Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/29268
ORCID:  http://orcid.org/0000-0003-2147-3619
Document type: Tese
Access type: Acesso Aberto
Title: Volatilidade e correlações condicionais no mercado de ações em períodos de crise
Alternate title (s): Volatility and conditional correlations in the stock market in times of crisis
Author: Borges, Wemerson Gomes
First Advisor: Lima, Nilton César
First coorientator: Carvalho, Luciano Ferreira
First member of the Committee: Beiruth, Aziz Xavier
Second member of the Committee: Almeida, José Elias Feres de
Third member of the Committee: Fehr, Lara Cristina Francisco de Almeida
Fourth member of the Committee: Gatti Junior, Wilian
Summary: Este estudo tem como objetivo investigar os comovimentos e contágios em mercados acionários latino-americanos em um ambiente de alta volatilidade, testando os benefícios da diversificação em períodos de crise. Para atingir esse objetivo, a pesquisa buscou identificar o comportamento das correlações dinâmicas dos setores dos principais mercados da América Latina em relação ao mercado acionário norte-americano, em períodos de crise, sendo que para a América Latina foi analisada a crise subprime e no caso específico do Brasil a crise iniciada em 2014 por eventos de corrupção. A amostra é composta por índices de ações, amplos e setoriais dolarizados, do Brasil, México, Chile, Argentina e Estados Unidos (apenas o S&P500). O período investigado foi de janeiro de 2000 a dezembro de 2018, período este em que abrange a crise subprime que veio a afetar todos os países em questão, sendo assim a amostra abrange um período de crise e não crise para avaliação das correlações condicionais. Para testar as correlações foram utilizados os modelos Asymmetric Dynamic Conditional Correlation (ADCC). Os resultados indicam que de um modo geral as correlações aumentam em períodos de crise em todos os mercados e setores, reduzindo, dessa forma, os benefícios da diversificação de carteiras nesses períodos. Foi possível observar também que a elevação das correlações durante uma crise interna é de menor magnitude do que a elevação das correlações durante crises externas, como a Subprime. Porém em se tratando das análises dos setores foram observados índices com baixas correlações, sendo assim, possíveis opções para investidores em carteiras de proteção: setor de materiais básicos do Brasil, telecomunicações do México, utilidades do Brasil, materiais básicos do Chile e o setor financeiro do Brasil. Esta pesquisa contribui com a literatura ao apresentar um novo panorama quanto ao ambiente setorial mercadológico latino-americano e especificamente brasileiro, em períodos de alta volatilidade, como forma de maximizar efetivamente os eventuais fluxos de recursos nestas economias.
Abstract: This study aims to investigate the movements and contagions in Latin American stock markets in an environment of high volatility, testing the benefits of diversification in times of crisis. the subprime crisis being analyzed for latin america and in the specific case of brazil the crisis started in 2014 due to corruption events. In order to achieve this objective, the research sought to identify the behavior of the dynamic correlations of the sectors of the main markets of Latin America and particularly in the Brazilian domestic market in relation to the North American stock market, in periods of crisis. The sample is composed of stock indexes, broad and dollarized, from Brazil, Mexico, Chile, Argentina and the United States (only the S&P500). The period investigated was from January 2000 to December 2018. A period that covers a subprime crisis that affected all the countries in question, thus being a sample that uses a period of crisis and not a conditional correlation assessment. To test the correlations, it used the Asymmetric Dynamic Conditional Correlation (ADCC) models. The results indicate that in general the correlations increase in periods of crisis in all markets and sectors, thus reducing the benefits of portfolio diversification in these periods. It was also possible to observe that the increase in correlations during an internal crisis is of lesser magnitude than the increase in correlations during external crises, such as Subprime. However, in the case of sector analyzes, indices with low correlations, were observed possible options for investors in protection portfolios: Basic materials sector in Brazil, telecommunications in Mexico, utilities in Brazil, basic materials in Chile and the financial sector in Brazil. This research contributes to the literature by presenting a new panorama regarding the Latin American sectorial market environment, specifically the Brazilian, in periods of high volatility, as a way of effectively maximizing the eventual flow of resources in these economies.
Keywords: Volatilidade
Correlação Condicional
Movimentos de Mercado
Contágios
Volatility
Conditional Correlation
Market Movements
Contagions
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::CIENCIAS CONTABEIS
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Ciências Contábeis
Quote: BORGES, Wemerson Gomes. Volatilidade e correlações condicionais no mercado de ações em períodos de crise. 2020. 104 f. Tese (Doutorado em Ciências Contábeis) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2020: disponível em: http://doi.org/10.14393/ufu.te.2020.412.
Document identifier: http://doi.org/10.14393/ufu.te.2020.412
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/29268
Date of defense: 17-Apr-2020
Appears in Collections:TESE - Ciências contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VolatilidadeCorrelacoesCondicionais.pdfTese4.19 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons