Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19285
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: A construção do Estado-Nação na Argentina: uma leitura da obra “Facundo: civilização e barbárie” de Domingo Faustino Sarmiento
metadata.dc.creator: Pereira, Eurípedes de Paula
metadata.dc.contributor.advisor1: Nunes, Leandro José
metadata.dc.contributor.referee1: Almeida, Paulo Roberto de
metadata.dc.contributor.referee2: Paula, Dilma Andrade de
metadata.dc.description.resumo: A proposta de modernidade idealizada por Sarmiento, no “Facundo”, tinha por objetivo retirar a Argentina do atraso em que esta se encontrava devido à ação dos caudilhos. Terminada as lutas pela independência, a Argentina enfrentou uma série de disputas políticas envolvendo os interesses dos grandes proprietários de terras e das lideranças locais. As disputas políticas para a formação do Estado-nação argentino estavam polarizadas em dois grandes eixos políticos, os federalistas e os unitários. Dentre os primeiros estavam Rosas e Facundo Quiroga exímios representantes dos caudilhos, porém ambos não tinham opiniões iguais no que diz respeito à formação do Estado nacional argentino. Facundo Quiroga, pensava ser necessário à criação de um Estado dentro do sistema federalista. Rosas pelo contrário, entendia que cada província deveria primeiro se organizar para posteriormente construírem a federação. Dentre os segundos, isto é, os unitários estavam Sarmiento e um grupo de intelectuais liberais, que defendiam a criação de um Estado-nação guiado pela razão e pelo respeito à Constituição. O Estado-nação para Sarmiento deveria seguir os modelos exitosos da experiência norte-americana e das concepções liberais francesas de liberdade e igualdade. A civilização para Sarmiento estava na Europa e nos Estados Unidos, na Argentina, segundo ele, o que existia eram luzes de urna civilização que se encontrava ofuscada pela ação dos caudilhos que assumiram o poder político sobre as cidades argentinas.
Keywords: Tradição
Modernidade
Civilização
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DAS CIENCIAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Citation: PEREIRA, Eurípedes de Paula. A construção do Estado-Nação na Argentina: uma leitura da obra “Facundo: civilização e barbárie” de Domingo Faustino Sarmiento. 2007. 44 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Curso de História, Instituto de História, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19285
Issue Date: 2007
Appears in Collections:TCC - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ConstrucaoEstadoNacao.pdfTCC7.94 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.