Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18125
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Percepções e sentidos da politica educacional de surdos em Uberlândia/MG
metadata.dc.creator: Amorim, Lucio Cruz Silveira
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Lázara Cristina da
metadata.dc.contributor.referee1: Lodi, Ana Claudia Balieiro
metadata.dc.contributor.referee2: Marques, Mara Rúbia Alves
metadata.dc.description.resumo: Este é um estudo de mestrado, desenvolvido no Programa de Pós-Graduação em Educação da UFU. O estudo tem por objetivo analisar as políticas inclusivas no que se refere aos processos de escolarização dos alunos surdos no município de Uberlândia, percebendo como a rede municipal de educação tem se organizado para ofertar o ensino regular a estes alunos, no período de 2002 a 2014. Questionamos, ainda, no referido espaço temporal, como ocorre a formação continuada dos professores da rede municipal para atuar nos processos de escolarização destes alunos e, em que condições está sendo ofertada a acessibilidade a este grupo de alunos investigados. Para tanto, esta pesquisa é um estudo de caráter qualitativo, cuja base teórica prima pelo enfoque sociocultural e educacional, balizado por autores como Skliar (1998), Quadros (1997), Lacerda (2002) e Silva (2012) e no que se refere a políticas de inclusão realiza-se análise de declarações e documentos legais que respaldam a inserção do aluno surdo no ensino regular. Posteriormente, foram realizadas entrevistas com os alunos surdos, professores e gestores de duas escolas da Rede Municipal de Uberlândia, em Língua de Sinais, gravadas em vídeo, a seguir transcritos em Língua Portuguesa. A partir das informações coletadas, constatou-se que, atualmente, o ensino regular – educação inclusiva – apresenta aspectos negativos tanto na formação de professores quando na organização curricular e estrutura da escola para receber os alunos surdos, ressaltando dificuldades na implementação da política de Educação Bilíngue para os surdos na região de Uberlândia. Apesar dos avanços legais ocorrido nas últimas décadas, percebemos, por meio desta investigação, que não basta uma legislação que garanta a matrícula do aluno surdo para o mesmo esteja incluído, o processo de inserção deste aluno no ensino regular perpassa por barreiras linguísticas, qualificação dos profissionais envolvidos no processo de escolarização, material didático, currículos flexíveis e avaliações que contemplem as especificidades destes alunos. Assim, sem as devidas condições de aprendizagem destes alunos, eles têm sua permanência e sucesso escolar comprometidos.
Abstract: This is a master's study, developed in the Postgraduate Diploma in Education UFU Program. The study aims to analyze the inclusive policies with regard to schooling processes of deaf students in the city of Uberlândia, realizing how the municipal education has been organized to offer regular teaching these students, from 2002 to 2014 . We question, though, in that timeline, as is the continuing education of teachers in the municipal to work in schooling processes of these students, and what conditions are being offered the accessibility of this group of students investigated. To this end, this research is a qualitative study, whose theoretical basis strives for socio-cultural and educational approach, marked by authors such as Skliar (1998) Tables (1997) Lacerda (2002) and Silva (2012) and as regards the inclusion policies carried out analysis of statements and legal documents that support the inclusion of deaf students in mainstream education. Subsequently, interviews were conducted with deaf students, teachers and managers of two schools of the Municipal Network of Uberlândia, in sign language, videotaped, then transcribed in Portuguese. From the information collected, it was found that currently the mainstream education - inclusive education - usually detrimental both in teacher training when the curricular organization and school structure to receive deaf students, highlighting difficulties in implementing the education policy bilingual for the deaf in this city. Despite legal advances in recent decades, we realize, through this research, not just legislation guaranteeing the enrollment of deaf students for the same is included, the insertion process of this student in regular education permeates language barriers, qualification professionals involved in the educational process, teaching materials, flexible curricula and assessments that contemplate the specifics of these students. So without the necessary conditions for learning of these students, they have committed their permanence and school success.
Keywords: Educação
Surdos educação
Educação inclusiva
Política e educação
Políticas de Inclusão
Surdo
Processo de escolarização
Include
Deaf
Process Schooling Policies
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: AMORIM, Lucio Cruz Silveira. Percepções e sentidos da politica educacional de surdos em Uberlândia/MG. 2015. 144 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2015.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18125
Issue Date: 11-Sep-2015
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PercepcoesSentidosPolitica.pdfDissertação1.42 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.