Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18536
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: A humanização da vida religiosa e a afirmação da feminilidade, uma questão de gênero? - 1965-1995
metadata.dc.creator: Lopes, Aparecida de Souza
metadata.dc.contributor.advisor1: Balbino, Carmem Lúcia Figueira
metadata.dc.contributor.referee1: Colesanti, Aldo Luís Bellagamba
metadata.dc.contributor.referee2: Almeida, Paulo Roberto de
metadata.dc.description.resumo: A monografia surgiu do desejo do pesquisador em compreender a vida religiosa feminina. Este não é um estudo pormenorizado, mas trabalha com uma breve discussão e com um conjunto de questões que parecem significativas para uma reflexão a longo prazo, por entender gênero como categoria de análise que trabalha com ideia de construção e desconstrução e a vida religiosa feminina como um discurso construído culturalmente. O objetivo é pensar em que medida a mulher religiosa consagrada foi ou é objeto passivo de dominação patriarcal eclesiástica; como, no interior de uma sociedade culturalmente machista, as situações de acomodação e resistência da mulher religiosa consagrada estão colocadas e quais são os limites de autonomia da mulher religiosa na vida conventual e social. Algumas dificuldades surgiram no decorrer da pesquisa, como encontrar documentação em virtude de não existência de trabalhos acadêmicos discutindo questões relativas à vida religiosa feminina e do pequeno número, refletindo sobre questões de gênero; além do embaraço em realizar entrevistas (pela escassez de material e constrangimento, timidez das pessoas em se colocarem). Ou seria, medo, receio de eventuais questionamentos? Apesar desses obstáculos, toda a pesquisa levou à percepção de que, na questão de gênero, o tema do feminino pelos valores novos que encarna, pelas reivindicações da mulher no sentido de ser reconhecida como pessoa, de ser acolhida em suas diferenças próprias, sem visar a privilégios, nem tolerar a dominação de um sobre o outro, pelo equilíbrio novo que propicia nos relacionamentos sociais, tornou-se tema de grande relevância.
Notes: Nota: Palavras-chave e resumo criados pelo pesquisador do Projeto PROGRAD/DIREN/UFU 2016-2017 Historiografia e pesquisa discente: as monografias dos graduandos em História da UFU.
Keywords: Vida religiosa feminina
Gênero
Brasil
1965-1995
Teólogas feministas
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Citation: LOPES, Aparecida de Souza. A humanização da vida religiosa e a afirmação da feminilidade, uma questão de gênero? - 1965-1995. 1996. 47 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 1996.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18536
Issue Date: 1996
Appears in Collections:TCC - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
HumanizaçaoVidaReligiosa.pdfTCC2.16 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.