Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/27003
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Uma análise da redução dos gastos com pessoal nas IFES: seus determinantes e seus impactos sobre a política de carreira
Alternate title (s): An analysis of the reduction in spending on IFES: their determinants and their impacts on career
Author: Almeida, Aparecida Maria Fialho De Sousa
First Advisor: Corrêa, Vanessa Petrelli
First member of the Committee: Almeida Filho, Niemeyer
Second member of the Committee: Fonseca, Marília
Summary: O tema do presente estudo é analisar a lógica da composição de gastos com pessoal e seus impactos sobre a política de carreira e de aposentadoria dos docentes das IFES, tendo como marco inicial o ano de 1994. Para tanto, apresentamos os principais determinantes da política de contenção de Gastos Públicos, caracterizado pela política de educação proposta pelos organismos multilaterais de crédito aos países periféricos, destacando o modelo de ajuste do Banco Mundial; e a política implementada por FHC, que definiu a armadilha macroeconômica, geradora de uma dívida pública altíssima, O intuito é mostrar que essas políticas para a educação tiveram um sentido de redução de gastos e tem a ver com a questão do tratamento das finanças públicas, com destaque ao pagamento dos juros e a produção de superávits primários. Neste contexto, investigamos a natureza da evolução da Dívida Pública no país. Os resultados mostram que o ajuste se fez no lado de menor resistência, que é o do corte de gastos primários, e que a expansão da Dívida Líquida do Setor Público explodiu a despeito do crescimento desse superávit primário. Isto nos revelou que foi o lado financeiro do déficit (o comportamento da taxa de juros e da taxa de câmbio) que provocou o aumento da Dívida Líquida do Setor Público. Identificamos que a mudança na trajetória dos Gastos com Pessoal das IFES tem a ver com essas vias de controle de caixa do Governo de FHC, que estabeleceram mudanças significativas na carreira dos docentes e nas regras de aposentadoria deles, sempre com o objetivo de reduzir custos. Concluímos que o governo de FHC terminou gerando uma engrenagem econômica de custosa reversão para o país e que a produção dos superávits primários do governo está sendo gerada para cobrir o pagamento dos juros, que é a causa primordial da evolução da dívida pública. De forma que a política de contenção dos gastos primários, aplicada em seu governo, entre eles a de pessoal, não resolvem o problema da dívida pública brasileira. Mas, privilegia os especuladores, além de cortar gastos em programas importantes para o desenvolvimento do país, como aquelas implementadas nas IFES.
Abstract: The purpose of this study is to analyze the logic of the composition of personnel expenses and their impacts on the career and retirement policy of IFES teachers, starting with 1994. To this end, we present the main determinants of the policy of Public Spending containment, characterized by the education policy proposed by multilateral lending agencies to peripheral countries, highlighting the World Bank's adjustment model; and the policy implemented by FHC, which defined the macroeconomic trap that generates a very high public debt. The aim is to show that these education policies had a sense of spending reduction and have to do with the treatment of public finances, interest payments and the production of primary surpluses. In this context, we investigate the nature of the evolution of public debt in the country. The results show that the adjustment was on the less resilient side, which is the primary spending cut, and that the expansion of Public Sector Net Debt exploded despite the growth of this primary surplus. This revealed to us that it was the financial side of the deficit (the behavior of the interest rate and the exchange rate) that caused the increase in Public Sector Net Debt. We have identified that the change in the IFES Personnel Expenditure trajectory has to do with these FHC Government cash control pathways, which have established significant changes in teachers' careers and their retirement rules, always with the aim of reducing costs. We conclude that the FHC government has ended up generating a costly reverse economic gear for the country and that the production of government primary surpluses is being generated to cover interest payments, which is the primary cause of public debt developments. Thus, the policy of containing primary spending applied in his government, including personnel, does not solve the problem of Brazilian public debt. But it favors speculators, as well as cutting spending on programs important for the country's development, such as those implemented. in IFES.
Keywords: Política de carreira
IFES
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Economia
Quote: ALMEIDA, Aparecida Maria Fialho De Sousa. Uma análise da redução dos gastos com pessoal nas IFES: seus determinantes e seus impactos sobre a política de carreira. 2003. 154 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2003.4
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2003.4
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/27003
Date of defense: 2003
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AnáliseReduçãoGastos.pdf8.46 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons