Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/21075
Document type: Tese
Access type: Acesso Aberto
Title: De se a (vo)cê : o percurso da indeterminação no Português brasileiro
Alternate title (s): From if to (vo) cê: the course of indetermination in Portuguese Brazilian
Author: Assis, Jacqueline de Sousa Borges de.
First Advisor: Rocha, Maura Alves de Freitas
First member of the Committee: Finotti, Luísa Helena Borges
Second member of the Committee: Mesquita, Elisete Maria de Carvalho
Third member of the Committee: Silva, Joaquina Aparecida Nobre da
Fourth member of the Committee: Galvão, Vânia Cristina Casseb
Summary: Diante do quadro de alterações na gramática do PB como sintomas da remarcação do Parâmetro do Sujeito Nulo PSN por que tem passado a língua, investigo a emergência do pronome de 2ª. pessoa com marcação genérica vocêgen, largamente empregado na língua falada como forma alternativa aos pronomes: nulo genérico e não referencial, se, a gente e nós. Esta tese parte da hipótese de que vocêgen exerce no PB a função de pronome indeterminador à semelhança do clítico se, cujo apagamento ou deixa vazia essa posição ou é substituído por vocêgen. Associo essa possibilidade às mudanças sintáticas processadas no PB: apagamento do clítico se; surgimento do paradigma de pronomes fracos nominativos no lugar do sistema pronominal Agr como compensação da perda do sujeito nulo referencial (Kato, 2000); perda da propriedade de genericidade do pronome a gente; emergência de construções existenciais com ter; tendência ao preenchimento da posição de sujeito que caminha para a perda do nulo não referencial e genérico, em uma clara evidência do encaixamento linguístico da variação. O modelo teórico-metodológico seguido é o da Sociolinguística Paramétrica proposto por Kato & Tarallo (1989). Assim, tendo em vista a variação interlinguística, tem-se como princípio norteador da discussão formal das variantes a teoria gramatical de Princípios & Parâmetros, de Chomsky (1981), e avanços em sua versão minimalista (Kato, 2000; Holmberg, 2010). O ponto relevante deste trabalho em relação à implementação de vocêgen está na proposição de que o interior de INFL é o lócus onde o pronome é inicialmente inserido antes de ser movido para a posição de sujeito gramatical das construções de terex nas quais o pronome não estabelece relação temática com o verbo. Considerando a variação paramétrica, um estudo comparativo com o PE comprova que quanto à realização de sujeitos indefinidos, o PB e o PE também exemplificam contrastes relevantes, confirmando a hipótese de que as mudanças sintáticas que estão desencadeando alteração de valor do PSN é um fenômeno que acomete somente o PB.
Abstract: Considering the alterations in the grammar of PB as symptoms of the remarking of the Null Subject Parameter - PSN that the language has passed, I investigate the emergence of the 2nd person pronoun with generic mark-up, widely used in the spoken language as an alternative form to the pronouns: null non referential and generic, se , nós and a gente This thesis is based on the hypothesis that vocêgen is used on the function of indeterminating pronoun like the clitic se, whose deletion leaves this position empty or is substituted by vocêgen. I associate this possibility with the syntactic changes processed in PB: deletion of clitic se; emergence of the nominative weak pronoun paradigm in place of the pronominal Agr system as compensation for the loss of the referential null subject (Kato, 2000); loss of the property of genericity of the pronoun a gente ; emergence of existential constructions with ter ; tendency to fill the position of subject that moves to the loss of the non referential and generic null, in clear evidence of the linguistic embedding of the variation. The theoretical-methodological model followed is that of Parametric Sociolinguistics proposed by Kato & Tarallo (1989). Thus, in view of the interlinguistic variation, this thesis adopt as guiding principle Chomsky's grammatical theory of Principles & Parameters (1981), and advances of this theory in its minimalist version (Kato, 2000; Holmberg, 2010). The relevant point of this work in relation to the implementation of vocêgen is in the proposition that the interior of INFL is the locus where the pronoun is initially inserted before being moved to the position of grammatical subject of the constructions of terex in which the pronoun does not establish thematic relation with the verb. Considering the parametric variation, a comparative study with the EP proves that in relation to the performance of indefinite subjects, BP and PE also exemplify relevant contrasts, confirming the hypothesis that the syntactic changes that are triggering alteration of the PNS value is a phenomenon that affects only PB.
Keywords: Linguística
Sociolinguística
Gramática comparada e geral - Sintagma nominal
Lingua Portuguesa
Sociolinguística Paramétrica
Parâmetro do Sujeito Nulo
Variação linguística
Indeterminação do sujeito
LSNP
Parametric Sociolinguistics
Parameter of the Null Subject
Linguistic variation
Indetermination of the subject
Area (s) of CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos
Quote: ASSIS, Jacqueline de Sousa Borges de. De se a (vo)cê : o percurso da indeterminação no Português brasileiro. 2017. 117 f. Tese (Doutorado em Estudos Linguísticos) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
Document identifier: x
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/21075
Date of defense: 14-Jul-2017
Appears in Collections:TESE - Estudos Linguísticos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PercursoIndeterminacaoPortugues.pdfTese3.86 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.