Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16220
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Influência do fenômeno veranico na produtividade da soja na mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba - MG
metadata.dc.creator: Roldão, Aline de Freitas
metadata.dc.contributor.advisor1: Ferreira, Vanderlei de Oliveira
metadata.dc.contributor.referee1: Rosa, Roberto
metadata.dc.contributor.referee2: Cupolillo, Fúlvio
metadata.dc.description.resumo: Nas regiões tropicais a maioria das atividades agrícolas depende diretamente da estação chuvosa, especialmente as culturas anuais que são plantadas e colhidas dentro do período chuvoso, como é o caso da soja. Mesmo o clima sendo um agente influenciador nas práticas agrícolas, as plantas cultivadas estão cada vez mais resistentes aos seus fenômenos anômalos, como por exemplo, os períodos de estiagem dentro da estação chuvosa designados como veranicos. Isso ocorre em virtude da grande inserção de tecnologias empregadas na agricultura. O presente estudo objetiva analisar a relação entre a ocorrência de veranicos e a produtividade da soja na mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba - MG, a fim de atualizar o entendimento sobre o grau de dependência dessa importante cultura agrícola em relação à variabilidade pluviométrica no interior da estação chuvosa. A mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba localiza-se na porção oeste do estado de Minas Gerais e possui população de 2.144.482 habitantes e área de 90.540 km². É a maior produtora de soja de Minas Gerais, sendo responsável por 56,8% do total produzido no estado. Para a realização dessa pesquisa foram utilizadas as séries históricas de 30 postos pluviométricos da ANA, englobando o período de 1980 a 2013 (34 anos). Já os dados de produtividade da soja foram adquiridos por meio do IBGE (SIDRA), englobando o período de 1990 a 2012 (23 anos). Foram calculados os balanços hídricos através da metodologia de Thornthwaite e Mather (1955). Esses foram necessários para a contagem dos veranicos e também para delimitação da estação chuvosa. A partir dos dados de produtividade da soja com os respectivos totais de ocorrências de veranicos foram elaborados gráficos de dispersão e calculados coeficientes de correlação de Pearson entre as duas variáveis. Quanto à delimitação da estação chuvosa, obteve-se como média de início na mesorregião o dia 19 de outubro e o término 11 de abril, com uma duração média de 175 dias. Ocorreram 3553 veranicos durante o período analisado, sendo que 77% (2745 ocorrências) foram os de duração entre 05 e 09 dias. O mês de fevereiro foi o que somou maior número de ocorrências, sendo 1326, correspondente a 37% do total encontrado na mesorregião. Em seguida foi o mês de dezembro, com 1173 registros, ou seja, 33% do total e por fim o mês de janeiro, que teve 1054 ocorrências, valor esse equivalente a 30 % do total da mesorregião. Quanto às correlações entre os totais de veranicos e a produtividade da soja, dentre as 30 localidades, 21 tiveram correlações negativas, comprovando o fato de que quanto maior o total de veranicos menor é a produtividade da soja. A maioria teve uma correlação moderada, ou seja, em 10 postos pluviométricos, o equivalente a 33% do total analisado a correlação obteve resultados médios. Já as 9 localidades restantes apresentaram correlações positivas e fracas, indicando a não existência de relação entre as variáveis analisadas.
Abstract: In the regions of tropics most of the agricultural activities depends directly on the rainy season, especially annual crops that are planted and harvested in the rainy season, as is the case of soybeans. Even the weather being an influencer agent in agricultural practices, cultivated plants are increasingly resistant to its anomalous phenomena, such as dry periods within the rainy season designated as dry spells. It occurs because of the large insertion of technologies employed in agriculture. This study analyzes the relationship between the occurrence of dry spells and soybean yield in the middle region of Triangulo Mineiro / Alto Parnaíba - MG in order to update the understanding of the degree of dependence of this important crop in relation to rainfall variability within the rainy season. The mesoregion of Triângulo Mineiro / Alto Paranaíba is located in the western portion of the state of Minas Gerais and has a population of 2,144,482 inhabitants and an area of 90,540 km². It is the largest producer of soybeans in Minas Gerais, responsible for 56.8% of the total production in the state. For the production of this research, it were used the historical time series of 30 rainfall stations of ANA, covering the period of 1980-2013 (34 years). The soybean productivity data were acquired by the IBGE (SIDRA), encompassing the period from 1990 to 2012 (23 years). Water balances were calculated by Thornthwaite and Mather methodology (1955). These were needed for the counting of dry spells and also for the delimitation of the rainy season. From the soybean productivity data with the respective total dry spells occurrences were prepared scatter plots and calculated Pearson\'s correlation coefficient between the two variables. As the delimitation of the rainy season, was obtained as the average beginning in the mesoregion on October 19 and ending on April 11, with an average duration of 175 days. 3553 dry spells occurred during the study period, being 77% of them (2745 events) of duration between 5 and 9 days. The month of February was the one that amounted more occurrences, 1326, corresponding to 37% of the total found in the mesoregion. Next was the month of December with 1173 records, 33% of the total and finally the month of January, which scored 1054 occurrences, an amount equivalent to 30% of the total. In respect to correlations between the total dry spells and soybean productivity, among the 30 locations, 21 had negative correlations, proving the fact that the higher the total dry spells is, lower soybean productivity is too. Most had a moderate correlation, i.e. 10 rainfall stations, equivalent to 33% of the total analyzed, the correlation obtained medium results. The 9 remaining locations presented positive and weak correlations, indicating that there is no relationship between the variables analyzed.
Keywords: Pluviosidade
Soja
Produtividade
Veranicos
Rainfall
Soybeans
Productivity
Dry spells
Soja - Produção
Chuvas - Agricultura
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Geografia
Citation: ROLDÃO, Aline de Freitas. Influência do fenômeno veranico na produtividade da soja na mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba - MG. 2015. 118 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2015.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16220
Issue Date: 25-Mar-2015
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
InfluenciaFenomenoVeranico.pdf4.18 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.