Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19667
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Pela paz que eu não quero seguir admitindo: histórias de vida de adolescentes internos no CISAU
metadata.dc.creator: Matos, Raquel Neves
metadata.dc.contributor.advisor1: Lopreato, Christina da Silva Roquette
metadata.dc.description.resumo: Este texto monográfico é um dos resultados de uma pesquisa realizada com base em História Oral de Vida realizada com adolescentes que cumprem medida socioeducativa de internação no Centro de Integração Social do Adolescente de Uberlândia-MG (CISAU). A intenção do trabalho foi, desde o início, dar voz aos adolescentes internos, que tão pouco podem falar sobre suas vidas (desde muito cedo marginalizadas), por terem idade menor que 18 anos, não respondem por si mesmos judicialmente. Sempre se tem considerações sobre eles, sobre suas vidas no crime, sobre soluções para seus desvios, mas suas vozes são, continuamente, silenciadas. Eles mesmos não falam sobre si... A intenção deste trabalho foi ouvir os adolescentes e deixar que suas vidas aparecessem contadas por eles mesmos. Ao longo da pesquisa, no entanto, outras problemáticas foram surgindo, como a ineficácia da forma escolhida pelos órgãos públicos, pelo poder judiciário e apoiada por muitos cidadãos para “ressocializar” adolescentes que cometeram infrações contra as leis que na prática têm privilegiado aos que têm dinheiro. Para isso segui o seguinte caminho: primeiramente fiz um breve estudo sobre o uso da História Oral e sua importância para o estudo da História, destacando a importância da valorização das vivências dos sujeitos históricos e a construção de suas narrativas como contribuição a uma reflexão histórica; depois procuro dialogar com os pesquisadores que já realizaram em Uberlândia pesquisas sobre criminalidade, “menores” e instituições punitivas, buscando interlocução com bibliografia já consagrada sobre os temas de interesse deste trabalho, a seguir, fiz uma discussão mais generalizada sobre menor, a justiça criminal e a instituição na qual estive em pesquisa de campo, utilizando, para tanto, de minhas observações de pesquisa e por fim, trabalhei propriamente as histórias de vida dos adolescentes que entrevistei, trazendo para reflexão todo o estudo que fizemos anteriormente.
Keywords: “Menor”
Prisão
História oral
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Citation: MATOS, Raquel Neves. Pela paz que eu não quero seguir admitindo: histórias de vida de adolescentes internos no CISAU. 2003. 74 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2003.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19667
Issue Date: 2003
Appears in Collections:TCC - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PazQueroSeguir.pdfTCC706.23 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.