Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/14031
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: O planejamento no contexto das políticas educacionais no período de 2003 a 2010: uma análise a partir do plano de ações articuladas
metadata.dc.creator: Freitas, Cecília Carolina Simeão de
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Marcelo Soares Pereira da
metadata.dc.contributor.referee1: Mendonça, Erasto Fortes
metadata.dc.contributor.referee2: Silva, Sarita Medina da
metadata.dc.description.resumo: A presente Dissertação procurou analisar os significados e contornos que o planejamento assumiu no contexto das políticas educacionais implementadas pelo governo federal no período de 2003 a 2010 a partir da análise das diretrizes que orientaram a elaboração do Plano de Ações Articuladas. Ao situar o contexto social, político e econômico em que se inseriram as políticas educacionais no período de 2003 a 2010 realizou-se cuidadoso tratamento das propostas de Programas de Governo apresentadas pelo então candidato Luís Inácio Lula da Silva o que possibilitou situar o lugar que o planejamento assumiu na condução das políticas públicas, quando se demarcou de modo mais claro as bases de um \"novo desenvolvimentismo\" como modelo de desenvolvimento vigente no país. Em segundo momento discorremos as políticas educacionais implementadas pelo governo federal, no período de 2003 a 2010, frente aos processos sociais, políticos e econômicos assumindo centralidade a implementação do Plano de Desenvolvimento da Educação em 2007 e a assinatura do Compromisso Todos Pela Educação que pactuou o planejamento educacional através da elaboração do Plano de Ações Articuladas. Por fim, problematizou-se as diretrizes e orientações que estruturam a elaboração do Plano de Ações Articuladas a partir das categorias planejamento, hibridismo e regulação para uma compreensão das mudanças recentes na gestão da educação básica brasileira. As análises desenvolvidas possibilitam inferir que o projeto societal e o papel do Estado no primeiro decênio do século XXI passou por um processo de recomposição do poder do Estado Nacional, por meio da recuperação do seu poder através do fortalecimento de sua capacidade regulatória em níveis ideológico, político e socioeconômico. Nesse contexto, concluímos que a regulação no modo de proceder do Estado encontrou no planejamento educacional condições para efetivar a descentralização coordenada, monitorando, gerenciando e mensurando a evolução de metas, condição importante para o estabelecimento da responsabilização através da microrregulação local por meio de estratégias de gestão sustentada na concepção gerencial do Estado.
Abstract: This dissertation examined the meanings and contours that planning made in the educational policies context targeted by the federal government in the 2003-2010 period, based on the analysis of the guidelines to preparation of the Plano de Ações Articuladas (Joint Action Plan). We performed a careful treatment of proposed government programs presented by the then candidate Luis Inácio Lula da Silva at the time of placing the economic, social and political context in which his government inserted the educational policies in the aforementioned period. This procedure made it possible to situate the planning in the conduct of public policy when it drew more clearly the basis for a \"new developmentalism\" as a model of development at Brazil. In the second moment, we discus about the educational policies implemented by facing the social, political and economic processes federal government, this approach became central to the implementation of the Plano de Desenvolvimento da Educação (Development Plan for Education, 2007) and the signing of the Compromisso Todos Pela Educação (All for Education Commitment) which linked the planning education through the development of the Plano de Desenvolvimento da Educação. Finally, the guidelines that shape the Plano de Ações Articuladas development were problematized, which was made on the categories planning, hybridity and regulation to an understanding of recent changes in the management of Brazilian basic education. The analysis developed inferences that the social project and the state role in the first decade of the XXI century has undergone a recomposition process of the power in national state through the recovery of his power , which was done by strengthening its regulatory capacity in ideological, political and socioeconomic levels. In this context we conclude that the regulatory approach taken by the state found in educational planning conditions to effect the coordinated decentralization, monitoring, managing and measuring the evolution of goals, important for the establishment of the responsibility assumed by the local micro-regulation strategies by condition sustainable management in the managerial conception of the state.
Keywords: Governo Lula
Política educacional
Planejamento
Regulação e PAR
Lula Government
Educational Policy
Planning
Regulation and PAR
Educação Aspectos políticos
Educação - Política governamental - Brasil
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: FREITAS, Cecília Carolina Simeão de. O planejamento no contexto das políticas educacionais no período de 2003 a 2010: uma análise a partir do plano de ações articuladas. 2013. 157 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/14031
Issue Date: 30-Aug-2013
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PlanejamentoContextoPolitica.pdf1.37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.