Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18189
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Quem tem medo do cotista? Análise do rendimento de estudantes cotistas nos anos iniciais de graduação da Universidade Federal de Uberlândia
Author: Silva, Renato Augusto de Assis
First Advisor: Junqueira, Marili Peres
First member of the Committee: Jesus, Rodrigo Ednilson de
Second member of the Committee: Petean, Antônio Carlos Lopes
Summary: O presente trabalho tem o objetivo de analisar o desempenho acadêmico dos estudantes de graduação da Universidade Federal de Uberlândia que foram afetados pela Lei Federal 12.711/12, que institui a reserva de vagas nos Institutos Federais de Educação para estudantes egressos de escolas públicas, com recorte econômico e racial. O objetivo é apreender se existem diferenças de desempenho significativas entre os estudantes que ingressam por diferentes modalidades, em especial entre estudantes autodeclarados negros/indígenas e os outros estudantes da UFU. Esta comparação é feita usando o Coeficiente de Rendimento Acadêmico (CRA) de estudantes cotistas e não cotistas, verificando diferenças consideráveis no rendimento durante os dois primeiros anos de graduação. Depois de detectada a tendência de desempenho dos estudantes antes da aplicação da lei - chamada de média histórica-, foi apurado se os estudantes de cada modalidade seguiam ou não o padrão daquela tendência. Os resultados da comparação simples entre as médias aritméticas demonstram que o desempenho dos estudantes aprovados segundo o modelo da Lei 12.711/12 estiveram próximos ou acima da média histórica em 66,55% das médias analisadas. Também foram realizados os testes estatísticos ANOVA e Tukey entre as modalidades. Os dados demonstram que a entrada de estudantes por diferentes modalidades de ingresso, por meio dessa ação afirmativa, não prejudicou o desempenho geral da universidade. As modalidades que são alvo das ações afirmativas obtiveram um desempenho equivalente ao da média histórica e ao da ampla concorrência na quase totalidade das turmas analisadas.
Abstract: The present paper aims to analyze the academic performance of the undergraduate students in the Federal University of Uberlandia, who were affected by the Federal Law 12.711/12, which stablishes places reserved for students in the Federal Institutes of Education to recent graduates of public schools, with economic and racial perspective. The goal is to learn whether there are significant distinctions between students entering different modalities, especially those self-declared black/indigenous, and the other students of the Federal University of Uberlandia. This comparison uses the GPA (Grade Point Average) of quota and non-quota students, in order to learn more about the considerable income differences, during the first two years of the undergraduate course. After stating the trend towards the students’ performance before the law enforcement- titled historical average - it was also found that the trend pattern was or not followed by the students from each modality. However, until now, the results obtained show that the approved student performance, according to the model of the Act 12.711/12, was close to or about the historical average in 66, 55%, in relation to those analyzed. Also statistical tests ANOVA and Tukey between the arrangements were made. The data demonstrate that the entry of students for different modes of ingress, through this affirmative action, did not impair the overall performance of the university. The arrangements that are the subject of affirmative action achieved equivalent performance to the historical average and the extensive competition in almost all of the analyzed groups.
Keywords: Sociologia
Programas de ação afirmativa na educação
Negros - Educação (Superior) - Uberlândia (MG)
Ensino superior - Uberlândia
Cotas
Política pública
Desempenho acadêmico
Ações afirmativas
Quotas
Public policy
Academic performance
Affirmative actions
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais
Quote: SILVA, Renato Augusto de Assis. Quem tem medo do cotista? Análise do rendimento de estudantes cotistas nos anos iniciais de graduação da Universidade Federal de Uberlândia. 2016. 125 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2016.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18189
Date of defense: 26-Sep-2016
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TemMedoCotista.pdfDissertação736.25 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.