Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/30080
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Aberto
Title: Perfil sociodemográfico, clínico e infecção em sítio cirúrgico em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca: um estudo retrospectivo
Alternate title (s): Sociodemographic, clinical profile and surgical infection in patients undergoing cardiac surgery: a retrospective study
Author: Miranda, Andryele Santana
First Advisor: Neto, Omar Pereira de Almeida
First coorientator: Magnabosco, Patrícia
First member of the Committee: Scalia, Luana Araújo Macedo
Second member of the Committee: Ferreira, Maria Beatriz Guimarães
Summary: Introdução: O modo de tratamento das principais causas de morte, que são as doenças cardiovasculares, no Brasil, é cirúrgico, o qual devido a sua complexidade, pode evoluir com várias complicações, como as infecções hospitalares. Dentre essas, está a de sítio cirúrgico, a qual pode submeter o paciente cardíaco à vários riscos e agravos ao seu quadro clínico. Objetivos: Avaliar os índices de infecções de sítio cirúrgico e associações de variáveis clínicas e infecções relacionadas à assistência á saúde, em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca em um hospital de alta complexidade, no período de 2014 à 2018. Metodologia: Estudo quantitativo, analítico de abordagem retrospectiva do tipo análise documental. Foi realizado a coleta dos dados sociodemográficos, clínicos e dados da ferida operatória, assim como a presença de infecção de sítio cirúrgico ou outras infecções hospitalares, a partir da leitura integral de 647 prontuários, os quais são os números totais de cirurgias cardíacas realizadas em um Hospital de alta complexidade, no período de 2014 à 2018. Resultados: O tempo médio de quando a cirurgia foi realizada foi de 2,79 ± 1,4 anos e 81% dos pacientes apresentavam hipertensão arterial sistêmica. A infecção de ferida cirúrgica ocorreu em 19,0% dos casos. O microrganismo Klebsiella pneumoniae aparece em 6,6% dos casos. Observou-se presença de secreção na ferida operatória em 92 pacientes (20,3%), coleta de swab realizada em 92 (20,3%). O antibiograma foi realizado em 22,3% dos casos, bem como o uso de antibioticoterapia em 68,4% dos pacientes. A infecção média foi maior nos pacientes com Diabetes Mellitus (0,49), quando comparados aos não diabéticos (0,31), estabelecendo associação significativa (p <0,01). Além disso, os pacientes neuropáticos apresentaram uma infecção média mais alta (0,20) em comparação aos que não apresentaram nefropatia (0,09), também com associação significativa (p <0,01). Apesar da pequena discrepância entre as médias, os pacientes alcoolistas apresentaram uma infecção média menor (0,10) do que aqueles que não eram alcoolistas (0,18), (p <0,05).
Abstract: Introduction: The treatment of the main causes of death, which are cardiovascular diseases, in Brazil, is surgical, which due to its complexity, can evolve with various complications, such as hospital infections. Objectives: To evaluate the rates of surgical site infections in patients undergoing cardiac surgery in a high complexity hospital, from 2014 to 2019. Methodology: Quantitative, analytical study of retrospective approach of the documental analysis type. Sociodemographic, clinical and surgical wound data will be collected, as well as the presence of surgical site infection or other hospital infections, based on the full reading of 647 medical records, which are the total numbers of cardiac surgeries performed in a high complexity hospital, from 2014 to 2019. Results: The mean time of surgery was 2.79±1.4 years and 81% had high blood pressure. Surgical wound infection occurred in 19.0% of cases. The microorganism Klebsiella pneumoniae appears in 6.6% cases. It was observed that there was presence of secretion in the surgical wound in 92 patients (20.3%), swab collection performed in 92 (20.3%). The antibiogram was performed in 22.3% of the cases, as well as the use of antibiotic therapy in 68.4% of the patients. The mean infection was higher in patients with Diabetes Mellitus (0.49), when compared to non-diabetic individuals (0.31) establishing a significant association (p<0.01). Moreover, neuropathic patients had a higher mean infection (0.20) compared to those who did not have nephropathy (0.09), also with significant association (p<0.01). Despite the small discrepancy between means, alcoholic patients had a lower mean infection (0.10) than those who were not alcoholics (0.18), (p<0.05).
Keywords: Cirurgia cardíaca
Infecção hospitalar
Perfil Clínico
Perfil sociodemográfico
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: MIRANDA, Andryele Santana. Perfil sociodemográfico, clínico e infecção em sítio cirúrgico em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca: um estudo retrospectivo. 2020. 28 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2020.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/30080
Date of defense: 14-Jul-2020
Appears in Collections:TCC - Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PerfilSociodemográficoClínico.pdf314.36 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.