Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13568
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Determinação dos juros e metas de inflação no Brasil: uma crítica através da abordagem pós-keynesiana
metadata.dc.creator: Munhoz, Vanessa da Costa Val
metadata.dc.contributor.advisor1: Corrêa, Vanessa Petrelli
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Neder, Henrique Dantas
metadata.dc.contributor.referee1: Botelho, Marisa dos Reis Azevedo
metadata.dc.contributor.referee2: Afonso, Marco Aurélio Crocco
metadata.dc.description.resumo: O propósito central deste estudo é analisar o comportamento do Regime de Metas para a Inflação no Brasil, apresentando inconsistências relacionadas à sua própria concepção, que acabam por manter o país na armadilha da vulnerabilidade, dos juros altos e do baixo crescimento econômico. O objetivo específico é relacionar a determinação da taxa de juros com o movimento dos fluxos de capitais direcionados para a economia brasileira. Adicionalmente, em que pese o contexto de volatilidade da taxa de câmbio e elevada dívida pública, os fluxos de capitais serão relacionados ao Risco-País e à relação dívida pública/PIB. Para contemplar os objetivos propostos será realizado um estudo sobre a volatilidade das séries da conta financeira, com o intuito de verificar quais são as mais voláteis. Em seguida, realizar-se-á um estudo sobre a inter-relação dos fluxos de capitais com a taxa de juros, o Risco-País e a dívida pública através de uma análise das funções de impulso-resposta, da decomposição da variância e do teste de causalidade Granger, com base na estimação de equações por meio de um modelo de Vetores Auto-Regressivos (VAR). Os resultados empíricos deste trabalho sugerem, principalmente, que os fluxos de capitais voláteis são muito instáveis e que o Risco-País está muito mais ligado à esta dinâmica do que aos fundamentos econômicos. Sugere-se ainda que o problema atual da economia brasileira não está na gestão da política de metas de inflação, mas sim na continuidade da centralidade desta política ao combate à inflação, articulada à abertura financeira, que levam à resistência da queda dos juros.
Abstract: The central purpose of this study is analyze the behavior of the Inflation Target Regime in Brazil, presenting inconsistencies related to its own conception, that finish for keeping the country in the trap of the vulnerability, high interests rate and low economic growth. The specific objective is to relate the determination of the interest rate with the movement of the capital flows Brazilian-oriented. Additionally, since the context of volatility of the exchange rate and high public debt, the capitals flows will be related to the Risk-Country and the relation public debt/GDP. In order to accomplish this objectives, a study of the volatility of the series of the financial account will use, with the purpose to verify which series are more volatile. After that, it will realize a study of the interrelation of the capitals flows with the interest rate, the Risk-Country and the public debt through an analysis of the stimulus and reaction functions, the variance decomposition and the test of Granger Causality, on the basis of the Vector Autoregressive methodology (VAR). The empirical results suggest, mainly, that the volatile capital flows are very unstable and that the Risk-Country is more correlated with this dynamics than the fundamental economics. Moreover, this dissertation suggests that the current problem of the brazilian economy is not the management of the inflation target, but the continuity of the centrality of politics to combat the inflation, articulated to the financial opening, that lead to the resistance of the fall of interests rate.
Keywords: Pós-Keynesianos
Metas de Inflação
Taxa de Juros
Fluxos de Capitais
Post keynesians
Inflation targeting
Interest rate
Capital Flows
Inflação - Brasil
Brasil - Política econômica
Fluxo de capitais - Brasil
Taxas de juros - Brasil
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Sociais Aplicadas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Economia
Citation: MUNHOZ, Vanessa da Costa Val. Determinação dos juros e metas de inflação no Brasil: uma crítica através da abordagem pós-keynesiana. 2006. 168 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais Aplicadas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2006.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13568
Issue Date: 24-Mar-2006
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VCMunhozDISSPRT.pdf854.99 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.