Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/28873
ORCID:  http://orcid.org/0000-0003-3265-4992
Document type: Tese
Access type: Acesso Aberto
Title: Desenvolvimento e validação de método multirresidual para determinação de agrotóxicos em mel por cromatografia líquida de ultra eficiência acoplada a espectrometria de massas em série
Alternate title (s): Development and validation of a multiresidue method for the determination of pesticides in honey by UHPLC coupled with mass spectrometry in tandem
Author: Silva, Renata Aparecida Gonçalves
First Advisor: Faria, Anizio Márcio de
First member of the Committee: Takeuchi, Regina Massako
Second member of the Committee: Silva, Carla Grazieli Azevedo da
Third member of the Committee: Soares, Dayane Fonseca
Fourth member of the Committee: Eiras, Sebastião de Paula
Summary: Os agrotóxicos são amplamente utilizados em culturas agrícolas com o objetivo de otimizar a produção, mas são considerados responsáveis pelo declínio da população de polinizadores, como as abelhas. Logo, produtos apícolas provavelmente estão contaminados com resíduos de agrotóxicos. O mel, um dos principais produtos apícolas, foi alvo de estudo neste trabalho. Assim, buscou-se desenvolver e validar um método multirresíduos para a determinação dos agrotóxicos acefato, acetamiprido, carbendazim, diflubenzurom, imidacloprido, metomil e tiametoxam em amostras de mel. Os resíduos de agrotóxicos foram extraídos pelos métodos de extração LLE-LTP e QuEChERS, seguidos da etapa de limpeza dispersiva, na qual foram utilizados sulfato de magnésio e C18. Após a extração, os extratos de mel foram analisados por UHPLC-ESI-MS/MS. O método de extração QuEChERS consistiu em pesar 5,0 g de amostra de mel em um tubo de polipropileno, adicionando 5 mL de água Tipo I e 4 mL de acetonitrila, seguido de agitação. A partição dos resíduos de agrotóxicos da fase aquosa da amostra para solvente orgânico foi realizada pela adição de 6,0 g de sulfato de magnésio e 1,5 g de acetato de sódio sob agitação. O isolamento do extrato foi realizado por centrifugação. Os extratos foram purificados através da etapa de limpeza dispersiva, onde 1 mL do extrato foi transferido para outro tubo contendo 150 mg de sulfato de magnésio anidro e 50 mg de C18, seguido de agitação em vórtex e filtração. As condições do método de extração LLE-LTP foram otimizadas usando o planejamento composto central. As condições ideais para a recuperação máxima de agrotóxicos foram: 3.000 g de amostra de mel, 4 mL de solvente acetonitrila e 180 minutos de congelamento. Em seguida, os extratos dos métodos de preparo de amostras, QuEChERS e LLE-LTP, foram filtrados e analisados por UHPLC-MS/MS. A metodologia foi validada de acordo com o documento SANTE/11813/2017, avaliando a linearidade, limites de detecção e quantificação, efeito matriz, seletividade, incerteza, exatidão e precisão. Os valores de recuperação ficaram na faixa de 70 a 120 % para os agrotóxicos estudados, exceto para o acefato pelo método LLE-LTP; enquanto o RSD foi inferior a 20 %. O limite de quantificação para os agrotóxicos ficou entre 2,0 e 6,7 μg kg-1, indicando a alta detectabilidade das metodologias desenvolvidas. Amostras de mel da região do Triângulo Mineiro foram avaliada pelas metodologias, detectando resíduos de agrotóxicos em todas as amostras, sempre em níveis abaixo dos limites máximos residuais permitidos, destacando a alta detectabilidade das metodologias propostas.
Abstract: Pesticides are widely used in crops to optimize the production but are considered responsible for the decline in the pollinator population, such as bees. Therefore, bee products are likely to be contaminated with pesticide residues. Honey, one of the main bee products, was studied in this work. Thus, we sought to develop and validate a multiresidue method for the determination of the acephate, acetamiprid, carbendazim, diflubenzuron, imidacloprid, metomil and thiamethoxam in honey samples. The pesticide residues were extracted using the LLE-LTP and QuEChERS methods, followed by the dispersive cleaning step, in which magnesium sulfate and C18 were used. After extraction, the honey extracts were analyzed by UHPLC-ESI-MS/MS. The QuEChERS method consisted of weighing 5.0 g of honey sample in a polypropylene tube, adding 5 mL of Type I water and 4 mL of acetonitrile, followed by stirring. The pesticide residues from the aqueous phase of the sample were partitioned into an organic solvent by adding 6.0 g of magnesium sulfate and 1.5 g of sodium acetate under stirring. The extract was isolated by centrifugation. The extracts were purified through the dispersive cleaning step, where 1 mL of the extract was transferred to another tube containing 150 mg of anhydrous magnesium sulfate and 50 mg of C18, followed by vortex and filtration. The conditions of the LLE-LTP method were optimized using a central composite design. The optimal conditions for maximum pesticide recoveries were: 3,000 g of honey sample, 4 mL of acetonitrile solvent and 180 minutes of freezing. Then, extracts from the QuEChERS and LLE-LTP methods were filtered and analyzed by UHPLC-MS/MS. The methodology was validated according to the SANTE/11813/2017 document, evaluating the linearity, limits of detection and quantification, matrix effect, selectivity, uncertainty, accuracy, and precision. The recoveries were in the range of 70 to 120 % for the studied pesticides, except for the acephate by the LLE-LTP method, while the RSD was less than 20 % for all pesticides. The limit of quantification for pesticides was between 2.0 and 6.7 μg kg-1, indicating the high detectability of the developed methodologies. Honey samples from the Triângulo Mineiro region were evaluated by methodologies, detecting pesticide residues in all samples, always at levels below the permitted maximum residual limits, highlighting the high detectability of the proposed methodologies.
Keywords: Mel
Honey
Agrotóxicos
Pesticides
Multirresíduos
Multiresidues
QuEChERS
LLE-LTP
Química
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA::QUIMICA ANALITICA::SEPARACAO
CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::QUIMICA::QUIMICA ANALITICA::ANALISE DE TRACOS E QUIMICA AMBIENTAL
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Química
Quote: SILVA, Renata Aparecida Gonçalves. Desenvolvimento e validação de método multirresidual para determinação de agrotóxicos em mel por cromatografia líquida de ultra eficiência acoplada a espectrometria de massas em série. 2020. 132 f. Tese (Doutorado em Química) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2020. Disponível em: http://doi.org/10.14393/ufu.te.2020.1
Document identifier: http://doi.org/10.14393/ufu.te.2020.1
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/28873
Date of defense: 30-Jan-2020
Appears in Collections:TESE - Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DesenvolvimentoValidaçãoMetodo.pdfTese4.42 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons