sofra intervenções e/ou modificações em seu formato, readequando-o às demandas dos servidores. Este estudo objetivou analisar as contribuições de um curso de formação na modalidade EaD acerca da QVT, destinado a profissionais do Serviço Público Federal, buscar os significados de QVT antes e após a frequência do curso, influencia recíproca entre trabalho e vida pessoal e obter uma avaliação quanto ao método adotado (EAD). Trata-se de um estudo de metodologia qualitativa, no qual foram aplicados um questionário para caracterização socioeconômica e uma entrevista semiestruturada áudio-gravada, além de consulta às fontes secundárias. A pesquisa foi realizada na Universidade Federal de Uberlândia e amostra foi composta por 10 participantes de ambos os sexos da turma do Curso Preparação para Qualidade de Vida no Trabalho do Servidor Público Federal (objeto de investigação desta pesquisa), estabelecida em 2017. As narrativas obtidas com as entrevistas foram perscrutadas de acordo com a análise de conteúdo na modalidade temática, que permitiram a emersão de três categorias a saber: 1) A pluralidade do vivido que engendra significados de QVT - que traz fatores constitutivos de significados de Qualidade de Vida no Trabalho sob a ótica dos participantes; 2) “Não vou esperar para viver depois que eu aposentar”: o movimento pendular da qualidade de vida nas relações sociais - que discorre sobre a valorização do tempo passado no trabalho e como o trabalho influencia na família e na saúde do trabalhador e finalmente 3) É a distância, “mas a gente não distancia do curso” - que aborda as potencialidades e desafios do método EaD. Como resultado, o estudo demonstrou que as características do contexto do trabalho que podem ser fontes geradoras de bem-estar são: ambiente saudável, boas relações sócioprofissionais, sentido de utilidade que o labor proporciona, valorização do tempo que o trabalhador passa no trabalho, levando em consideração as exigências familiares, a necessidade de cuidar de si mesmo e sua realização profissional. Ao contrário, dentre as geradoras de mal-estar estão condições inadequadas de trabalho, exigência exagerada por eficiência, problemas com colegas e/ou chefias, falta de reconhecimento e jornada de trabalho inadequada. Esses resultados permitiram observar que os fatores mencionados acima são elementos que constituem uma QVT baseada na abordagem contra-hegemônica, que é centrada nas necessidades dos trabalhadores. Evidenciou-se também que o Método EaD está sendo comprovado como uma modalidade de educação eficaz, possibilitando atendimento, qualidade e acesso a aprendizagem. Além de ser considerado um caminho de menor custo e que pode atingir mais rapidamente um número maior de pessoas.
Abstract: The adoption of practices that can be called Quality of Life passes through a wide range of determinants. Some factors are known to be subjective, like emotional states; others are of objective nature, such as the work process. Nevertheless, both sets merge and produce the need for new confrontations, aiming towards a collective construction in the work spaces. The result of the research allows the course (research object) to be evaluated by the workers, to suffer interventions and/or modifications in its format, adapting it to the demands of the servers. The purpose of this study was to analyze the contributions of a training course in the DL (Distance Learning) modality about the QLW (Quality of Life at Work) for professionals of the Federal Public Service, to seek the meanings of QLW before and after the course frequency, the reciprocal influence between work and personal life, and to obtain an evaluation regarding the adopted method (DL). This is a qualitative methodology study, in which a questionnaire was applied for socioeconomic characterization and an audio-taped semi-structured interview was conducted as well as secondary sources. The research was carried out at the Federal University of Uberlândia and a sample was composed of 10 participants of both genders of the Federal Public Server's Work Quality of Life at Work Preparation Course (object of study in this research), established in 2017. The narratives obtained with the interviews were reviewed vigorously according to the content analysis in the thematic modality, which allowed the emersion of three categories namely: 1) The plurality of lived experiences that generate meanings of “QLW” bringing factors essential to the meanings of Quality of Life at Work from the perspective of the participants; 2) "I will not wait until I retire to start living": the pendular movement of the quality of life in social relations that discusses the valuation of time spent at work and how work influences the family and the health of the worker, and finally, 3) It is the distance, "but we do not distance ourselves from the course" that addresses the potentialities and challenges of the DL method. As a result, the study demonstrated that the characteristics of the work context that can be sources of well-being are: healthy environment, good socio-professional relations, a sense of usefulness that the work provides, appreciation of the time the worker spends at work, in consideration of family requirements, the need to take care of oneself and their professional fulfillment. On the contrary, among the malaise generators are inadequate work conditions, exaggerated demands for efficiency, problems with colleagues and/or managers, lack of recognition and inadequate working hours. These results allowed to observe that the factors mentioned above are elements that constitute a QLW based on the counterhegemonic approach, which is focused on the needs of the workers. The DL Method is being proven as an effective modality of education, enabling attendance, quality and access to learning. Furthermore, it can be perceived as a lower cost method that can rapidly reach a larger number of people.
Keywords: Qualidade de Vida no Trabalho (QVT)
Ergonomia da atividade
EAD
Quality of Life at Work (QLW)
Ergonomics of activity
DL
Fisioterapia
Parkinson, Doença de
Contração muscular
Idosos - Doenças
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador (Mestrado Profissional)
Quote: FRANÇA, Luane Resende. Preparação para qualidade de vida no trabalho: análise de um curso na perspectiva de servidores públicos federais. 2019. 83 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.2022
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.2022
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/25431
Date of defense: 3-May-2019
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador (Mestrado Profissional)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PreparaçãoQualidadeVida.pdf1.15 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.