Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12890
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Marinheiros em luta: a Revolta da Chibata e suas representações
metadata.dc.creator: Sousa, Cláudio Barbosa de
metadata.dc.contributor.advisor1: Paranhos, Adalberto de Paula
metadata.dc.contributor.referee1: Trópia, Patrícia Vieira
metadata.dc.contributor.referee2: Czajka, Rodrigo
metadata.dc.description.resumo: O tema desta dissertação é a Revolta da Chibata, o levante de marinheiros de baixa patente da Marinha de Guerra do Brasil, deflagrado em novembro de 1910 contra os castigos físicos, a extensa jornada de trabalho e os baixos salários, entre outras reivindicações. O movimento será aqui enfocado partindo do pressuposto de que há uma estreita relação entre a resistência dos marujos e o contexto mais geral da luta por direitos civis e sociais pondo em evidência formas de enfrentamento da repressão violenta sofrida pela parcela mais pobre da população tolhidos que eram na sua participação política naquele período. Este estudo se apoiou em uma seleção de materiais que compreendem, na imprensa, textos jornalísticos e iconográficos, bem como na análise de produções culturais, que incluem músicas, textos teatrais e literários, sem falar de monumentos e celebrações que deram sentido às tentativas de construção/destruição do significado histórico da Revolta da Chibata, alvo de verdadeiras batalhas travadas em torno da memória desse evento em meio a constantes processos de dessignificação e ressignificação.
Abstract: The theme of this dissertation (work paper) is the Revolta da Chibata, the uprising of sailors low ranking Navy of Brazil, broke out in November 1910 against corporal punishment, the long working hours and low wages, among other claims. The movement will be focused here on the assumption that there is a close relationship between the resistence of sailors and the general context of struggle for civil and social rights highlighting ways of coping with violent repression suffered by the poorest segment of the population restrained in their political participation in that period. This study was supported by a selection of materials comprising, in the press, journalistic and iconography texts, as well as the analysis of cultural productions, including music, theater and literary texts, adding monuments and celebrations gave way to attempts to building/destruction of the historical meaning of the Revolta da Chibata, target true battles around the memory of that event among constant process of redefinition and a lack of meaning.
Keywords: Marinheiros
Revolta da Chibata
Brasil - História
Revolta da Esquadra - 1910
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais
Citation: SOUSA, Cláudio Barbosa de. Marinheiros em luta: a Revolta da Chibata e suas representações. 2012. 116 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/12890
Issue Date: 13-Sep-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ClaudioBarbosa.pdf4.86 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.