Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15725
Document type: Tese
Access type: Acesso Aberto
Title: Avaliação da atividade antiofídica do composto p-cumarato de triacontila isolado de Bombacopsis glabra e da toxicidade aguda do extrato de Schizolobium parahyba
Author: Mendes, Mirian Machado
First Advisor: Ávila, Veridiana de Melo Rodrigues
First member of the Committee: Oliveira, Fábio de
Second member of the Committee: Izidoro, Luiz Fernando Moreira
Third member of the Committee: Borges, Márcia Helena
Fourth member of the Committee: Fontes, Marcos Roberto de Mattos
Summary: O uso de extratos de plantas como antídoto contra venenos animais é uma prática antiga, principalmente nos casos de envenenamentos ofídicos, além de também poderem ser usados como complemento para a soroterapia. As peçonhas de serpentes são complexas misturas de proteínas envolvidas em uma complexa série de eventos que dependem da ação sinérgica dessas moléculas. O presente estudo explora a capacidade do P-cumarato de triacontila, um composto isolado do extrato da casca externa de Bombacopsis glabra contra os efeitos lesivos da peçonha de Bothropoides pauloensis e toxinas isoladas. Para os ensaios Bombacopsis glabra ou do P-cumarato de triacontila foram previamente incubados com a peçonha ou as toxinas isoladas na razão de 1:1 (m/m) por 30 minutos a 37 C antes dos testes. A condição de tratamento também foi ensaiada para simular a picada de serpente com do P-cumarato de triacontila inoculado no mesmo local da inoculação da peçonha ou toxina. O composto P-cumarato de triacontila foi capaz de neutralizar a atividade brinogenolitica e a redução dos níveis de brinogênio plasmático induzidas pela peçonha de B. pauloensis ou toxinas testadas. Este compsoto foi capaz também de inibir a miotoxicidade e a hemorragia causada pela peçonha de B. pauloensis ou da toxina jararagina. Estes resultados foram conrmados por análise histopatológica de músculos gastrocnemios inoculados, mostrando que a jararagina foi fortemente inibida e foi possível perceber também o efeito protetor do do P-cumarato de triacontila pelo grande numero de células regenerativas após uma semana de inoculação. Nossos resultados sugerem que do P-cumarato de triacontila apresenta especicidade para inibir as metaloproteases de peçonha. Para determinar o possível mecanismo de inibição ensaios de modelagem foram realizados com simulação de Docking, usando dados da estrutura da toxina Neuwiedase. Assim nós sugerimos que a inibição da Neuwiedase pelo composto do P-cumarato de triacontila é devido a interação dentro do domínio catalítico causando impedimento estérico ou a desorganização do sítio catalítico. Nesse sentido o P-cumarato de triacontila pode fornecer uma nova e alternativa terapia complementar para o tratamento de envenenamentos ofídicos.
Abstract: The use of plant extracts as antidote against animals venoms is an old practice, mainly envenomations by snakes, besides also may used as supplemental of serum therapy. Snake venoms are a rich mixture of proteins involved in a complex series of events that depends on the synergic action of these molecules. The present study explores the ability of Triacontil p-Coumarate (PCT) an active compound isolated from root bark of Bombacopsis glabra vegetal extract (Bg) against harmful effects of Bothropoides pauloensis snake venom and isolated toxins. For assays Bg or PCT were previously incubated with venom or toxins at ratios 1:1 and 1:5 (w/w; venom/PCT) for 30 min at 37 C before the tests. Treatment condition was also assayed to simulate a snake bite with PCT inoculated at same site of venom or toxin. The PCT was able to neutralize brinogenolytic activity and plasmatic brinogen depletion induced by B. pauloensis venom or toxins tested. This compound was also able to inhibit the myotoxicity and hemorrhage caused by Bothropoides pauloensis venom or jararhagin toxin. These results were conrmed by histological studies of inoculated gastrocnemius muscle showing that jararhagin is strongly inhibited and is possible see the protective effect of PCT by larger number of regenerative cells after one week of inoculation. Our results suggest that PCT present a specicity to inhibit snake venom metalloproteinases. To determinate the possible inhibition mechanism from PCT a molecular modeling was made with docking simulations using Neuwiedase structure data. Thus, we suggest that Neuwiedase inhibition by PCT is due an interaction inside of the catalytic domain causing steric hindrance and/or disorganization of the catalytic net. In this way, PCT may provide new complementary alternative to treatments for ophidian envenomations.
Keywords: Bombacopsis glabra
Bothropoides pauloensis
Jararagina
Metaloprotease
Plantas antiofídicas
Peçonha de serpente
Jarharagin
Medicinal plant
Metalloproteinase
Plant anti-snake venom
Snake venom
Serpente peçonhenta - Peçonha
Plantas medicinais
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BIOQUIMICA
Language: por
Country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Institution Acronym: UFU
Department: Ciências Biológicas
Program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Quote: MENDES, Mirian Machado. Avaliação da atividade antiofídica do composto p-cumarato de triacontila isolado de Bombacopsis glabra e da toxicidade aguda do extrato de Schizolobium parahyba. 2011. 134 f. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15725
Date of defense: 22-Jul-2011
Appears in Collections:TESE - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese Mirian.pdf4.64 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.