Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/26599
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorJanzen, Andreas-
dc.date.accessioned2019-08-08T13:29:33Z-
dc.date.available2019-08-08T13:29:33Z-
dc.date.issued2019-07-10-
dc.identifier.citationJANZEN, Andreas. Silício na qualidade fisiológica de sementes de trigo. 2019. 33 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) – Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/26599-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectTriticum aestivumpt_BR
dc.subjectFertilização silicatadapt_BR
dc.subjectProdução de sementespt_BR
dc.titleSilício na qualidade fisiológica do trigopt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
dc.contributor.advisor-co1Pereira, Vanderley José-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3025084621830390pt_BR
dc.contributor.advisor1Mageste, Jose Geraldo-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4933117884077916pt_BR
dc.contributor.referee1Morais Júnior, Ivair José de-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0049839110534827pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1269396774313506pt_BR
dc.description.degreenameTrabalho de Conclusão de Curso (Graduação)pt_BR
dc.description.resumoO silício é um dos elementos de maior abundância no solo e benéfico em vários processos fisiológicos das plantas, inclusive do trigo, porém, a sua baixa solubilidade nos solos diminui a sua disponibilidade às plantas, apesar do seu teor no solo ser alto, sendo assim, a fertilização silicatada é uma importante ferramenta para ganhos de produtividade. O objetivo deste trabalho foi determinar a qualidade fisiológica de sementes de variedades de trigo frente à fertilização silicatada. Em campo foram montados dois experimentos independentes em diferentes ambientes. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 2 x 2, com duas cultivares de trigo (BRS 264 e BRS 394) e na presença ou ausência de Si, com seis repetições. Após colhidas e armazenadas, as sementes foram submetidas ao teste de germinação e desenvolvimento de plantas, teste de frio, determinação do peso de mil sementes, determinação do teor de água e teste de germinação por protrusão radicular. O local de produção de sementes tem influência sobre a cultivar, porém a resposta é constante para as cultivares. Independente do ambiente e da fertilização, a cultivar BRS 264 apresenta maior comprimento de parte aérea, embora a cultivar BRS 394 desenvolveu um maior comprimento total e radicular. A fertilização silicatada afetou as características da qualidade fisiológica das sementes de trigo avaliadas. As sementes da cultivar BRS 264 aumentou a qualidade fisiológica com a suplementação de silício, enquanto que as da cultivar BRS 394 teve um desempenho melhor na ausência de aplicação de silício.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.courseAgronomiapt_BR
dc.sizeorduration33pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIApt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLOpt_BR
Appears in Collections:TCC - Agronomia (Uberlândia)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SilícioQualidadeFisiológica.pdf1.2 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.