Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15974
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Territorialidades camponesas na educação de assentados: assentamento Brejinho em Miracema do Tocantins
Other Titles: Peasants territorialities in setters education: Brejinho Settlement in Miracema of Tocantins
metadata.dc.creator: Oliveira, Antônio Miranda de
metadata.dc.contributor.advisor1: Santos, Rosselvelt José
metadata.dc.contributor.referee1: Sampaio, Adriany de ávila Melo
metadata.dc.contributor.referee2: Pessoa, Jadir de Morais
metadata.dc.contributor.referee3: Rodrigues, Jean Carlos
metadata.dc.contributor.referee4: Cleps Junior, João
metadata.dc.description.resumo: Esta tese é resultado de uma investigação realizada junto ao Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal de Uberlândia Instituto de Geografia, na Linha de Pesquisa Análise, Planejamento e Gestão dos Espaços Rurais e Urbanos. Teve como objetivo principal estudar os camponeses do Brejinho, assentamento de reforma agrária localizado na região norte do Brasil, no Estado do Tocantins, especificamente no município de Miracema do Tocantins, pensando a heterogeneidade de suas práticas na terra conquistada. Para entender as territorialidades camponesas na educação dos assentados do Brejinho a pesquisa assumiu as categorias geográficas lugar, território e paisagem como fundamentos importantes, a partir das contribuições de autores da área: Tuan, Claval, Corrêa e Rosendhal, Carlos, Haesbaert, Martins e Saquet. É uma pesquisa com uma abordagem cultural fundada numa pesquisa de campo realizada com os moradores do Assentamento Brejinho, utilizando-se do questionário e entrevista semi-estruturada, com as famílias assentadas e com a comunidade escolar no âmbito da Escola Municipal Boanerges Moreira de Paula que existe no assentamento. O Assentamento Brejinho é um espaço contraditório e percebemos que ali se (des) encontram pelo menos duas diferentes lógicas: a do Estado, manifesta no assentamento como política pública paliativa, de caráter homogeneizante; e a dos camponeses que estão transformando este espaço do Estado em lugar e território próprio, instituindo relações plurais com a terra, a natureza e os homens. A escola pelo seu valor histórico-cultural e por sua condição de direito público subjetivo ocupou um lugar de destaque no processo de territorialização dos camponeses na terra conquistada. A análise das informações permitiu entender que os camponeses do Assentamento Brejinho viveram e vivem importantes processos de mudanças. Algumas podem ser visualizadas na paisagem do lugar, transformada e em transformação pela ação política de instituir o conflito com uma terra do latifúndio e transformá-la em território camponês, não como uma condição eterna, mas como resultado de um conjunto de ações que ainda estão em curso e que são dinâmicas. As ações dos camponeses do Brejinho não se restringiram à defesa da simples sobrevivência do grupo familiar, a partir da produção de alimento, mas pelo contrário, foram além, pois a experiência de produzir a existência se deu no confronto com necessidades típicas para a reprodução de outras esferas da vida camponesa, como é o caso da religiosidade manifesta no lugar com e sem o controle oficial.
Abstract: This thesis is the result of an investigation conducted by the geography Graduate Program, of the federal University of Uberlândia, Geography Institute, in the research line Analysis, Planning And management of rural an urban space. It mainly aimed to study the peasants in Brejinho, agrarian reform settlement, located in the northern region of Brazil, in the state of Tocantins, significally in the city of Miracema, considering the heterogeneity of their practices on the conquered land. To understand the peasants territorialities in the setters education, the research took the following categories: geographical, place, territory and landscape as important fundamentals, from the contributions of authors from the area: Tuan, Claval, Corrêa and Rosendhal, Carlos, Haesbaert, Martins, Saquet. It is based study approach based on a cultural field research held with the residents of the Brejinho Settlement, using the questionnaire and semi-structured interviews with settled families and the school community within the Municipal School Boanerges Moreira de Paula, that exists in the Settlement. The Brejinho Settlement is a contradictory site and we noticed that there, it can be found at least two different logics: the one from the State-Nation, as manifested in the settlement as palliative public policy, of homogenous feature and the one from the peasants, who are turning this State lócus in their arum place and territory instituting plural relationships with the land, the nature and the men. The school for its historical and cultural value and its status as public right has occupied a prossiment place in the territorialization process of the peasants in the conquered land. This required from the peasants, several discussions and confrontations of new situations for themselves. The analysis from the information, allured to understand that peasants at Brejinho Settlement, have live important processes of change. Some of them can be seen in spot landscape, transformed and being transformed by the political action to institute a land conflict with latifundia and turn it in a peasant territory, not as an eternal condition, but as a result of a set of actions of the peasant at Brejinho weren t restriction to the defense of mere survival of the family group, from the production of food, but rather went further, be cause the experience of producing the existence of their confrontation with the typical needs for reproduction of the peasant life in other spheres, such as religiosity manifested in a place with and without official control.
Keywords: Território
Campesinato
Educação
Lugar
Assentamento
Agricultura camponesa
Territory
Peasant
Education
Place
Settlement
Peasant agriculture
Assentamentos humanos - Tocantins
Geografia rural - Tocantins
Reforma agrária - Tocantins
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Geografia
Citation: OLIVEIRA, Antônio Miranda de. Peasants territorialities in setters education: Brejinho Settlement in Miracema of Tocantins. 2013. 254 f. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15974
Issue Date: 22-Nov-2013
Appears in Collections:TESE - Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TerritorialidadesCamponesasEducacao.pdf4.26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.