Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16604
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Modulação da produção de citocinas por células mononucleares de sangue periférico de pacientes atópicos por vesículas extracelulares oriundas de células mononucleares de sangue periférico de pacientes não atópicos
metadata.dc.creator: Penha, Helena Maria Caleiro Acerbi
metadata.dc.contributor.advisor1: Taketomi, Ernesto Akio
metadata.dc.contributor.referee1: Campos, Régis de Albuquerque
metadata.dc.contributor.referee2: Rodrigues Junior, Virmondes
metadata.dc.contributor.referee3: Napolitano, Danielle Reis
metadata.dc.contributor.referee4: Pereira, Boscolli Barbosa
metadata.dc.description.resumo: A alergia, uma doença inflamatória crônica, é um problema de saúde pública que afeta a qualidade de vida de milhões de crianças e adultos. Sua prevalência tem aumentado drasticamente em muitos países, principalmente nos países mais industrializados. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de vesículas extracelulares isoladas de células mononucleares de sangue periférico (PBMC) de indivíduos não atópicos, alterarem o perfil de resposta imune na Alergia, para um perfil pró-inflamatório ou regulador. As vesículas extracelulares têm origem endossomal (exossomos) ou se originam diretamente da membrana plasmática (microvesículas) da célula que lhes deu origem. São secretadas por um grande número de células, inclusive, as implicadas na alergia, como mastócitos, células dendríticas, linfócitos T e B. São produzidas em condições fisiológicas, e nas patologias, sua secreção mostra-se aumentada. As vesículas extracelulares foram isolados a partir de PBMC de indivíduos não atópicos e caracterizadas quanto ao perfil eletroforético de suas proteínas, quanto à especificidade com técnicas de imunomarcação, como western blot e microscopia eletrônica de transmissão para o Receptor transferrina 2 (TFR2), CD63, CD81 e pela análise ultraestrutural. Essas vesículas foram então usadas para estimular as PBMC de indivíduos atópicos. Foi feita análise quantitativa da produção de citocinas em sobrenadante de cultura por método imunoenzimático. As vesículas extracelulares isoladas de PBMC de indivíduos não atópicos, foram capazes de influenciar o perfil de citocinas de indivíduos atópicos, modulando esse perfil, com diminuição nos níveis de IFN-γ e aumento nos níveis de IL-10, induzindo a um perfil de resposta imune com efeito regulador.
Abstract: Allergy, a chronic inflammatory disease, is a public health problem that affects the quality of life of millions of children and adults. Its prevalence has increased dramatically in many countries, especially in the industrialized one. The aim of this study was to evaluate the potential of extracellular vesicles isolated from mononuclear cells from peripheral blood (PBMC) of non-atopic individuals, to alter the immune response profile in Allergy, for a proinflammatory or regulatory profile. The extracellular vesicles have endosomal origen (exosomes) or they originated directly from the plasma membrane (microvesicles) of the cell that gave rise to it. They are secreted by a large number of cells, including involved in allergy, like mast cells, dendritic cells, T and B lymphocytes, and are produced under physiological conditions or disease, when their secretion show increased. The extracellular vesicles were isolated from PBMC of non-atopic subjects and analyzed for the electrophoretic profile of proteins, for the specificity with immunostaining technics such as western blot and transmission electron microscopy for the transferrin receptor 2 (TFR2 ), CD63, CD81 and the ultrastructural analysis. These vesicles were then used to stimulate PBMCs from atopic individuals. Quantitative analysis of cytokine production was made in the culture supernatant by enzyme immunoassay. Extracellular vesicles isolated from PBMC of non-atopic individuals, were able to affect the cytokine profile of atopic subjects, with modulating profile, with lower IFN-γ and increased IL-10 levels, leading to a response profile with immune regulatory effect.
Keywords: Alergia
Vesículas extracelulares
Exossomos
Microvesículas
Resposta imune
Citocinas
Eleito regulador
Allergy
Extracellular vesicles
Exosomes
Microvesicles
Cytokines
Immune response
Regulatory effects
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::IMUNOLOGIA::IMUNOLOGIA APLICADA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Imunologia e Parasitologia Aplicadas
Citation: PENHA, Helena Maria Caleiro Acerbi. Modulação da produção de citocinas por células mononucleares de sangue periférico de pacientes atópicos por vesículas extracelulares oriundas de células mononucleares de sangue periférico de pacientes não atópicos. 2015. 104 f. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2015.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16604
Issue Date: 30-Jan-2015
Appears in Collections:TESE - Imunologia e Parasitologia Aplicadas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ModulacaoProducaoCitocinas.pdf2.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.