Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16237
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Concentração de macro e micronutrientes em áreas úmidas de chapada no município de Uberlândia/MG
metadata.dc.creator: Ferreira, Daniele Araújo
metadata.dc.contributor.advisor1: Rosolen, Vania Silvia
metadata.dc.contributor.referee1: Coelho, Luciana Melo
metadata.dc.contributor.referee2: Santos, Adriano Rodrigues dos
metadata.dc.description.resumo: Expansão e intensificação são dois caminhos para aumentar a produtividade agrícola, no entanto ambos causam impactos ambientais. No cerrado do Triângulo Mineiro, a expansão e a intensificação da agricultura iniciada na década de 1970 ocuparam, inicialmente, as áreas com Latossolos, mas a necessidade de mais terras para cultivo excedeu seus limites e avançou ou incorporou as áreas úmidas de campos de murundus. Esses campos de murundus correspondem a depressões topográficas localizadas na superfície da chapada sedimentar, pois são ecossistemas que permanecem temporária ou permanentemente alagados. Possuem solos com horizonte superficial rico em matéria orgânica sobreposto a horizonte mineral cinzaclaro ou mosqueado, refletindo as condições de redução do óxido de ferro em ambientes alagados. Essas áreas não foram inventariadas e não são consideradas como áreas úmidas no Código Florestal Brasileiro e, além disso, não apresentam legislação especifica relacionada às áreas de preservação permanente, fator que dificulta a inibição do avanço da agricultura em suas bordas. Isso se deve às características intrínsecas relacionadas ao solo, à topografia e à presença do nível freático elevado. Diante do exposto, o objetivo deste trabalho foi de avaliar os impactos gerados pela agricultura em áreas de murundus mediante comparações entre os teores de macro (N, P, K, Ca, Mg, S) e micronutrientes (Fe, Mn, Cu, Zn) presentes em um murundu drenado (MD) e usado para cultivo e outro não impactado e considerado como solo de referência (MR). As amostras de solo foram coletadas em três profundidades e realizaram-se análises morfológicas do complexo sortivo e granulométricas com vistas à comparação entre os dois ambientes. Os resultados mostram que os murundus podem ser caracterizados como área de interceptação de nutrientes liberados no ambiente pelo uso de fertilizante, agrotóxicos e corretivos do solo, uma vez que foi detectado o aumento dos teores dos seguintes nutrientes quando comparados os dois murundus (MR) e (MD): fósforo (P), sódio (Na), cálcio (Ca), magnésio (Mg), soma de bases (SB), CTC efetiva (t), saturação por bases (V), e o índice de saturação por sódio (ISNa).
Abstract: Expansion and intensification are two ways to increase agricultural productivity nevertheless both cause environmental impacts. In Triangulo Mineiro Cerrado, agriculture expansion and the intensification started in the 1970s have occupied initially the Oxisols areas, but the need for more land for cultivation exceeded its limits and advanced or incorporated wetlands of field mounds. Mounds fields correspond to topographic depressions located on the surface of the sedimentary plateau and they are ecosystems are ecosystems that remain temporarily or permanently flooded. They have organic matter rich soils overlapping light gray or mottled mineral horizon reflecting the conditions of iron oxide reduction in flooded environments. Such areas are not scheduled and the Brazilian Forest Code has not considered them as wetlands. Furthermore, they have no specific legislation concerning to permanent preservation areas factor that hinders the inhibition of advancing agriculture at its edges. This is due to intrinsic features regarding soil, topography as well the presence of the high water level. So, this study aimed to evaluate the agriculture impacts on mounds fields by comparison between the macro contents (N, P, K, Ca, Mg, S) and micronutrients (Fe, Mn, Cu, Zn) in a drained mound used in cultivation and another not impacted one used as control soil. We collected samples at three depths and carried out morphological and grain size analysis in the complex sorption in order to compare both environments. The results showed that we could characterize mounds as areas for nutrient interception released in fertilizer use for the environment pesticides and soil correctives. We detected increased levels in following nutrients by comparing both MR and MD mounds: phosphorus (P), sodium (Na), calcium (Ca), magnesium (Mg), total bases (TB), effective CEC (t), base saturation (V), and saturation index sodium (ISNA).
Keywords: Campos de murundus
Agricultura
Fertilidade do solo
Contaminação do solo
Topo de Chapada
Mound fields
Agriculture
Soil fertility
Soil contamination Plateau top
Solos - Fertilidade
Solos - Contaminação
Geografia agrícola - Triângulo Mineiro (MG)
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Geografia
Citation: FERREIRA, Daniele Araújo. Concentração de macro e micronutrientes em áreas úmidas de chapada no município de Uberlândia/MG. 2015. 128 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2015.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16237
Issue Date: 18-Mar-2015
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ConcentracaoMacroMicro.pdf4.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.