Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18753
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: A visão dos servidores da SUPRAM TMAP sobre o funcionamento do processo de licenciamento
metadata.dc.creator: Alves, Thiago Felipe Batista
metadata.dc.contributor.advisor1: Almeida, Maria Rita Raimundo e
metadata.dc.contributor.referee1: Alves, Kamila Borges
metadata.dc.contributor.referee2: Biziak, Lucas Dovigo
metadata.dc.description.resumo: Em Minas Gerais, a crise enfrentada pelo Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos – SISEMA já é evidente para a sociedade, uma vez que o passivo administrativo cresce cada vez mais. O reflexo disso é vivenciado pelos empreendedores que não conseguem solucionar os problemas enfrentados no licenciamento, como também a concessão das licenças em tempo hábil. É notável que os servidores tenham participação sobre esse quadro, mas não devem ser os únicos responsabilizados, e sim, encarados como parte da solução para esses problemas. Diante deste contexto, é inadiável à adoção medidas de reformulação estrutural e organizacional dos órgãos ambientais a fim de melhorar a qualidade do atendimento dos servidores, trazendo benefícios à sociedade e aos municípios. Portanto, neste trabalho realizou-se um diagnóstico da realidade vivenciada e quais as dificuldades que os servidores encontram para exercer suas funções na SUPRAM TMAP, situada em Uberlândia/MG, além de propor soluções para esses problemas identificados. Os dados foram obtidos por meio de revisão de literatura e entrevistas com os servidores envolvidos (questionário semiestruturado). Foram identificados problemas estruturais, de gestão, financeiros e nos procedimentos administrativos. Dos servidores entrevistados, 74% apontaram o sistema de informações como o principal problema, além disso, questões como demanda muita alta, falta de recursos, falta de capacitação, falta de alinhamento nos procedimentos, relacionamento interpessoal, infraestrutura, falta de incentivos do Estado, morosidade e excesso de burocracia foram citados. Os servidores acreditam que as dificuldades encontradas poderiam ser resolvidas com melhorias nas condições de trabalho e, principalmente, no Sistema Integrado de Informação Ambiental – SIAM. Diante desse quadro, é necessário que todas as partes envolvidas, sendo empreendedores, consultores, servidores e principalmente o Estado, se empenhem em tornar o licenciamento ambiental um instrumento efetivo da política de meio ambiente.
Keywords: SISEMA
Licenciamento Ambiental
Minas Gerais
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::OUTROS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Citation: ALVES, Thiago Felipe Batista. A visão dos servidores da SUPRAM TMAP sobre o funcionamento do processo de licenciamento. 2017.62 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Ambiental) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18753
Issue Date: 10-Mar-2017
Appears in Collections:TCC - Engenharia Ambiental

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VisaoServidoresSupram.pdf6.7 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.