Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/34844
ORCID:  http://orcid.org/0000-0002-8988-6308
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Embargado
Title: Análise qualitativa do nível de conhecimento dos idosos sobre os fatores de risco vinculados ao AVC e a conscientização dos mesmos quanto a tais aspectos: uma revisão narrativa
Author: Alves, Layane Mendes
Cardoso, Jhulie
First Advisor: Kishi, Marcos Seizo
First coorientator: Biagini, Angelo Piva Biagini
First member of the Committee: x
Second member of the Committee: x
Summary: Introdução: O AVC é uma doença heterogênea e multifatorial, regulada por fatores de risco modificáveis e não modificáveis. O primeiro é caracterizado pelo fato de poder se alterar através de mudanças de hábitos. O segundo é caracterizado por possuir caráter inalterável, e por ser impossível promover alterações. Tendo em vista o amplo acometimento do AVC, atualmente, e sua direta repercussão na qualidade de vida, sobretudo, na população idosa, faz-se necessário medidas preventivas que evitem a instalação da doença e seus agravos. Objetivo: Identificar o nível de conhecimento e quais são os fatores de risco relacionados ao AVC a que estão expostos idosos em situações de vulnerabilidade, bem como verificar a conscientização dos mesmos em relação ao autocuidado. Material e métodos: Trata-se de um estudo qualitativo e transversal, em que a amostra foi composta por oito voluntários, sendo três indivíduos do sexo masculino e cinco do sexo feminino. A média da idade dos voluntários foi de sessenta e quatro anos. Todos residentes no bairro Jardim Brasília, na cidade de Uberlândia/MG, que obedeceram aos seguintes critérios de inclusão: idade igual ou superior a 60 anos, terem assinado o termo de consentimento livre e esclarecido e não apresentarem problemas auditivos e cognitivos. Os critérios de exclusão foram: voluntários que não responderam todas as perguntas e respostas fora do tema abordado. A coleta de dados foi feita pessoalmente, por meio de entrevistas semiestruturadas, composta por quatro perguntas, e foi utilizado um tipo de amostragem específica nomeada ‘’bola de neve’’. Para selecionar o tamanho da amostra, usou-se o critério de saturação. A estratégia utilizada foi à análise de conteúdo de Bardin que prevê três fases, respectivamente pré- análise, exploração do material e tratamento dos resultados: inferência e interpretação. Resultados e discussão: A categoria ‘’fatores de risco’’ apresentou uma grande quantidade de códigos, e por sua vez esteve presente em todas as entrevistas. Observou-se que a população idosa, culturalmente, enxerga a saúde através da doença, além disso, os fatores de risco modificáveis foram predominantes nos relatos dos voluntários. A categoria ‘’estilo de vida’’ está diretamente relacionada à qualidade de vida dos voluntários, observou-se que juntamente com a categoria ‘’fatores de risco’’ ambas saturaram e incorporaram o senso comum. A categoria ‘’prevenção do AVC’’ ressaltou a importância do autocuidado, sendo esse o caminho que diminua a suscetibilidade a tal doença. Na categoria ‘’desinformação sobre o AVC’’ observou-se que uma pequena quantidade de voluntários não tem nenhum conhecimento sobre o assunto ou funcionalidade da doença, o que acarreta em diversas consequências negativas à população. Nesse sentido, ressalta-se a importância da educação em saúde que tem como objetivo estimular a população a realizar ações de promoção à saúde, pela adoção de hábitos de vida saudáveis. Conclusão: Os idosos em situações de vulnerabilidade apresentam um nível superficial de conhecimento acerca dos fatores de risco relacionados ao AVC. A falta de conhecimento aprofundado e entendimento sobre a relação direta entre os fatores de risco e a doença propriamente dita resultam em poucas atitudes práticas. Dessa forma, é imprescindível a ampliação da conscientização sobre o AVC e a importância do autocuidado por meio da educação em saúde.
Keywords: Acidente Vascular Cerebral
Fatores de risco
Educação em saúde
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: CARDOSO, Jhulie. ALVES, Layane Mendes. Análise qualitativa do nível de conhecimento dos idosos sobre os fatores de risco vinculados ao AVC e a conscientização dos mesmos quanto a tais aspectos: uma revisão narrativa. 2022. 29 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fisioterapia) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2022.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/34844
Date of defense: 31-Mar-2022
Appears in Collections:TCC - Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AnáliseQualitativaNível.pdf
  Until 2024-03-31
815.42 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.