Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16901
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Comparação da função mastigatória em portadores de overdenture e prótese parcial removível mandibular
metadata.dc.creator: Carvalho, Polliane Morais de
metadata.dc.contributor.advisor1: Prado, Célio Jesus do
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Gonçalves, Luiz Carlos
metadata.dc.contributor.referee1: Gomes, Vanderlei Luiz
metadata.dc.contributor.referee2: Mestriner Junior, Wilson
metadata.dc.description.resumo: Uma das funções dos dentes é realizar a trituração dos alimentos. A estabilidade dos dentes e/ou os tipos de próteses podem influenciar o padrão mastigatório dos indivíduos. Este estudo avaliou comparativamente a influência do tipo de reabilitação protética na performance mastigatória em função do número de ciclos mastigatórios, habilidade, satisfação e qualidade de vida em adultos portadores de diferentes reabilitações removíveis. O trabalho envolveu 25 indivíduos adultos divididos em dois grupos de próteses mandibulares: portadores de overdenture (PMSIR) e prótese parcial removível (PPRel) arco classe I de Kennedy, ambos tendo como antagonista a prótese removível maxilar convencional (PRT). O alimento artificial Optocal foi utilizado e a dureza deste simulador de alimento foi monitorada previamente aos testes, por meio de durômetro digital shore A, até que atingisse dureza shore A entre 30 e 35. O alimento foi fornecido em porções de 17 cubos (com lados de 5,6 mm) para testar a performance mastigatória. A trituração dos alimentos foi realizada com 40 ciclos mastigatórios. Os fragmentos de Optocal foram colocados numa coluna de oito peneiras em ordem decrescente de aberturas, variando de 5,6 mm a 0,5 mm. A quantidade de alimento artificial retido em cada peneira foi mensurada e o diâmetro geométrico médio das partículas obtido. Questionários foram usados para avaliar a habilidade, satisfação, e qualidade de vida dos pacientes. Os dados dos testes objetivos de performance mastigatória foram analisados por meio do teste t de Student (p<0:05). Para os testes subjetivos foi utilizado o teste U de Mann-Whitney (p<0:05).Os valores de redução do DGM em porcentagem para os grupos PMSIR e PPRel foi de 27,08% e 18,36% respectivamente. Os resultados revelaram performance mastigatória semelhantes para os grupos estudados, muito inferiores ao de dentição natural. Em relação aos parâmetros subjetivos, o grupo PPR estava mais insatisfeito.
Abstract: One of the functions of teeth is to comminute food. Teeth and/or prosthodontics stability can influence subjects chewing pattern. This study evaluated comparatively the influence of oral rehabilitation type on masticatory performance in terms of number of cycles, masticatory ability, satisfaction and quality of life in adults with different removable restorations. The study involved 25 adults divided into two groups of mandibular rehabilitations: overdenture (PMSIR) and partial denture (RPD) Kennedy Class I, both as antagonist a conventional maxillary denture (PRT). The objective tests of masticatory performance were realized with the artificial test food Optocal. A shore A durometer was used before these tests to monitorate Optocal hardness up to 30 to 35 units. Food was provided in portions of 17 cubes (with sides of 5.6 mm) to test the masticatory performance. The grinding of the food was performed with 40 cycles.Optocal fragments were placed in a column of eight sieves in descending order of openings, ranging from 5.6 mm to 0.5 mm. The amount of artificial food retained in each sieve was measured and the Geometric Diameter Mean (GDM ) of particles obtained. Questionnaires were used to evaluate the ability, satisfaction, and quality of life of patients. The data of objective tests of masticatory performance were analyzed using the Student t test (p <0:05). For subjective tests was used the U-Mann-Whitney test (p <0:05). The values of reduction in percentage of (GDM ) for groups PMSIR and PPR was 27.08% and 18.36% respectively. The results showed masticatory performance similar to the groups, much lower than that natural dentition. Regarding the subjective parameters, the PPR group was more dissatisfied.
Keywords: Prótese dentária parcial removível
Mastigação
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Odontologia
Citation: CARVALHO, Polliane Morais de. Comparação da função mastigatória em portadores de overdenture e prótese parcial removível mandibular. 2010. 136 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2010.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16901
Issue Date: 22-Feb-2010
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diss Poliana.pdf5.44 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.