Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15512
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: O discurso fundador Lacaniano como efeito de deslocamentos e (in)versões de sentidos
metadata.dc.creator: Souza, Cirlana Rodrigues de
metadata.dc.contributor.advisor1: Bertoldo, Ernesto Sérgio
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Agustini, Carmen Lucia Hernandes
metadata.dc.contributor.referee1: Santos, João Bôsco Cabral dos
metadata.dc.contributor.referee2: Eckert-hoff, Beatriz Maria
metadata.dc.description.resumo: Esta dissertação assume a seguinte pergunta de pesquisa: o que faz do discurso lacaniano um discurso fundador no campo discursivo da Psicanálise? O discurso lacaniano é constituído de deslocamentos e (in)versões de sentidos que estabelecem uma ruptura com os sentidos produzidos pela Lingüística e pela psicanálise Freudiana. Assim, o objetivo geral do trabalho foi analisar esses deslocamentos e as (in)versões de sentidos. Especificamente, descrevemos a heterogeneidade mostrada, explicitando dizeres e retomando jáditos, analisamos, em uma perspectiva sóciohistórica, a heterogeneidade, identificando seus efeitos de sentido na produção lacaniana, apontamos as contradições e equívocos desse jogo discursivo a partir dos pontos de deriva do discurso e identificamos, ainda, as marcas de subjetivação que permitiram apontar a singularidade dos sentidos produzidos pelo discurso psicanalítico lacaniano. A hipótese norteadora do trabalho foi a de que o discurso lacaniano é efeito de deslocamentos e (in)versões de sentidos que estabelecem uma ruptura com os sentidos produzidos pela Lingüística e pela psicanálise Freudiana. Ao mover, articular e organizar os sentidos dos jáditos, Lacan realiza um corte nas anterioridades, instaurando o diferente, o discurso outro na Psicanálise, sentido outro que faz do discurso lacaniano fundador. A sustentação teórica da pesquisa circunscreveuse aos conceitos da teoria das heterogeneidades enunciativas de AuthierRevuz, ao conceito de discurso fundador de Michel Pêcheux e Eni Orlandi e às noções de discurso, acontecimento e sentido da teoria da Análise de Discurso de orientação pecheutiana, assim como ao conceito lacaniano de sujeito. O corpus analisado foi O Seminário, Livro 5: As Formações do Inconsciente, de Lacan (19571958). A análise mostra que os deslocamentos são constituídos de ação discursiva metonímica e as (in)versões de ação metafórica, produzindo sentidos outros no campo psicanalítico. O sentido fundador é resultado da negociação, dentre outros aspectos, do sujeito com a heterogeneidade constitutiva.
Abstract: This research was designed to answer the question: what makes the Lacanian discourse be considered a found(er)(ing) discourse in the field of Psychoanalysis? The lacanian discourse is constituted by displacements and inversions of meanings which establish a rupture with those meanings produced by Linguistics and Freudian psychoanalysis. The general objective of this research was to analyze such displacements and inversions of meanings. Specifically, we aimed at: (1) describing the heterogeneity of these displacements and inversions of meanings, (2) analyzing, socially and historically, this heterogeneity by identifying its effects of meaning in the production of Lacanian discourse, (3) pointing out the contradictions and misunderstandings present in the Lacanian discourse, (3) identifying the marks of subjectivity which indicate the singularity of meanings produced by the discourse of Psychoanalysis. The research was carried out under the hypothesis which supports the idea that the Lacanian discourse is an effect of displacements and inversions of meanings produced by Linguistics and Freudian Psychoanalysis. It is by moving, articulating and organizing meanings already produced that the different, another discourse in the field of Psychoanalysis becomes possible and makes the Lacanian discourse founding. Theoretically, this study was supported by the conceptions of this so called French Discourse Analysis School, which follows Michel Pêcheux postulates as well as the lacanian conception of the subject. The corpus analyzed was the The Seminar, Book 5: The formations of the unconscious (19571958) , by Jacques Lacan.
Keywords: Análise do discurso
Discurso fundador&#894
Heterogeneidade&#894
Sentido
Founding discourse&#894
Discourse s analysis&#894
Heterogeneity&#894
Meaning
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Linguística Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos
Citation: SOUZA, Cirlana Rodrigues de. O discurso fundador Lacaniano como efeito de deslocamentos e (in)versões de sentidos. 2007. 210 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Letras e Artes) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15512
Issue Date: 26-Feb-2007
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Estudos Linguísticos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CRSouzaDISPRT.pdf1.72 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.