Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15505
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Letramento digital contextualizado : uma experiência na formação continuada de professores
metadata.dc.creator: Souza, Valeska Virgínia Soares
metadata.dc.contributor.advisor1: Moraes Filho, Waldenor Barros
metadata.dc.contributor.referee1: Paiva, Vera Lucia Menezes de Oliveira e
metadata.dc.contributor.referee2: Bertoldo, Ernesto Sérgio
metadata.dc.description.resumo: No contexto do uso das novas tecnologias em ambientes educacionais, nossa pesquisa visa investigar um curso para o letramento digital de professores de inglês, acrescido ao programa de formação continuada English for All Pro, que atende docentes da rede pública do interior de Minas Gerais. Partimos do pressuposto que, após o curso para o letramento digital, as professoras participantes, uma vez expostas ao uso de ferramentas disponíveis via computador e Internet, poderiam se apropriar com mais autonomia e mais competência das diversas ferramentas disponibilizadas pelo computador e pela Internet em seu percurso de formação profissional e no processo de preparação de aulas. Investigamos se realmente houve a apropriação dos recursos tecnológicos por parte destas participantes e quais podem ser os impactos de um curso dessa natureza para a ação docente. Apesar do amplo universo estudado, tomamos principalmente como sustentação teórica pesquisas na área de Lingüística Aplicada, com ênfase em ensino e aprendizagem de línguas estrangeiras (BROWN, 2000; HARMER, 1991, 1998; NUNAN, 1999, 2001; entre outros), novas tecnologias (BUZATO, 2001a, 2001b, 2006; COSCARELLI; RIBEIRO, 2005; GILSTER, 1997; PAIVA, 2001, 2006a, 2006b; WARSCHAUER, 1997; entre outros) e formação de professores (CELANI, 2003; KLEIMAN, 1995, 2001; entre outros). Por julgarmos que a Lingüística Aplicada é por natureza atravessada por outras ciências humanas e sociais, nosso estudo também se fundamentou em teóricos das áreas da Lingüística (CRYSTAL, 2001; entre outros), da Educação (FREIRE, 1990, 1996; SOARES, 2002, 2003, 2005; entre outros) e da Filosofia (LÉVY, 1993, 1996, 1998; entre outros). Adotamos para nossa pesquisa de paradigma interpretativista os pressupostos da pesquisa-ação integral. Os registros foram coletados e analisados em três fases, o que resultou em um processo em espiral. Os instrumentos de pesquisa que aplicamos para posterior triangulação foram: (i) questionário semi-estruturado pré-curso, (ii) teste sobre conhecimento de língua inglesa, (iii) teste sobre conhecimento metalingüístico, (iv) gravação em vídeo e notas de campo para as tarefas presenciais, (v) registro eletrônico das tarefas a distância, e (vi) questionário semi-estruturado pós-curso. As análises foram conduzidas à luz de uma matriz para o processo de letramento digital contextualizado, por nós produzida. Os registros foram analisados a partir de quatro macrocompetências: interatividade, autonomia, interação e colaboração. Os principais resultados alcançados indicam que o processo de letramento digital é múltiplo e complexo com interdependência das macro-competências analisadas, o que nos levou a propor a existência de uma supra-competência que denominamos letramento digital contextualizado. Estas reflexões, aliadas à observação do desempenho das participantes, nos permitiram uma revisão crítica da matriz apresentada a priori. Comprova-se parcialmente que as participantes do curso para o letramento digital apropriaram-se com mais competência e mais autonomia dos recursos tecnológicos disponíveis, o que não implica que essas professoras-alunas não estejam digitalmente letradas.
Abstract: In the context of new technologies used in educational environments, our research has proposed the investigation of a course for the digital literacy of EFL English teachers. It was a course module added to the in-service program English for All Pro, which has been attended by public school teachers from the state of Minas Gerais. At first, we supposed that, after the digital literacy course, the attending teachers, once exposed to the use of tools available through the computer and the Internet, would be able to demonstrate a more autonomous and more competent use of the various tools available in the computer and the Internet in their professional development and in the process of class preparation. We investigated if there really was competent use of the technological resources by these participants and which could be the impact of such a course on teachers actions. Despite the vast universe studied, we were theoretically supported, mostly, by researches in the area of Applied Linguistics, with emphasis on foreign language teaching and learning (BROWN, 2000; HARMER, 1991, 1998; NUNAN, 1999, 2001; among others), new technologies (BUZATO, 2001a, 2001b, 2006; COSCARELLI; RIBEIRO, 2005; GILSTER, 1997; PAIVA, 2001, 2006a, 2006b; WARSCHAUER, 1997; among others) and teacher education (CELANI, 2003; KLEIMAN, 1995, 2001; among others). Considering there is an interdisciplinary dialogue among social and human sciences, our study is also founded on researchers from the areas of Linguistics (CRYSTAL, 2001; among others), Education (FREIRE, 1990, 1996; SOARES, 2002, 2003, 2005; among others) and Philosophy (LÉVY, 1993, 1996, 1998; among others). We have adopted the premises of Integral Action Research to our interpretive paradigm research. The data were collected and analyzed in three phases, in a spiral process. The research tools that we applied for further data triangulation were: (i) semi-structured pre-course questionnaire, (ii) test on English language knowledge, (iii) test on metalinguistic knowledge, (iv) video recording and field notes for the face-to-face tasks, (v) electronic register of virtual tasks, and (vi) semi-structured post-course questionnaire. The analyses were conducted at the light of a matrix we designed for the process of contextualized digital literacy. The data were analyzed with a focus on four macro-competencies: interactivity, autonomy, interaction and collaboration. The main conclusions point to the fact that the digital literacy process depicts itself as multiple and complex, and the interdependence of the analyzed macro-competencies result in a super-competency, which we have named contextualized digital literacy. These reflections, allied to the observation of the participants development throughout the research, enabled us to critically review the matrix presented a priori. It was partially proved that the course participants have used the available technological resources with more competence and more autonomy, which does not mean that these teachers cannot be considered digitally literate.
Keywords: letramento digital
formação continuada
computador e Internet
digital literacy
lifelong education
Applied Linguistics
computer and the Internet
Linguística aplicada
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Linguística Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos
Citation: SOUZA, Valeska Virgínia Soares. Letramento digital contextualizado : uma experiência na formação continuada de professores. 2007. 246 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Letras e Artes) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15505
Issue Date: 30-May-2007
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Estudos Linguísticos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VVSSouzaDISPRT.pdf1.65 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.