Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17139
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Tradução e adaptação da escala de potencial de ajustamento intercultural para a realidade brasileira
metadata.dc.creator: Tashima, Jesselyn Nayara
metadata.dc.contributor.advisor1: Gomide Junior, Sinésio
metadata.dc.contributor.referee1: Oliveira, Aurea de Fátima
metadata.dc.contributor.referee2: Siqueira, Mirlene Maria Matias
metadata.dc.contributor.referee3: Torres, Cláudio Vaz
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo teve como objetivo adaptar a escala Intercultural Adjustment Potencial Scale (ICAPS) desenvolvida por Matsumoto e LeRoux (2006) para o contexto brasileiro. O instrumento tem por objetivo avaliar o grau de dificuldade que uma pessoa terá ao se ajustar a uma nova cultura. Neste estudo optou-se por trabalhar com os 26 itens capturados pelos quatro fatores da versão original (regulação emocional, flexibilidade, abertura e pensamento crítico). O processo de adaptação cultural seguiu cinco etapas: tradução do instrumento para o português, retrotradução do português para o inglês, avaliação semântica por comitê de juízes, pré-teste da versão de ICAPS em português e administração do instrumento à população alvo para a adaptação cultural do instrumento para o contexto brasileiro e para verificar as características psicométricas. A amostra foi composta por 428 estudantes de uma universidade federal do Triângulo Mineiro e de outra instituição de ensino da cidade de Uberlândia, com idade entre 14 e 46 anos (média= 19,21, desvio padrão= 3,97). Os dados foram submetidos ao cálculo da confiabilidade dos fatores originais de ICAPS e às análises fatoriais necessárias à adaptação e validação do instrumento. A estrutura fatorial ficou composta por 4 fatores que explicaram 30,78% da variância total. O índice de confiabilidade para o fator Regulação Emocional foi de 0,10, para o fator Abertura de -0,35, para o fator Flexibilidade de -0,04 e para o fator Pensamento Crítico de 0,45. Os resultados apontaram para uma estrutura que não apresentou suporte empírico para o contexto brasileiro. Discutiram-se as limitações teóricas para o construto em estudo e algumas possíveis falhas na construção do instrumento. Com este estudo pretende-se encorajar novas pesquisas envolvendo ajustamento intercultural e instrumentos psicológicos.
Abstract: This study aimed to adapt the Intercultural Adjustment Potential Scale (ICAPS), developed by Matsumoto and LeRoux (2006) to the Brazilian context. The purpose of this instrument is to predict the degree of difficulty a person will have in adjusting to a new culture. In this study, it was opted to work with the 26 items captured by the four factors (emotion regulation, flexibility, openness, critical thinking). The adaptation process followed five steps: translation to Portuguese, back translation to English, semantic analysis by expert committee and pretest of the ICAPS version in Portuguese and administration of the instrument to the target population in order to conduct the cultural adaptation of the scale to the Brazilian context and to verify the psychometrics properties. The sample consisted of 428 students from a Federal University from Triângulo Mineiro and from other Private Educational Institution of Uberlândia, the age varied between 14 and 46 (mean= 19.21, standard deviation= 3.97). The data were submitted to reliability calculation of the original factors of ICAPS and to factorial analysis needed for the adaptation and validation of the instrument. The factorial structure was composed by 4 factors that accounted for 30.78% of the total variance. The reliability for the factor Emotion Regulation was 0.10; for the factor Openness was -0.35, for the factor Flexibility was -0.04 and for the factor Critical Thinking was 0.45. The results pointed for a structure with no empirical support for the Brazilian context. It were discussed the theoretical limitations to the construct and possible flaws of the construction of the instrument. This study has the purpose to encourage new researches involving intercultural adjustment and psychological instruments.
Keywords: Instrumento psicológico
Adaptação cultural
Psicometria
Psychological instrument
Cultural adaptation
Psychometrics
Psicologia aplicada
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citation: TASHIMA, Jesselyn Nayara. Tradução e adaptação da escala de potencial de ajustamento intercultural para a realidade brasileira. 2011. 126 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17139
Issue Date: 2-Sep-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf522.27 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.