Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/29396
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorSilva, Patrícia Parreira da-
dc.date.accessioned2020-06-04T21:59:13Z-
dc.date.available2020-06-04T21:59:13Z-
dc.date.issued2020-02-19-
dc.identifier.citationSILVA, Patrícia Parreira da. Caracterização semiológica dos desvios na escrita: descrição das terminações -am e -ão e intervenção no Ensino Fundamental II. 2020. 233 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2020. Disponível em: http://doi.org/10.14393/ufu.di.2020.266.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/29396-
dc.description.abstractThe command of spelling is one of the challenges in the teaching and learning of Portuguese Language in this century, since the problem continues even after basic education. In this perspective, the present dissertation aimed to categorise semiologically the spelling deviations (i.e. spelling errors), motivated by both the orality and the orthographic arbitrariness, of a 7th grade elementary school class in Anápolis-Góias, through the spontaneous textual production oriented by Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004). Hence, for data analysis, we essencially used the classification of spelling deviations by Zorzi (1998, 2003). After the semiological categorisation of spelling deviations, which is considered in this context, the starting point, since the semiologies of spelling deviations directed us to combine activities, strategies, methodologies and intervention, structured in a systematic, gradual way and interconnected to achieve the construction of knowledge. For this didactic combination, we based on Cagliari (1989); Zabala (1998); Travaglia (2003); Zorzi, (2003); Nunes e Bryant, (2006); Marcuschi (2010); Morais (2010); Geraldi (2012); Marcuschi, (2012); Soares (2016). Subsequently to the elaboration, we applied the interventive didactic combo regarding the permutations of homophonous -am and -ão endings, very specific spelling deviation and due to its specificity, we realised that the application has been justifiable. Thus, we made the action research (THIOLLENT, 1986) for the development of the didactic proposal through a sequence of activities involving morphophonological aspects, departing from the the text production materialised under the conventions of the discoursive genre - memoir, which reveals the verbal interaction, experienced in a given historical context. Moreover, it has aimed to lead student-participants to develop specific skills, in distinguishing homophonous -am and -ão endings in narratives, and to improvement in writing. Therefore, the student-paticipants appropriated specific abilities to use the studied endings properly by the application, due to the text production, which triggers the reading and reflexive language analysis. The didactic combo applied resulted in a workbook and we hope that it contributes to the practice of teaching, in work with the Portuguese Language in the Elementary School II. Furthermore, we agree that the semiological characterisation of spelling deviations presented can become a contribution to basic education teachers. Concerning the spelling deviation, which envolves -am and -ão endings, we confirm its multisemology and found that occurs vowel tonicisation and atonicisation, terminological expressions, which we name the exchanges of these endings. From this point of view, our analysis points to a similarity of occurrences in segmental contexts which approximates to the phenomenon of nasal reduction, in final unstressed diphthong in verbal inflection of the past pluperfect tense (SCHWINDT e BOPP DA SILVA, 2009; SCHWINDT, BOPP DA SILVA e QUADROS, 2012; SCHWINDT, 2014, 2016). For this reason, we raised two hypotheses that could contribute to the vowel tonicisation and atonicisation of the endings, the former related to the flap, / ɾ /, presents in the syllable of the -am and -ão endings and the latter involves a grammaticalisation process. Notwithstanding, detailed studies are demanded. Thereby, we can only affirm that, this spelling deviation involves morphophonological aspects and the interventive didactic combo was a tool which contributed to the student-participants tonicise and atonicise less in the writing of homophonous -am and -ão endings.pt_BR
dc.description.sponsorshipCAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/us/*
dc.subjectCaracterização semiológicapt_BR
dc.subjectDesvios na escritapt_BR
dc.subjectTerminações -am e -ãopt_BR
dc.subjectSemiological categorisationpt_BR
dc.subjectSpelling deviationspt_BR
dc.subject-am and -ão endingspt_BR
dc.subjectSemiological categorisationpt_BR
dc.subjectHomophonous -am and -ão endingspt_BR
dc.titleCaracterização semiológica dos desvios na escrita: descrição das terminações -am e -ão e intervenção no Ensino Fundamental IIpt_BR
dc.title.alternativeSemiological categorisation of spelling deviations: description of -am and -ão endings and intervention in elementary schoolpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.advisor1Alves, Marlúcia Maria-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2147557798530287pt_BR
dc.contributor.referee1Araújo, Maurício Viana de-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7470266857709655pt_BR
dc.contributor.referee2Córdula, Maíra Sueco Maegava-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/1557592425715282pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3225384561847273pt_BR
dc.description.degreenameDissertação (Mestrado)pt_BR
dc.description.resumoO domínio da escrita é um dos desafios no ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa deste século, visto que o problema continua mesmo após a educação básica. Nesse prisma, a presente dissertação teve como objetivo categorizar semiologicamente os desvios na escrita, motivados tanto pela oralidade quanto pela arbitrariedade ortográfica, de uma turma de 7º ano do Ensino Fundamental II em Anápolis - Góias, através da produção de texto espontânea orientada por Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004). Destarte, para a análise de dados, utilizamos, essencialmente, a classificação dos desvios na escrita proposta por Zorzi (1998, 2003). Após a categorização semiológica dos desvios na escrita, considerada neste contexto o ponto inicial, pois as semiologias dos desvios na escrita nos nortearam para combinar atividades, estratégias, metodologias e intervenção, estruturadas de forma sistemática, gradual e interligadas para atingir a construção de conhecimentos. Para esta combinação didática, referenciamos em Cagliari (1989); Zabala (1998); Travaglia (2003); Zorzi (2003); Nunes e Bryant (2006); Marcuschi (2010); Morais (2010); Geraldi (2012); Marcuschi (2012); Soares (2016). Subsequentemente à elaboração, aplicamos o combo didático interventivo no que se refere às permutações das terminações homófonas -am e -ão, desvio na escrita bastante específico e devido à sua especificidade, percebemos que a aplicação foi justificável. Sendo assim, nós realizamos a pesquisa-ação (THIOLLENT, 1986) para o desenvolvimento da proposta didática por meio de uma sequência de atividades envolvendo aspectos morfofonológicos, a partir da produção de texto materializada sob as convenções do gênero discursivo memórias, que revela a interação verbal experienciada em um determinado contexto histórico e também visou levar os alunos-partícipes a desenvolverem habilidades específicas, na distinção das terminações homófonas -am e -ão em narrativas e ao aprimoramento na escrita. Dessa forma, os alunos-partícipes por meio da aplicação se apropriaram de habilidades específicas para empregar as terminações estudadas adequadamente, em decorrência da produção de texto, que desencadeia a leitura e análise reflexiva da língua. O combo didático aplicado resultou em um caderno de atividades e esperamos que este contribua para o exercício da docência, no trabalho com a Língua Portuguesa, no Ensino Fundamental II. Além disso, anuímos que a caracterização semiológica dos desvios na escrita venha ser uma contribuição para os docentes do ensino básico. Em relação ao desvio na escrita, que envolve as terminações -am e -ão, confirmamos sua multisemiologia e constatamos que ocorre tonicização e atonicização vocálica, expressões terminológicas, as quais denominamos as trocas destas terminações, consequentemente, nossa análise aponta para uma semelhança de ambiente segmental de ocorrências, que se aproxima ao fenômeno de redução do ditongo nasal átono em verbos flexionados no pretérito perfeito (SCHWINDT e BOPP DA SILVA, 2009; SCHWINDT, BOPP DA SILVA e QUADROS, 2012; SCHWINDT, 2014, 2016). Nessa perspectiva, levantamos duas hipóteses que poderiam contribuir na tonicização e atonicização vocálica das terminações, a primeira relaciona-se ao tepe, /ɾ/, presente na sílaba das terminações e a segunda envolve um processo de gramaticalização, no entanto, há necessidade de estudos detalhados. Desse modo, somente podemos afirmar que este desvio na escrita envolve aspectos morfofonológicos e que o combo didático interventivo foi um instrumento que contribuiu para que os alunos-partícipes tonicizassem e atonicizassem menos na escrita das terminações homófonas -am e -ão.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Letras (Mestrado Profissional)pt_BR
dc.sizeorduration233pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LINGUA PORTUGUESApt_BR
dc.identifier.doihttp//:doi.org/10.14393/ufu.di.2020.266pt_BR
dc.orcid.putcode75163109-
dc.crossref.doibatchid4ced6f6e-cf60-4f2a-b55c-7f1981542941-
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Letras (Mestrado Profissional)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CaracterizaçãoSemiológicaDesvios.pdfDissertação10.66 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons