Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16754
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Variação diatópica de aspecto semântico-lexical e ensino de Língua Portuguesa
metadata.dc.creator: Caixeta, Márcia Christina de Souza Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor1: Cristianini, Adriana Cristina
metadata.dc.contributor.referee1: Dias, Eliana
metadata.dc.contributor.referee2: Santos, Irenilde Pereira dos
metadata.dc.description.resumo: A presente pesquisa tem como objetivo principal realizar uma proposta de intervenção pedagógica, nas aulas de Língua Portuguesa, voltada para o ensino da variação semântico-lexical, com foco na variação diatópica. Os objetivos específicos da pesquisa são os seguintes: (i) elaborar material didático para ser utilizado, em sala de aula, durante a aplicação da pesquisa; (ii) desenvolver, em sala de aula, oficinas pedagógicas nas quais o material elaborado possa ser aplicado; (iii) avaliar se as atividades desenvolvidas são adequadas e, posteriormente, proceder a sua implementação e/ou reformulação; (iv) contribuir para que os alunos possam ampliar seu conhecimento acerca da variação semântico-lexical de caráter diatópico; (v) contribuir para que os alunos adquiram uma postura crítico-reflexiva em relação ao preconceito linguístico, com vistas a minimizar atitudes de preconceito. As inúmeras discussões que envolvem o ensino de Língua Portuguesa e a necessidade de se trabalhar com a variação semântico-lexical em sala de aula despertaram-nos o interesse pelo tema. Dessa forma, buscamos, a partir de pesquisas teóricas voltadas para o léxico, a semântica e a variação linguística, construir um suporte teórico suficiente para a elaboração de atividades de intervenção pedagógica. Tendo em vista o fato de que nos voltamos para a variação semântico-lexical, vale destacar que nosso enfoque deu-se na perspectiva da variação diatópica e que se baseou também em aspectos teóricos relacionados à Dialetologia e aos atlas linguísticos. A fundamentação teórica para nossas discussões bem como para a elaboração das atividades de intervenção pautou-se por pesquisadores ligados às temáticas supramencionadas, tais como: Barbosa (1978; 1990; 1997); Cançado (2013); Cardoso (2010); Coseriu (1979; 1980); Bagno (2003; 2007; 2013); Faraco (2008; 2012); Preti (2003); Labov (2008); dentre outros. Desenvolvendo um trabalho que, metodologicamente, foi construído com base nos moldes da pesquisa-ação, podemos afirmar que as atividades realizadas e as discussões possibilitadas pela interação em sala de aula permitiram aos alunos um novo olhar diante da língua que falam, desconstruindo a ideia de que o Português é uma língua única, homogênea e imutável. Os dados coletados evidenciaram também que, embora na intervenção pedagógica tenhamos tentado apresentar aos alunos a norma linguística para a variação semântico-lexical de determinadas regiões, buscando desmitificar a ideia de que existe um Português correto, a noção de acerto e erro ainda está fortemente presente na concepção que eles têm de língua. Isso revela que o presente trabalho conseguiu trazer resultados positivos, embora não tenha atingido a totalidade dos alunos. Ademais, por intermédio da realização desta pesquisa, restou demonstrado que, para que o trabalho com variação semântico-lexical seja, de fato, eficiente, é necessário não nos limitarmos a uma unidade do livro didático em determinado ano escolar, mas realizarmos um trabalho contínuo e sistemático com tal tema.
Abstract: This research aims to conduct a proposal of educational intervention, in Portuguese classes, focused on the teaching of lexical-semantic variation, focusing on diatopical variation. The specific objectives of the research are: (i) developing educational materials to be used in classroom during the application of research; (ii) developing in classroom teaching workshops in which the prepared material can be applied; (iii) assess whether the activities are appropriate and subsequently carry out its implementation and / or reformulation; (iv) contribute to the students to broaden their knowledge about the semantic-lexical variation of diatopical character; (v) help students blased a critical and reflective attitude towards linguistic prejudice, in order to minimize bias attitudes. The numerous discussions involving the Portuguese language teaching and the need to work with the semantic-lexical variation to keep the class interested in the topic. Therefore, we sought from theoretical research focused on the lexicon, semantics and linguistic variation build a sufficient theoretical support for the development of pedagogical intervention activities. In view of the fact that we turn to the semantic-lexical variation, it is noteworthy that our focus was on diatopical variation and was based on theoretical aspects related to Dialectology and linguistic atlas. The theoretical basis for our discussions and to develop the intervention activities was characterized by researchers linked to the above themes, such as: Barbosa (1978; 1990; 1997), Cançado (2013), Cardoso (2010), Coseriu (1979; 1980), Bagno (2003; 2007; 2013), Faraco (2008; 2012), Preti (2003), Labov (2008), among others. Developing a work that , methodologically , was built on the lines of action research , we can say that activities and discussions made possible by the interaction in the classroom allowed students a new perspective on the language they speak, deconstructing the idea that the Portuguese is a single , homogeneous and unchanging language. The data collected also showed that although in the educational intervention we have tried to introduce to the students linguistic standard for semantic-lexical variation in some areas, trying to demystify the idea that there is a correct Portuguese, the notion of accuracy and error is still strongly present in the conception they have of language. This reveals that this work could bring positive results, although it has not reached all students. Additionally for the work with semantic- lexical variation to be indeed efficient, we need not limit ourselves to a unit of the textbook in a given school year, but carry out a continuous and systematic work with this theme.
Keywords: Léxico
Variação semântico-lexical
Atlas linguístico
Português do Brasil
Ensino de Língua Portuguesa
Lexicon
Lexical-semantic variation
Linguistic atlas
Portuguese of Brazil
Portuguese Language teaching
Língua portuguesa - Estudo e ensino
Língua portuguesa - Semântica
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Linguística, Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Letras (Mestrado Profissional)
Citation: CAIXETA, Márcia Christina de Souza Oliveira. Variação diatópica de aspecto semântico-lexical e ensino de Língua Portuguesa. 2015. 266 f. Dissertação (Mestrado em Linguística, Letras e Artes) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2015.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16754
Issue Date: 13-Aug-2015
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Letras (Mestrado Profissional)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VariacaoDiatopicaAspecto.pdf4.56 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.