Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15361
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: A interferência fonológica do português L1 na aquisição de inglês L2 : os traços [+tenso] e [- tenso]
metadata.dc.creator: Assis, Alessandra Mara de
metadata.dc.contributor.advisor1: Magalhães, José Sueli de
metadata.dc.contributor.referee1: Cano, Waldenice Moreira
metadata.dc.contributor.referee2: Alves, Ubiratã Kickhöfel
metadata.dc.description.resumo: Esta dissertação, por meio de um corpus adquirido a partir de quinze entrevistas com aprendizes em nível avançado de Inglês, buscou não só identificar as interferências do Português Brasileiro (PB) na aquisição de Inglês como língua estrangeira, mas também investigar as dificuldades que falantes de PB como língua materna encontram no aprendizado de Inglês, especialmente no que tange à aquisição das vogais altas frontais longas e curtas com os traços [+ tenso] ou [- tenso], quais sejam [i:] e [I] e analisar alguns dos processos fonológicos aí envolvidos. Para atingir nosso objetivo utilizamos os pressupostos da Teoria de Traços Distintivos de Chomsky e Halle (1968), o modelo para tratamento da sílaba proposto por Selkirk (1982) e a análise de Bisol (1999) para o PB. Para a classificação das vogais do PB usamos a proposta de Câmara Jr. (1970), e, para as vogais do Inglês, utilizamos a descrição de Chomsky e Halle (1968). Por fim, recorremos à Teoria da Otimidade, McCarthy e Prince (1993), Kager (1999) e Prince e Smolensky (1993) para confrontar as gramáticas das duas línguas. Da coleta de dados para a montagem do corpus constaram quinze entrevistas com aprendizes de Inglês como língua estrangeira em nível avançado, falantes nativos de PB que aprenderam Inglês sem sair do Brasil. Após a coleta, fizemos o tratamento dos dados utilizando o programa de análise estatística GOLDVARB (Windows). Durante a coleta, verificamos a percepção e a produção dos fonemas estudados em diferentes contextos, chegando, assim, aos seguintes resultados: o contexto (precedente e seguinte) no qual o segmento se encontra inserido influencia na sua correta percepção e produção, e o fator que mais facilita a produção da vogal longa com o traço [+ tenso] é lingüístico e este é marcado pela líquida lateral /l/ em contexto seguinte; a interferência do PB na aquisição de Inglês como L2 provoca alteração na estrutura silábica de L2 e o conhecimento dos processos fonológicos, aqui pesquisados, pelo professor de Inglês como língua estrangeira pode facilitar o processo de ensino/aprendizagem do Inglês pelo aprendiz.
Abstract: This dissertation tried to identify the interferences Brazilian Portuguese (BP) has in the acquisition of English as a foreign language, through a corpus made up of fifteen interviews with advance level students of English. This research had as an objective, to investigate the difficulties native speakers of BP find when learning English as a foreign language, mainly when it comes to the acquisition of the high front vowels, that can be long or short and have the features [+ tense] or [- tense], that is [i:] and [I] respectively. The other objective was to analyze the phonological processes involved in the manifestation of such vowels. In order to achieve our goals, we made use of some concepts of the following theories: The Distinctive Features Theory (Chomsky & Halle, 1968), The Syllable treatment pattern proposed by Selkirk (1982) and the syllable analyses to the BP proposed by Bisol (1999). For the BP Vowels we used the proposal of Câmara Jr. (1970) and for the English Vowels Chomsky & Halle (1968). As the last theoretical model we reached for The Optimality Theory McCarthy & Prince (1993), Kager (1999) and Prince & Smolensky (1993) in order to confront the grammar of both languages. The data gathering to build up the corpus was made through fifteen interviews with advanced students of English as a second language who are native speakers of BP and have learned English without leaving Brazil. After the data gathering we analyzed the data through a statistics program GOLDVARB (Windows). During the data gathering we could study perception and production of the target phonemes in different contexts getting to the following results: the context (preceding and following) in which the segment lies influences its correct perception and production, and the factor that most encourages the production of the long vowel with the feature [+ tense] is linguistic and is the lateral liquid /l/ in following context; BP interference in the acquisition of English as a second language provokes alterations in the syllable structure in L2 and if the teacher of English as a foreign language has formal knowledge in phonology he/she may make it easier for the scholar to learn English.
Keywords: Vogais [+ tenso] e [ tenso]
Aquisição e ensino de inglês
Português brasileiro
Interferência fonológica
Vowels [+tense] [ tense]
English learning and teaching
Brazilian portuguese
Phonological interference
Língua Inglesa - Estudo e Ensino - Fonologia
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Linguística Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos
Citation: ASSIS, Alessandra Mara de. A interferência fonológica do português L1 na aquisição de inglês L2 : os traços [+tenso] e [- tenso] . 2008. 215 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Letras e Artes) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2008.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15361
Issue Date: 19-Dec-2008
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Estudos Linguísticos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dis.pdf1.27 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.