Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/25822
ORCID:  http://orcid.org/0000-0002-4185-9757
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Oferta de recursos e polimorfismos florais em uma flor de pólen
Alternate title (s): Resource offer and floral polymorphisms in a pollen flower
Author: Oliveira, Larissa Chagas de
First Advisor: Brito, Vinícius Lourenço Garcia
First coorientator: Caetano, Ana Paula de Souza
First member of the Committee: Barônio, Gudryan Jackson
Second member of the Committee: Rech, André Rodrigo
Third member of the Committee: Brito, Vinícius Lourenço Garcia
Summary: Melastomataceae é tipicamente caracterizada por suas flores de pólen altamente especializadas, mas pouco se sabe sobre a oferta de óleo nesta família. Até agora, este atributo só foi observado na tribo Olisbeiodeae. No entanto, outras espécies, como Macairea radula, apresentam glândulas estaminais, que secretam uma substância viscosa semelhante a óleos, cujo papel ainda é desconhecido. Tal conhecimento poderia ajudar a elucidar questões como a oferta de óleo e a evolução de diferentes estratégias reprodutivas em plantas especializadas. No primeiro capítulo, cortes anatômicos e testes histoquímicos foram realizados para caracterizar a estrutura e sua secreção, bem como análises de cromatografia gasosa para a descrição química dessas substâncias. Observações de visitantes florais foram usadas para interpretações ecológicas.Cada glândula é um pedúnculo curto multicelular e multisseriado, terminando em uma cabeça secretora conspícua e multicelular. Os testes histoquímicos indicam a presença de lipídios e fenóis na secreção das células da cabeça glandular. Este conteúdo foi exsudado e se acumula na superfície da glândula. A análise química confirmou a natureza lipídica dessa secreção e a ocorrência de alcanos de cadeias longas e ácidos graxos de alimentação. Abelhas dos gêneros Trigona, Centris e Augochloropsis foram os principais visitantes florais. As glândulas estaminais de M. radula possuem secreção lipídica com composição semelhante à de plantas que oferecem óleos florais aos polinizadores como principal recurso. Embora difiram histologicamente de tricomas, estas glândulas podem ser funcionalmente semelhantes aos elaióforos tricomáticos de flores de óleo. Mesmo que o pólen seja o principal recurso explorado, os óleos são passivamente coletados por abelhas Centris durante polinização por vibração. O novo recurso floral descrito neste trabalho caracteriza uma estratégia incomum para esta família onde predominam as flores de pólen. O dilema de pólen em flores que oferecem apenas pólen como recurso aos polinizadores gera cenários que favorecem diferentes estratégias reprodutivas. No caso específico de Macairea radula, a solução para este dilema de manifesta através de diferentes atributos florais de ajuste morfológico ao polinizador e da performance sexual de suas flores. O objetivo do segundo capítulo deste estudo foi quantificar e descrever estes atributos e relacioná-los com o fitness relativo individual para detectar a seleção fenotípica sobre estes. As relações alométricas entre tamanho e forma encontradas para os estames e estiletes das flores de M. radula parecem contribuir para a seleção conjunta desses atributos e configurar desvios de padrões morfológicos clássicos propostos para a heteranteria e a heterostilia descritos previamente para essas plantas. Variação nos esforços reprodutivos entre as funções feminina e masculina também são verificadas e levam a expressão de distintos gêneros funcionais nos indivíduos, mesmo que estes sejam morfologicamente descritos como hermafroditas. As populações deste estudo apresentaram gradientes de seleção quadrática e correlacional através do componente masculino de sucesso reprodutivo, indicando padrões de seleção sexual-específica mediada por polinizadores, pelos quais rotas evolutivas de dioicia funcional, dimorfismo estilar e heteranteria são possivelmente favorecidas.
Abstract: Melastomataceae is typically characterized by its high specialized pollen flowers, but little is known about oil offering in this family. Until now, this trait was only observed in Olisbeiodeae tribe. However, other species, such as Macairea radula, present several staminal glands that secrete oil-like viscous substance which the role is still unknown. Such knowledge can help to elucidate the role of oil offering and the evolution of different reproductive strategies in specialized flowering plants. On the first chapter, anatomical sections and histochemical tests were performed to characterize the structure and their secretion as well as gas chromatography was used to chemical analysis. Floral visitors‘ observations were used for ecological interpretations. Each gland is a multicellular and multiseriate short stalk ending in a conspicuous multicellular secretory head. The histochemical tests indicate lipids and phenols in the secretion of glandular head cells. This content was exuded and accumulates on the gland surface beneath the cuticle. The chemical analyses confirmed the lipid nature of this substance and the occurrence of long-chain alkanes and nutritious fatty acids. Bees of the genus Trigona, Centris and Augochloropsis were the main floral visitors. Macairea radula staminal glands have a lipid secretion similar in composition to those plants that offer floral oils as the main resource to pollinators. Although being histologically different from trichomes, these glands can be functionally similar to oil flowers trichomatic elaiophores. Eventhough pollen is the main explored resource, the oils is passively collected by Centris bees, during buzz pollination This newly described floral resource characterizes a different strategy for this family where pollen flowers predominate.The pollen dilemma faced by pollen rewarding flowers establish scenarios in which several reproductive strategies are favored. In the specific case of Macairea radula, the solution of such dilemma is believed to affect the mechanical-fit between flowers and pollinators as well as sexual performance traits. The second chapter of this study was aimed to quantify and describe these traits to detect the current phenotypic seletion mediated by bee pollinators. The allometric relationship between size and shape found for M. radula stamens and styles seem to contribute to the joint selection of these traits and to deviations of the the classic morphological patterns of heterantry and heterostily previously proposed for these plants. Variation in reproductive efforts between female and male components are also checked and lead to distinct functional genders expression in individuals, even though they are described as hermaphrodics. The studied populations showed quadratic and correlational selection gradients by male component of reproductive success, which suggests specific patterns of sexual selection mediated by their pollinators through which evolutionary routes of functional dioecy, stylar dimorphism and heterantry are possibly favoured
Keywords: Cromatografia gasosa
Botânica
Elaióforos
Polinização
Flores de óleo
Pólen
Flores de pólen
Histoquímica
Glândulas estaminais
Heterostilia
Histoquímica
Polinização por vibração
Seleção fenotípica
Tricomas florais
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BOTANICA::MORFOLOGIA VEGETAL::ANATOMIA VEGETAL
CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BOTANICA::MORFOLOGIA VEGETAL::MORFOLOGIA EXTERNA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Biologia Vegetal
Quote: OLIVEIRA, Larissa Chagas. Oferta de recursos e polimorfismos florais em uma flor de pólen. 2019. 68 f. Disssertação (Mestrado em Biologia Vegetal) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.1256
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.1256
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/25822
Date of defense: 28-Feb-2019
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Biologia Vegetal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
OfertaRecursosPolimorfismos.pdfOferta de recursos e polimorfismos florais em uma flor de pólen [recurso eletrônico] / Larissa Chagas de Oliveira. - 20191.66 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.