Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19051
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Os desafios da mobilidade urbana nas cidades em transição: uma análise do Corredor Estrutural Leste de Uberlândia, MG
metadata.dc.creator: Mascarenhas, Rafhael Ribeiro
metadata.dc.contributor.advisor1: Ribeiro Filho, Vitor
metadata.dc.contributor.referee1: Araújo Sobrinho, Fernando Luiz
metadata.dc.contributor.referee2: Ferreira, William Rodrigues
metadata.dc.description.resumo: A presente pesquisa é resultado de um estudo realizado no Corredor Estrutural Leste de Uberlândia-MG, situado na Avenida Segismundo Pereira, onde ocorre a implantação de 11 estações de embarque/desembarque e um terminal de integração. Considerada uma infraestrutura destinada à circulação para o transporte público, este estudo tem como objetivo apresentar suas implicações a partir de seu processo implantação buscando compreender os reflexos socioespaciais causados pela obra antes de sua inauguração oficial, prevista para 2017. A partir da amplitude nos estudos de mobilidade urbana, decidiu-se apresentar as transformações ligadas ao desenvolvimento de políticas que incentivaram o uso dos veículos individuais motorizados em substituição às ferrovias no início do século XX, onde se extinguira todo sistema de bondes elétricos em função dos ônibus como principal forma de transporte público urbano nas cidades brasileiras. Localizado na mesorregião do Triângulo Mineiro, Uberlândia se tornou um importante nó de integração para as demais regiões brasileiras onde muitas infraestruturas voltadas para o transporte público passaram a ser implantadas em suas imediações. Quanto aos procedimentos metodológicos, a pesquisa se estruturou em um momento prévio para levantamento de dados documentais; da análise de material; e do tratamento e interpretação de dados, reforçados pelos trabalhos de campo. Diante desses procedimentos, a Av. Segismundo Pereira foi estruturada em três setores devido à sua diversidade quanto ao uso do solo, onde implicações relacionadas à circulação, sinalização e transformações que tangenciam os setores do comércio e serviços, afetaram determinadas populações que residem nos limites do perímetro urbano da região Leste da cidade. Tais implicações estão diretamente ligadas a questões político-econômicas e a sua real necessidade de implantação. Por um lado, o crescimento exponencial da frota de veículos motorizados aumenta exponencialmente, pelo outro, a queda da qualidade do transporte público urbano torna-se comum, consequência de um planejamento e gestão urbana ineficazes para as cidades contemporâneas.
Abstract: The current research is a result of studies that englobes a BRT system on Segismundo Pereira Avenue inserted in the eastern portion of Uberlandia-MG, where its being implemented 11 stations and a new bus terminal. Considered as a structural corridor to Brazilian researchers and an infrastructure designed to public transportation, this study aims present the implications caused by its construction, seeking to understand the social and spatial impacts before its official initiation, forecasted to 2017. As urban studies address an ample perspective about space and society, this study startlingly discuss the politic changings that incentivized the use of individual motor vehicles, evidencing the country’s relevance by its railroad aspect in the beginning of the 20th Century, such as the electric trams use in important Brazilian cities, that been replaced by buses nowadays. Located in the western side of Minas Gerais state, Uberlandia became an important area of transition to others regions in Brazil, reason why the authorities brought many investments of infrastructure. Regarding the methodological procedures, this study was based in a previous moment of documentary collection; analysis; and treatment/interpretation complemented by fieldtrips. Faced with these procedures mentioned, the Segismundo Pereira Ave has been structured in three sectors because of its land use diversity, where circulation and signalizing implications, such as changings that reach commerce and service, affected dwellers in the urban boundaries of Uberlandia eastern side. The implications evidenced are straightly related to political-economic issues and the real need to build an expensive infrastructure at this site projects itself beyond the gentrification areas. On the one hand, the rate of automobiles increases exponentially, on the other hand, public transportation quality decreases on the same way, reflection of an inefficient planning and managing to contemporary cities.
Keywords: Geografia
Geografia - Transportes - Uberlândia (MG)
Mobilidade urbana - Uberlândia (MG)
Transportes coletivos - Uberlândia (MG)
Corredor
Estrutural
East
Structural
Urban
Mobility
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Geografia
Citation: MASCARENHAS, Rafhael Ribeiro. Os desafios da mobilidade urbana nas cidades em transição: uma análise do Corredor Estrutural Leste de Uberlândia, MG. 2017. 107 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19051
Issue Date: 31-Mar-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DesafiosMobilidadeUrbana.pdfDissertação12.92 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.