Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20924
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: A criatividade nas denominações de operações policiais : um estudo preliminar de Campos Semânticos a partir de um corpus de jornais mineiros
Alternate title (s): Creativity in the denominations of police operations: a preliminary study of Semantic Fields from a corpus of mining newspapers
Author: Santos, Candice Guarato
First Advisor: Fromm, Guilherme
First member of the Committee: Murta, Claudia Almeida Rodrigues
Second member of the Committee: Novodvorski, Ariel
Summary: O léxico está sempre em movimento e, por isso, é importante estudar as transformações que o acervo de todas as palavras de uma língua apresenta. As mudanças no léxico podem ser identificadas nos jornais, um dos ambientes em que operações realizadas pelas forças policiais são divulgadas. Como parte dessas ações são nomeadas, elas provocam interesse e se caracterizam como um fato linguístico. Com base nessa questão, este trabalho consiste no estudo dos nomes de operações policiais extraídas de um corpus composto por notícias, de jornais populares e de referência de Minas Gerais, pois cada perfil de publicação tem a sua importância. A possibilidade de definir o padrão de nomear das forças policiais; quais recursos são empregados no processo de nomeação e se há diferenças entre o jornal popular e o de referência na forma de apresentar esses nomes foram as questões principais que nortearam esta pesquisa. As teorias que fundamentaram este estudo foram a Lexicologia, os Campos Semânticos, a Onomástica, a Metáfora, o Neologismo e o Jornalismo popular e de referência. A metodologia deste trabalho foi baseada nos conceitos da Linguística de Corpus, que possibilita o estudo de dados linguísticos empíricos em uma quantidade extensa de textos autênticos. A partir da identificação das dez maiores cidades de Minas Gerais, foram selecionados 11 jornais dos quais foram extraídas 1.310 notícias. Com o auxílio do WordSmith Tools (versão 6), foi possível identificar 365 nomes de operações policiais e o sentido de cada operação. Em casos em que o corpus de estudo não apresentou definições, foi utilizado o recurso “define:” mais o nome da operação no Google ou, quando este recurso não se mostrou produtivo, dois dicionários, Aulete Digital e Michaelis, foram consultados. Os nomes das operações foram classificados em Campos Semânticos para identificar possíveis padrões de denominar das forças policiais. A classificação resultou em 38 Campos Semânticos mais o campo dos casos indefinidos, que são os nomes que não se encaixaram em uma categorização. A partir da classificação e das análises, pôde-se concluir que o padrão de denominar das forças policiais é fundamentado, sobretudo, na mudança de sentido da palavra por meio da neologia semântica e da metáfora. Os Campos Semânticos que fazem alusão a lugares, aos estrangeirismos e às mitologias, principalmente a grega, e a datas são os de maior preferência desse grupo profissional. A contribuição deste trabalho reside no estudo do processo lexical de neologia e a identificação do padrão de denominar ações.
Abstract: The lexicon is constantly undergoing changes, so it is important to study transformations that the collection of all the words of a language presents. Changes in the lexicon can be identified in the newspapers, one of the suitable places where operations realized by police forces are disclosed. As part of these actions is named, they cause interest and they can be characterized as a linguistic fact. Based on this question, this work consists of the study of police operation names taken from a corpus composed by news of popular newspapers and quality papers, from Minas Gerais state, because each publication profile has its importance. The main issues that guided this research were: the possibility to define the naming pattern of the police forces; what are the language resources used in the nomination process and if there is difference between popular newspaper and quality paper in the form of presenting these names. The theories that underpinned this study were Lexicology, Semantic Fields, Onomastic, Metaphor, Neologism and Journalism, popular and quality paper. The methodology was based on the concepts of Corpus Linguistics, which allows the study of empirical linguistic data in an extensive amount of authentic texts. From the identification of the ten largest cities in Minas Gerais, it was selected 11 newspapers and 1,310 news items were collected. With the help of WordSmith Tools (version 6), it was possible to identify 365 names of police operations and the meaning of each operation. When corpus did not present definitions, it was used the resource "define:" plus the name of the operation in Google or two dictionaries, Aulete Digital and Michaelis, were consulted. The operation names were classified in Semantic Fields to identify possible patterns of naming of the police forces. The classification resulted in 38 Semantic Fields plus the field of undefined cases, which are names that did not fit into a categorization. From the classification and the analysis, it was possible to conclude that the pattern of naming of the police forces is based on the change of meaning of the word by means of semantic neology and metaphor. The Semantic Fields that allude to places, loanwords, mythologies, especially the Greek mythology, and dates are preference of this professional group. The contribution of this work is the study of the lexical process of neology and the identification of the pattern of denominating actions.
Keywords: Linguística
Teses
Lexicologia
Linguística de corpus
Jornalismo
Linguagem
Metáfora
Linguística de Corpus
Operações policiais
Jornalismo popular e de referência
Lexicology
Metaphor
Corpus Linguistics
Police operations
Journalism
Area (s) of CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos
Quote: SANTOS, Candice Guarato. A criatividade nas denominações de operações policiais : um estudo preliminar de Campos Semânticos a partir de um corpus de jornais mineiros. 2017.113 f. Dissertação (Mestrado em Estudos Linguísticos) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
Document identifier: X
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20924
Date of defense: 21-Jul-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Estudos Linguísticos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CriatividadeDenominacoesOperacoes.pdfDissertação1.82 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.