Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/26493
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Embargado
Title: Prevalência de baixo peso ao nascer no período de 2012 a 2016, na cidade de Uberlândia, Minas Gerais
Alternate title (s): Low weight prevalence of birth from 2012 to 2016 in the city of Uberlandia, Minas Gerais
Author: SILVA, Karolline Monteiro Vieira da
First Advisor: Marques, Karina do Valle
First member of the Committee: VERAS, Mariana Matera
Second member of the Committee: JESUS, Eleonora Henriques Amorim de
Summary: O baixo peso ao nascer (BPN) pode ser definido pela organização mundial da saúde como massa inferior a 2500g, sendo considerado um problema de saúde pública mundial. A insuficiência no peso do neonato tem sido considerada uma das consequências do nascimento prematuro e ou atraso no desenvolvimento fetal intrauterino. A associação de fatores socioeconômicos, o estilo de vida e a morbidade pré-existentes, também podem estar relacionados a um mal desenvolvimento fetal. O baixo peso ao nascer pode ser considerado uma das principais causas de morte e pode estar relacionado a problemas fisiológicos e mentais, na infância e na vida adulta. Neste trabalho a prevalência de BPN na cidade de Uberlândia-MG para os anos de 2012 a 2016. Os dados coletados foram provenientes do SINASC e de prontuários do Hospital de Clinicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU). Esse estudo demonstrou que a prevalência de BPN na cidade de Uberlândia-MG foi de 9,61%, podendo estar relacionado à idade inferior a 20 anos e/ou igual a mais de 35 anos, o Estado Civil (divorciada ou viúva), falta de escolaridade, e sem consulta pré-natal; o sexo feminino e raça para recém-nascido e o consumo de drogas e doenças maternas (DHEG e ITU).
Abstract: Low birth weight (LBW) is defined by the world health organization as the weight below 2500g and is considered a global public health problem. Insufficient weight in the neonate has been considered one of those caused by premature birth and/or delay in fetal intrauterine development. The association of socioeconomic factors, lifestyle and pre-existing morbidity may also be related to poor fetal development. Low birth weight may be considered a leading cause of death and may be related to physiological and mental problems in childhood and adulthood. In this study, we verified the prevalence of LBW in the city of Uberlândia-MG for the years 2012 to 2016. The data collected came from SINASC and medical records of the Clinical Hospital of the Federal University of Uberlândia (HC-UFU). Our study showed that the prevalence of LBW in the city of Uberlândia-MG was 9.61%; it could be related to the age of fewer than 20 years and/or more than 35 years, the Civil Status (divorced or widowed) of schooling, and without prenatal consultation; the female gender and race for newborns and the consumption of drugs and maternal diseases (DHEG and UTI).
Keywords: Baixo peso ao nascer
Uberlândia-MG
Peso ao nascer
Gestação
Pré termo
Recém nascido
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::SAUDE MATERNO-INFANTIL
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: SILVA, Karolline Monteiro Vieira da. Prevalência de baixo peso ao nascer no período de 2012 a 2016, na cidade de Uberlândia, Minas Gerais. 2019. 34 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biomedicina) - Universidade Federal de Uberlândia, 2019.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/26493
Date of defense: 18-Jul-2019
Appears in Collections:TCC - Ciências Biomédicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PrevalênciaBaixoPeso.pdf935.8 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons