Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16756
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Oralidade e letramento no ensino de Língua Portuguesa : uma proposta de trabalho com o gênero relato pessoal
metadata.dc.creator: Dantas, Sônia Alves
metadata.dc.contributor.advisor1: Marine, Talita de Cássia
metadata.dc.contributor.referee1: Barbosa, Juliana Bertucci
metadata.dc.contributor.referee2: Alves, Marlúcia Maria
metadata.dc.description.resumo: Este estudo originou-se a partir da constatação de que o ensino da oralidade e da escrita em boa parte das escolas brasileiras ainda ocorre de forma insatisfatória, seja pela artificialidade presente nas propostas de ensino dos gêneros discursivos, que nem sempre envolvem situações reais de uso da língua, ou ainda pelo pouco espaço reservado ao ensino dos gêneros orais na escola. Portanto, o principal objetivo desta pesquisa foi analisar as possíveis contribuições de uma sequência didática de ensino do gênero discursivo relato pessoal para a ampliação da competência comunicativa de alunos do 6º ano do Ensino Fundamental. Além disso, objetivou-se especificamente: realizar uma discussão acerca da relevância do trabalho com gêneros discursivos como objeto de ensino para o desenvolvimento da competência comunicativa dos alunos, ressaltando a importância de se reservar um espaço maior também ao trabalho com os gêneros orais; promover uma reflexão acerca das contribuições da Sociolinguística Educacional para o ensino de Língua Portuguesa e, especificamente, sobre a importância de um trabalho orientado pela noção de adequação linguística, como forma de combate à doutrina do erro e, consequentemente, ao preconceito linguístico; apresentar uma proposta de intervenção didática aplicada em uma turma de alunos do 6º ano do Ensino Fundamental de uma escola da rede pública municipal de Uberlândia/MG e analisar os resultados dessa aplicação; contribuir com a formação de professores, por meio da elaboração de material didático para o ensino de Língua Portuguesa e de reflexões acerca da aplicação da proposta e dos resultados obtidos. Para tanto, foi desenvolvida uma pesquisa qualitativa, que pode ser definida também como uma pesquisa-ação, dado o seu caráter interventivo e interpretativo. Dessa forma, essa pesquisa envolveu a participação de quinze alunos do 6º ano do Ensino Fundamental de uma escola da rede pública municipal de Uberlândia, além da professora-pesquisadora. Durante dois meses, foram desenvolvidas atividades de ensino da oralidade e escrita previstas na sequência didática proposta. Posteriormente, procedeu-se à análise dos dados que compuseram o corpus da pesquisa: produções textuais orais e escritas dos alunos e notas de campo da professora-pesquisadora sobre o desenvolvimento das atividades propostas. A análise dos dados foi realizada à luz do referencial teórico utilizado: Bakhtin (1997), Cyranka (2014), Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004), Faraco (2008), Fávero, Andrade e Aquino (2012), Geraldi (2004), Marcuschi (1997; 2001; 2010), dentre outros. Os resultados evidenciaram que a sequência didática de trabalho com o gênero discursivo relato pessoal configurou-se como um instrumento pedagógico importante, à medida que potencializou o trabalho com as modalidades fala e escrita em uma situação real de uso da língua e, dessa forma, contribuiu para um maior engajamento dos alunos nas atividades realizadas e para o consequente aprimoramento das produções textuais orais e escritas dos educandos.
Abstract: This study began from the verification that oral and written teaching, in most of the Brazilian schools, is still happening in an unsatisfying way, either for the artificiality in education proposals on genres of discourse which not always concern real situations of the language uses or for the small space reserved to the education for oral genres at the school. Thus, the main objective of this research was to analyze the possible contributions of a didactic sequence of the genre of discourse known as personal tale to the extension of communicative skills from 6th grade students of elementary school. Moreover, it was specifically aimed: to promote a discussion regarding the relevance of studying oral genres; to promote a brief reflection about the relevance of the work with genres as a teaching tool, emphasizing the importance of booking larger space also to work with oral genres; to foster a brief reflection about the contributions of Educational Sociolinguistics to teach Portuguese and, specifically, about the importance of an oriented work toward the notion of linguistic adequacy, as a way to fight against the error doctrine and, consequently, against linguistic prejudice; to present a proposal of didactic intervention made with 6th grade students from an elementary public school from Uberlândia/MG and analyze the results of its application; to contribute with teacher formation, by editing didactic material for Portuguese lessons and also regarding reflection about the proposal application and its outcomes. For this purpose, a qualitative research was developed, which can also be defined as an action research, considering its interventionist and interpretative character. Therefore, this research involved the participation of fifteen students from the 6th grade from an elementary public school from Uberlândia/MG, in addition to the researcher teacher. For two months, there were developed teaching activities about orality and writing provided in the didactic sequence proposed. After this, the analysis of the data that formed the corpus of the research has been performed: oral and written text productions of students and field notes from the researcher teacher on the development of the proposed activities. Data analysis was carried out highlighting theoretical authors, such as Bakhtin (1997), Cyranka (2014), Dolz, Noverraz and Schneuwly (2004), Faraco (2008), Fávero, Andrade & Aquino (2012), Geraldi (2004), Marcuschi (1997; 2001; 2010), among others. The outcomes pointed out that the didactic sequence of work with the genre of discourse Personal Tale is an important teaching tool, since it improved the works with the modalities speaking and writing in a real situations of language use and, thus, contributed to greater engagement of the students in activities performed and the consequent improvement of oral and written text productions of the students.
Keywords: Língua Portuguesa - estudo e ensino
Oralidade
Letramento
Ensino de Língua Portuguesa
Relato pessoal
Adequação linguística
Orality
Literacy
Portuguese language teaching
Personal tale genre of discourse
Language adequacy
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Linguística, Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Letras (Mestrado Profissional)
Citation: DANTAS, Sônia Alves. Oralidade e letramento no ensino de Língua Portuguesa : uma proposta de trabalho com o gênero relato pessoal. 2015. 184 f. Dissertação (Mestrado em Linguística, Letras e Artes) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2015.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16756
Issue Date: 18-Aug-2015
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Letras (Mestrado Profissional)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
OralidadeLetramentoEnsino.pdf1.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.