Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16110
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: A expansão da cana-de-açúcar na mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba (MG): o discurso da modernidade e as des-(re)-territorializações nos Cerrados do município de Ibiá
metadata.dc.creator: Faria, Arley Haley
metadata.dc.contributor.advisor1: Santos, Rosselvelt José
metadata.dc.contributor.referee1: Saquet, Marcos Aurélio
metadata.dc.contributor.referee2: Pereira, Mirlei Fachini Vicente
metadata.dc.description.resumo: Neste trabalho, procuramos analisar a instalação e expansão das lavouras de cana-de-açúcar na mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, no Estado de Minas Gerais, Brasil. Damos especial atenção a um empreendimento instalado no município de Ibiá. Analisamos a chegada deste capital canavieiro e a reestruturação da base fundiária do município em novas territorialidades, além das transformações ocorridas nas cadeias produtivas com a substituição das culturas agrícolas tradicionais da região. A realização deste trabalho foi possível à custa de diversas incursões ao campo, ocorridas entre março de 2008 e abril de 2010, época em que nos deparamos com a contraposição entre os agentes evolvidos com o capital canavieiro de um lado, proprietários de terras e produtores rurais de outro, em ações de afirmação territorial a fim de manter seus interesses produtivos na região. Demonstramos como o capital agrícola que chega à região na década de 1960 e se intensifica nas duas décadas finais do século passado vêm sendo reestruturado, em uma substituição de agentes e em ciclos produtivos que se concatenam transfigurando a realidade agrária do município, reinventando e deixando resíduos, marcas e resistências no espaço estudado. Os antigos produtores rurais presentes na região em momento anterior à chegada do empreendimento sucroalcooleiro, vê surgir repentinamente uma espécie de concorrência em relação ao acesso às terras agricultáveis, especialmente quando estes arrendam as propriedades para plantio por um período determinado. A Usina destilaria, ao pagar mais pelas terras arrendadas, intensifica a valorização das propriedades rurais na região fazendo com que os outros produtores rurais encontrassem dificuldades para manter seu empreendimento produtivo. Estas dificuldades se travestiram, em algum momento, com as características dos processos de desterritorializações e reterritorializações na região, onde tais produtores, na perspectiva de manter sua atividade produtiva, reestruturam formas variadas de readaptação às suas atividades produtivas.
Abstract: In this study, we analyzed the installation and expansion of sugar cane plantations in the middle region of Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba in Minas Gerais state in Brazil. We pay special attention to a business located in Ibiá county. We analyzed the arrival of bank stock and the restructuring of the sugar cane land base in new territories in the city and the changes in the productive chains with the replacement of traditional agricultural crops in the region. This work was possible thanks to several trips to the field made between March 2008 and April 2010. At which time we saw the contrast between the agents evolved with sugarcane bank stock on one side, landowners and farmers on the other side, in actions involving their territory in order to maintain their productive interests in the region. We demonstrate how the agricultural bank stock is being restructured in a replacement of staff and production cycles that are transforming the agricultural reality concatenate the city reinventing and leaving waste brands and resistance in the area studied. This is happening since they came to the region in the 1960s and intensified their action in the final two decades of the last century The older farmers in the region just prior to the arrival of sugarcane development, suddenly see a sort of competition for access to arable land, especially when they lease the property for planting for a specified period. The distillery plant, paying more for leased land, intensifies the exploitation of rural properties in the region so that other farmers find it difficult to keep their business productive. These difficulties were dressed at some point with the characteristics of deterritorializations and reterritorializations process in the region where such producers, trying to keep their productive activities, reinvent many rehabilitation forms to restructure their productive activities.
Keywords: Cana-de-açúcar
Territórios
Ibiá
Etanol
Sugar cane
Territories
Ethanol
Geografia rural - Ibiá (MG)
Cana-de-açúcar - Aspectos econômicos
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Geografia
Citation: FARIA, Arley Haley. A expansão da cana-de-açúcar na mesorregião do Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba (MG): o discurso da modernidade e as des-(re)-territorializações nos Cerrados do município de Ibiá. 2011. 223 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16110
Issue Date: 11-Apr-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf5.3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.