Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/27493
ORCID:  http://orcid.org/0000-0001-6056-536X
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Embargado
Title: Avaliação in vitro da rugosidade superficial da resina composta após escovação simulada com diferentes escovas e imersão em bebida ácida
Author: Pires, Mariana Fernandes
First Advisor: Reis, Bruno Rodrigues
First member of the Committee: Soares, Paulo Vinicius
Second member of the Committee: Machado, Alexandre Coelho
Third member of the Committee: Vilela, Ana Laura Rezende
Summary: O objetivo deste trabalho é verificar a influência do envelhecimento de resinas compostas em razão da escovação e bebida comum na rotina dos pacientes. Para isto, foram confeccionadas amostras de resina composta (n= 66) que passaram por ciclos de escovação com diferentes escovas em máquina específica (in vitro) associado a momentos de imersão em bebida com baixo pH (Coca-Cola) e alto pH (saliva artificial) para controle. O protocolo de polimento foi realizado por meio de asperização das superfícies com discos flexíveis abrasivos seguido de polimento com borracha específica. As amostras foram distribuídas aleatoriamente em 6 grupos: G1- Saliva artificial e escova dura (Sorriso), G2-Saliva artificial e escova macia (Colgate), G3- Saliva artificial e escova extra-macia (Elmex), G4- Coca-Cola e escova dura (Sorriso), G5- Coca-Cola e escova macia (Colgate) , G6- Coca-Cola e escova extra-macia (Elmex). Após imersão na bebida, cada grupo foi submetido a processo abrasivo (escovação acelerada) com carga constante aplicada de 200g utilizando dentífrício (Colgate total 12) com as proporções de 1:2 de peso (90g de pasta com 180mL de água destilada) por 6000 ciclos, correspondendo aproximadamente a 6 meses de escovação in vivo. Cada ciclo foi contabilizado após movimento horizontal da escova. As amostras passaram por uma análise de rugosidade e Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV) antes e após a imersão e envelhecimento acelerado pela escovação. Os resultados obtidos foram submetidos a análise de variância (ANOVA) e associação com imagens de microscopias. A maior média de rugosidade superficial foi obtida com a escova dura (Sorriso) tanto imersa em saliva quanto em Coca-Cola. O grupo Colgate se comportou estatisticamente similar a Elmex imersa em saliva. Já imerso em Coca-Cola, o grupo Colgate se comportou estatisticamente similar tanto a Sorriso quanto a Elmex. Conclui-se que a rugosidade superficial das resinas compostas aumentou com o tempo de escovação e não houve diferença estatística entre a imersão em saliva artificial e Coca-Cola na simulação de 6 meses.
Abstract: The objective of this study is to verify the influence of composite resins because of the brushing and common drinks in the patients routine. For this purpose, composite resin samples (n = 66) were made that went through specific machine brushing cycles (in vitro) associated with moments of immersion in beverages with different levels of acid content. The polishing protocol was performed by uniformity the surfaces with abrasive discs and polishing with specific rubbers. Samples were randomly distributed into 6 groups: G1 – Artificial Saliva and hard brush (Sorriso), G2- Artificial Saliva and soft brush (Colgate), G3- Artificial Saliva and extra soft brush (Elmex), G4- Coca-Cola and hard brush (Sorriso), G5- - Coca-Cola and soft brush (Colgate), G6-- Coca-Cola and extra soft brush (Elmex). After immersion in beverages, each group was submitted to an abrasive process (accelerated brushing) with a constant applied load of 200g, and a dentifrice (Colgate Total 12) with proportions 1: 2 weight (90g dentifrice with 180mL distilled water) for 6.000 cycles, corresponding to 6 months of normal brushing. Each cycle was counted after the brush movement. The samples were subjected to roughness analysis and scanning electron microscopy before and after immersion and brushing accelerated aging. The results were submitted to analysis of variance and association with microscopy images. The highest average surface roughness was obtained with the hard brush (Sorriso) immersed in saliva and Coca-Cola. The Colgate group behaved statistically similar to Elmex immersed in saliva. Already immersed in Coca-Cola, the Colgate group behaved statistically similar to both Smile and Elmex. It was concluded that the surface roughness of the composite resins increased with the brushing time and there was no statistical difference between immersion in artificial saliva and Coca-Cola in the 6 months simulation.
Keywords: Acabamento
Polimento
Rugosidade
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: PIRES, Mariana Fernandes. Avaliação in vitro da rugosidade superficial da resina composta após escovação simulada e imersão em bebida ácida. 2019. 31 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Odontologia) – Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/27493
Date of defense: 5-Nov-2019
Appears in Collections:TCC - Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliaçãoVitroRugosidade.pdf
  Until 2021-11-05
TCC1.03 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.