Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19105
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Ansiedade, estresse, depressão e uso de drogas entre trabalhadores de enfermagem no ambiente hospitalar
metadata.dc.creator: Silva, Durval Veloso da
metadata.dc.contributor.advisor1: Junqueira, Marcelle Aparecida de Barros
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Ferreira, Maria Cristina de Moura
metadata.dc.contributor.referee1: Antunes, Arthur Velloso
metadata.dc.contributor.referee2: Simões, Ana Lúcia de Assis
metadata.dc.description.resumo: As atividades de Enfermagem no ambiente hospitalar apresentam um cenário de práticas conflituosas e competitivas. Corroboram com o adoecimento dos trabalhadores, os fatores relacionados à deficiência de infraestrutura, a carga horária exaustiva, a baixa remuneração, o lidar com o sofrimento do outro e, muitas vezes, com a morte. OBJETIVOS- Analisar os níveis de problemas de saúde mental, como estresse, ansiedade e depressão, associados ao uso de álcool e outras drogas entre profissionais de Enfermagem do Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia. METODOLOGIA-Pesquisa quantitativa, descritiva, transversal. Foram utilizados os questionários ASSIST, para triagem do uso de álcool, tabaco e outras drogas, e o DASS, que avalia níveis de depressão, estresse e ansiedade. A análise dos dados se deu por meio de utilização de estatística descritiva e exploratória. O nível de significância estabelecido foi de p>0,005. RESULTADOS - A população do estudo foi de 1.152 trabalhadores, com uma amostra de 416 participantes. Observou-se predominância do sexo feminino (85,2%), estado civil casado (69,5%), religião católica (44,1%), nível superior de escolaridade – graduação (63,8%), faixa etária foi maior que 80 anos (39,7%), e tempo de exercício na Enfermagem entre de 6 e 10 anos (22,1%). Quanto ao uso de drogas, evidenciouse risco para o uso de álcool em 6,7% dos participantes e uso em binge em 36,1%, sendo que 5,3% fazem uso de risco para o tabaco. Sobre a presença de níveis de transtornos mentais, 27,4% apresentaram algum nível de depressão, 25,7% de estresse e 28,4% de ansiedade. Foram encontradas correlações positivas entre as características sociodemográficas e o uso de álcool e outras drogas, bem como coma depressão, a ansiedade e o estresse. Além disso, verificou-se correlação positiva entre os três transtornos mentais, entre o uso de álcool e de sedativos com a depressão, estresse e ansiedade, e do uso de álcool com outras drogas. CONCLUSÃO - O acompanhamento das condições de saúde mental nos trabalhadores de Enfermagem é imprescindível, uma vez que depressão, estresse e ansiedade aparecem juntas e correlacionadas e associadas ao uso de álcool e outras drogas, contribuindo para o surgimento de doenças psíquicas e dependência química na população estudada.
Abstract: Nursing activities at hospital environment present a scenario of competitive and confrontational practices. The factors related to the poor infrastructure, the exhaustive work hours, the bad salaries, the fact of have to deal with pain and sometimes with the death contribute with the workers’ processing of sickness. OBJECTIVES - Analyze the levels of mental health problems, such as stress, anxiety and depression, related to the use of alcohol and other drugs among the nursing staff of the Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (General Hospital of University of Uberlândia). METHODOLOGY - Quantitative, descriptive, cross-sectional research that used ASSIST questionnaires (Alcohol, Smoking and Substance Involvement Screening Test) to screen the use of alcohol, tobacco and other drugs, and Depression, Anxiety and Stress Scale (DASS), which assesses depression, stress and anxiety symptoms. The analysis of the data was done through the use of descriptive and exploratory statistics. The level of significance was set at p> 0.005. RESULTS - The study population was made by 1.152 workers, with a sample of 416 participants. It was observed a prevalence of female (85.2%), married (69.5%), Catholics (44.1%), undergraduate degree (63.8%), age between 30 and 39 years (60.2%), and time of working in Nursing between 6 and 10 years (22.1%). In terms of drug use, there was a risk for alcohol use in 6.7% of the participants and use in binge in 36.1%. It was also presented that 5.3% of the participants have risky use of tobacco. Regarding the presence of mental disorders symptoms, 27.4% reported some level of depression, 25.7% of stress and 28.4% of anxiety. Positive correlations were found between socialdemographic characteristics and use of alcohol and other drugs, as well as with depression, anxiety and stress. In addition, there was a positive correlation between the three mental health disorders, between alcohol and sedative use with depression, stress and anxiety, and between alcohol use with other drugs. CONCLUSION – The attendance of Nursing workers’ mental health conditions is primordial, since depression, stress and anxiety may appear together and are related to the use of alcohol and other drugs. That fact demonstrates the possibility of a greater number of mental comorbidities in those professionals, exacerbating their general health.
Keywords: Geografia médica
Saúde e trabalho
Drogas - Abuso
Enfermeiros - Stress ocupacional
Enfermagem
Trabalho
Saúde
Nursing
Work
Health
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador (Mestrado Profissional)
Citation: SILVA, Durval Veloso da. Ansiedade, estresse, depressão e uso de drogas entre trabalhadores de enfermagem no ambiente hospitalar. 2017. 80 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19105
Issue Date: 26-May-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Saúde Ambiental e Saúde do Trabalhador (Mestrado Profissional)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AnsiedadeEstresseDepressao.pdfDissertação2.96 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.