Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/28691
ORCID:  http://orcid.org/0000-0001-6954-9200
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Incivilidades nas redes sociais online sob as lentes da regionalidade: vulgaridades, depreciações, ameaças e mentiras
Alternate title (s): Social network sites incivilities on the lens of regionality: vulgarity, depreciation, threats and lies
Author: Cândido, Leandro Borges
First Advisor: Medeiros, Cintia Rodrigues de Oliveira
First member of the Committee: Valadão Júnior, Valdir Machado
Second member of the Committee: Costa, Mayla Cristina
Summary: As redes sociais online revolucionaram a forma como as pessoas se comunicam, interagem, recebem e disseminam informações. Com o aumento da sua popularidade, em particular do Facebook, a rede social online com o maior número de usuário no mundo, mais indivíduos passaram a ter acesso, participar e se engajar em discussões sobre problemas sociais e políticos. Apesar de promoverem a interação entre as pessoas, sem a necessidade de espaços físicos, as redes sociais online também são utilizadas e exploradas para espalhar conteúdo degradante, abusivo e prejudicial a indivíduos ou grupos, normalmente ligados a padrões sociais e morais dos grupos sociais dominantes. Dentro desse contexto surgem as incivilidades online, que podem ser entendidas como o desrespeito as tradições coletivas da democracia, negando as pessoas suas liberdades pessoais e estereotipando grupos sociais. Além disso, ainda compreendem o agir de forma rude, descortês, sem consideração pelo outro, violando normas de respeito, seja através de críticas rudes, xingamentos, falas desconexas, afirmações ofensivas, discursos de ódio, assédio, violência, ameaças e humilhações. Levando em consideração as eleições presidenciáveis de 2018, nas quais houveram uma maior polarização e agressividade na sociedade, foi estabelecido como objetivo geral deste estudo, compreender as especificidades dos atos de incivilidade enquanto fenômeno desencadeado nas redes sociais online, em páginas do Facebook que expressaram apoio a direita e extrema direita nas eleições de 2018. Realizamos uma pesquisa qualitativa em quinze páginas do Facebook do Estado de Minas Gerais, utilizando o Netvizz como suporte para extração dos dados. Para operacionalizar a pesquisa, nos orientamos por duas necessidades: 1) apreender as especificidades das incivilidades e 2) discutir a sua incidência. Foram analisadas 1.909 postagens e 102.116 comentários, que após a raspagem gerou um corpus de pesquisa de 3.019 comentários. Os dados foram submetidos a análise textual nos softwares IRAMUTEQ e ATLAS.ti e também foram analisados sob a perspectiva da análise de conteúdo temática, gerando quatro categorias de discurso incivil. Os resultados da pesquisa demonstraram que entre os participantes dessas páginas de Facebook, existe uma disseminação e validação do discurso incivil, sendo mais comuns os insultos, xingamentos, estereótipos, difamação, vulgaridades, mentiras, pejoração, discriminação por gênero e minorias raciais, ofensas e palavras de baixo calão. Além disso, a homofilia entre os usuários permite um maior engajamento, incentivo e tolerância a incivilidade.
Abstract: Social network sites revolutionized the way people communicate, Interact, receive and disseminate information. With the raise of its popularity, particularly Facebook, the social network with the largest number of users, more individuals begin to have access, participate and engage in discussions about social and political issues. Despite fostering interaction between people, without the need of physical spaces, social network sites are often used e exploited to spread degrading, abusive and harmful content about individuals or groups, usually that content is connected to social and moral patterns from the dominant groups. Within this context emerge the online incivilities, that can be understood as the disrespect of the collective traditions of democracy, denying people their personal freedom and stereotyping social groups. Beyond that, are still understood as acting rudely, discourteous, without consideration for the other, breaking norms of respect, by means of rude critiques, cursing, offensive affirmations, hate speech, harassment, violence, threats and humiliation. Inside the context of the presidential elections of 2018, where there has been a greater polarization e aggressiveness, we established as the general purpose of this study to comprehend the specificities of uncivil behavior whereas a phenomenon unleashed in social network sites, in Facebook pages that expressed support to right and extreme right partisans. We performed a qualitative research in fifteen Facebook pages from the state of Minas Gerais, using Netvizz to collect the data. To operationalize the research, we were guided by two needs: 1) to apprehend the specificities of online incivility and 2) discusses its incidence. We analyzed 1.909 posts and 102.116 comments, that after being scraped bear a research corpus of 3.019 comments. The data were submitted for textual analysis in IRAMUTEQ and ATLAS.ti software and also analyzed under the perspective thematic content analysis, generating four categories of uncivil discourse. The results showed that between the members of these Facebook pages there are a dissemination and validation of the uncivil discourse, being the most common the outrage, curses, stereotypes, aspersion, vulgarities, lies, depreciation, gender and racial discrimination, offenses and foul language. Besides that, the homophily between members allows a major engagement, encouragement and tolerance towards incivility.
Keywords: Incivilidade online
Redes sociais online
Insultos
Vulgaridades
Facebook
Online incivility
Social network sites
Outrage
Vulgarities
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::ADMINISTRACAO DE EMPRESAS
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Administração
Quote: CÂNDIDO, Leandro Borges. Incivilidades nas redes sociais online sob as lentes da regionalidade: vulgaridades, depreciações, ameaças e mentiras. 2019. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019. Disponível em: http://doi.org/10.14393/ufu.di.2020.3006
Document identifier: http://doi.org/10.14393/ufu.di.2020.3006
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/28691
Date of defense: 16-Sep-2019
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
IncivilidadesRedesSociais.pdf2.19 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.