Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20530
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Aberto
Title: A Contracultura no cinema: uma análise do filme Hair (Milos Formam, 1979)
Author: Silveira, Christiane Nicélia
First Advisor: Ramos, Rosangela Patriota
First member of the Committee: Ramos, Alcides Freire
Second member of the Committee: Gomes, Aguinaldo Rodrigues
Summary: Este trabalho busca refletir sobre o movimento de resistência cultural nos EUA através da análise do filme Hair (1979), do diretor Milos Formam, e da leitura de autores que influenciaram a contracultura norte-americana como Herbert Marcuse, Timothy Leary e Theodore Roszak. Defende que é possível sair da tradição documental da História, ou seja, usar fontes originais como o cinema. O texto monográfico se divide em três capítulos. O primeiro analisa o movimento Tropicalista no Brasil na década de 60, que muito sofreu influências da Contracultura. Faz uma breve discussão do Maio de 68 em países como a França e Tchecoslováquia, sem deixar de mencionar a China. O objetivo é apresentar os diferentes contextos históricos desses acontecimentos avaliando-os no que foram importantes no que tange à resistência. Também contextualiza político e socialmente a década de 60 nos EUA. Assim como retrata a Contracultura, partindo da geração beat e do macarthismo. O segundo capítulo trabalha com a análise do filme Hair, mapeando-o para que o leitor que não o tenha assistido possa saber do que se trata. Este trabalha com o universo hippie e suas formas de contestação ao regime capitalista. É uma película produzida no calor dos acontecimentos (o filme Hair deriva de uma peça musical do mesmo nome apresentada na Broadway no ano de 1969). Através de seu estudo foi possível levantar várias temáticas. O capítulo também defende a utilização do cinema como fonte de pesquisa histórica. O último capítulo discute as questões levantadas no filme em torno dos hippies e sua forma de contestação se apoiando na bibliografia que analisa a sociedade de consumo, drogas psicodélicas, relação de autoridade, etc. Mais adiante analisa as teorias da esquerda tradicional e seus fracassos, o papel da nova esquerda no que tange às resistências e a contrarrevolução no EUA.
Notes: Palavras-chave e resumo criados pelo pesquisador dos Projetos “(Per)cursos da graduação em História: entre a iniciação científica e a conclusão de curso.” (PROGRAD/DIREN/UFU 2017/2018) e “Entre a iniciação científica e a conclusão de curso: a produção monográfica dos Cursos de Graduação em História da UFU” (PIBIC EM CNPq/UFU 2017-2018).
Keywords: Contracultura
História e Cinema
Hair (1979)
Estados Unidos da América
Década de 1960
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: SILVEIRA, Christiane Nicélia. A Contracultura no cinema: uma análise do filme Hair (Milos Formam, 1979). 1999. 72 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 1999.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20530
Date of defense: 1999
Appears in Collections:TCC - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ContraculturaCinemaAnalise.pdfTCC11.66 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.