Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/24707
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Embargado
Title: Influência dos sintomas depressivos maternos no desenvolvimento infantil: 12 meses de seguimento
Alternate title (s): Influence of maternal depressive symptoms on child development: 12 months follow-up
Author: Calixto, Andressa Furtado
First Advisor: Azevedo, Vívian Mara Gonçalves de Oliveira
First coorientator: Alves, Claudia Regina Lindgren
First member of the Committee: Cabral, Laura Alves
Second member of the Committee: Hallal, Camilla Zamfolini
Third member of the Committee: Ferreira, Daniela Marques de Lima Mota
Summary: Introdução: A depressão é uma das complicações mais comuns dos períodos pré e pós-parto, o que pode ter consequências negativas tanto para a mulher quanto para o filho e também para a família. Os prejuízos da depressão pós parto (DPP) para a criança podem estar associados a déficit cognitivo, prejuízos emocionais e a padrões desajustados de comportamento. No entanto, são escassas os estudos que abordaram os efeitos dos sintomas da DPP em relação ao desenvolvimento infantil ao longo do tempo, especialmente com crianças nascidas a termo e pré-termo limítrofes. Objetivo: Avaliar o desenvolvimento infantil de crianças filhas de mães que apresentaram escore compatível com sintomas depressivos maternos, do segundo ao décimo segundo mês após o nascimento. Método: Estudo prospectivo do tipo coorte, realizado no Brasil, com a participação de 160 mães e seus filhos. Para identificar os sintomas da DPP, as mães responderam ao Edinburgh Postnatal Depression Scale (EPDS) aos 2 e aos 9 meses pós-parto. Considerou-se como presença de sintomas de DPP quando, em pelo menos uma das medidas, a pontuação fosse igual ou maior que 10. Para a avaliação do desenvolvimento infantil, utilizou-se a Bayley Scales of Infant and Toddler Development III (Bayley III) aos 2, 4, 6, 9, 12 meses de idade. Todos os participantes responderam aos questionários estruturados com dados maternos, perinatais e socioeconômicos. Para a análise dos dados foi utilizado o Generalized Equations Estimating (GEE), Modelos Lineares Generalizados (GLM) e, posteriormente, realizadas regressões linear e logística. Resultados: Observou-se que 37,5% das mães que responderam ao EPDS apresentaram sintomas de DPP em pelo menos um dos momentos avaliados. Foi possível verificar associação entre os sintomas de DPP e o desenvolvimento infantil, especificamente na habilidade motora fina, aos 9 (p=0,020) e aos 12 (p=0,009) meses. Os sintomas de DPP não apresentaram associação significativa para as subescalas do Bayley cognitivo, linguagem (receptiva e expressiva) e motor grosso. Conclusão: As crianças filhas de mães com sintomas de DPP apresentaram alteração no desenvolvimento infantil, especificamente na habilidade motora fina aos 9 e 12 meses de idade em relação às crianças filhas de mães sem sintomas de DPP.
Abstract: Background: The depression is one of the most common complications of pre and postpartum periods, which can have negative consequences for both the woman and the child as well as the family. Postpartum depression (PPD) losses to the child may be associated with cognitive impairment, emotional impairment, and maladaptive patterns of behavior. However, there are few studies addressing the effects of PPD symptoms on child development over time, especially with borderline term and preterm infants. Objective: To evaluate the child development of daughters of mothers who presented scores compatible with maternal depressive symptoms, from the second to the twelfth month after birth. Method: Prospective cohort study, conducted in Brazil, with the participation of 160 mothers and their children. To identify the symptoms of PPD, the mothers responded to the Edinburgh Postnatal Depression Scale (EPDS) at 2 and 9 months postpartum. It was considered as a presence of PPD symptoms when, in at least one of the measures, the score was equal to or greater than 10. For the evaluation of the child development, Bayley Scales of Infant and Toddler Development III (Bayley III) at 2, 4, 6, 9, 12 months of age. All participants answered the questionnaires structured with maternal, perinatal and socioeconomic data. For the data analysis, we used Generalized Equations Estimating (GEE), Generalized Linear Models (GLM) and, later, linear and logistic regressions. Results: It was observed that 37.5% of the mothers who responded to the EPDS had symptoms of PPD in at least one of the evaluated moments. It was possible to verify the association between PPD symptoms and child development, specifically in fine motor skills, at 9 (p = 0.020) and at 12 (p = 0.009) months. The symptoms of PPD had no significant association to the Bayley subscales of cognitive, language (receptive and expressive) and gross motor. Conclusion: Children of mothers with PPD symptoms presented alterations in child development, specifically in fine motor skills at 9 and 12 months of age in relation to the children of mothers without symptoms of PPD.
Keywords: Depressão pós-parto
Postpartum depression
Desenvolvimento infantil
Child development
Desenvolvimento motor
Motor development
Ciências médicas
Medical sciences
Depressão pós-parto
Postpartum depression
Crianças - Desenvolvimento
Children - Development
Capacidade motora nas crianças
Motor ability in children
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde
Quote: CALIXTO, Andressa Furtado. Influência dos sintomas depressivos maternos no desenvolvimento infantil: 12 meses de seguimento. 2018. 60 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2018.791
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2018.791
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/24707
Date of defense: 30-May-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
InfluênciaSintomasDepressivos.pdf
  Until 2020-05-30
Dissertação2.83 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.