Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/24601
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Desenvolvimento e aplicação de um equipamento para avaliação da espasticidade pelo método limiar do reflexo de estiramento tônico
Alternate title (s): Development and application of an equipment to evaluate spasticity by the method of tonic stretch reflex threshold
Author: Alves, Camille Marques
First Advisor: Naves, Eduardo Lázaro Martins
First member of the Committee: Pereira, Adriano Alves
Second member of the Committee: Silva, Maristella Borges
Summary: A espasticidade é uma desordem motora que afeta milhões de pessoas no mundo, pode surgir como sequela de um acidente vascular encefálico, paralisia cerebral, lesões medulares, entre outros fatores. Pode resultar em diversos danos e é caracterizada pelo aumento, dependente da velocidade, do reflexo de estiramento. A avaliação da espasticidade é de grande importância na prática clínica para acompanhar o processo de reabilitação. No entanto, ainda não existem medidas quantitativas padronizadas para essa avaliação. Desse modo, há um grande interesse na implementação de novos métodos que possam quantificar esse distúrbio de maneira adequada. O método do Limiar do Reflexo de Estiramento Tônico (LRET) é bastante promissor, uma vez que, ele está em concordância com a definição da espasticidade. Essa medida representa o ângulo articular em que ocorre o reflexo de estiramento. Desse modo, o objetivo desse trabalho foi desenvolver um equipamento para a avaliação quantitativa da espasticidade por meio do método LRET. No qual o valor do LRET é obtido a partir do sinal eletromiográfico e do ângulo articular coletados durante a realização de estiramentos passivos manuais do membro acometido, em diferentes velocidades pré-ajustadas pelo terapeuta no software desenvolvido. O início da contração muscular foi detectado a partir de algoritmos implementados e obteve resultados eficientes. O equipamento desenvolvido foi aplicado na avaliação da espasticidade do bíceps braquial em treze pacientes. Também foi utilizada a escala modificada de Ashworth (EMA), a mais utilizada atualmente na prática clínica, com o intuito de correlacionar os dois métodos. O equipamento apresentou resultados eficientes e a metodologia utilizada no processamento dos dados foi bastante satisfatória, demonstrando ser um instrumento viável para aplicação na prática clínica. Além disso, o método do LRET apresentou uma forte correlação com a EMA, no entanto, apesar de ser a escala mais utilizada, foi demonstrado que não é o melhor parâmetro para avaliar a espasticidade.
Abstract: Spasticity is a motor disorder that affects millions of people around the world. It may originate as a sequela of a stroke, cerebral palsy, spinal cord trauma, among other factors. It is characterized by the speed dependent increase of the stretch reflex. The clinical evaluation of spasticity is of great importance in clinical practice, to get the results of rehabilitation. However, there are no standardized quantitative measures for this assessment. Thus, there is a great interest in the implementation of new methods that can adequately quantify this disorder. The Tonic Stretch Reflex Threshold (TSRT) method is very promising because it agrees with the definition of spasticity. This measure represents the articular angle at which the stretch reflex occurs. Thus, the objective of this work was to develop an equipment for the quantitative assessment of spasticity using the TSRT method. Thus, the TSRT value was obtained from the electromyographic and angular signals collected during the manual passive stretching of the affected limb, at several speeds predetermined by the developed software. The developed equipment was applied in the evaluation of spasticity of the brachial biceps, in thirteen patients. The Modified Ashworth Scale (MAS) was also used in order to correlate the two methods, since MAS is the most used in clinical practice. The equipment presented efficient results and the methodology used in the data processing was quite satisfactory, proving to be viable for application in clinical practice. However, there is a need to validate the equipment with more than one therapist. In addition, the TSRT method showed a strong correlation with the MAS, however, despite being the most used scale, it was shown that MAS it is not the best parameter to assess spasticity.
Keywords: Engenharia biomédica
Espasticidade
Reflexo de estiramento
Espasticidade - Reabilitação
Acidente vascular encefálico
Limiar do reflexo de estiramento tônico
Avaliação quantitativa
Spasticity
Stroke
Tonic stretch reflex threshold
Quantitative evaluation
Area (s) of CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA BIOMEDICA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Engenharia Biomédica
Quote: ALVES, Camille Marques. Desenvolvimento e aplicação de um equipamento para avaliação da espasticidade pelo método limiar do reflexo de estiramento tônico. 2019. 72 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Biomédica) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.356.
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.356
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/24601
Date of defense: 26-Feb-2019
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Engenharia Biomédica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DesenvolvimentoAplicaçãoEquipamento.pdf1.99 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.