Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/24216
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Correlação de valores de tenacidade do concreto reforçado com fibras de aço obtidos pela ASTM C1609:2012 E EN 14651:2007
Alternate title (s): Correlation of toughness values of concrete strengthened with steel fibers obtained by ASTM C1609:2012 e EN 14651:2007
Author: Silva, Juliete Ribeiro
First Advisor: Santos, Antonio Carlos dos
First member of the Committee: Oliveira, Andrielli Moraes
Second member of the Committee: Peruzzi, Antônio de Paulo
Summary: O objetivo deste trabalho consiste em analisar experimentalmente a medida de tenacidade de amostras de concreto reforçado com fibras de aço, conforme as recomendações das normas internacionais ASTM C1609:2012 e EN 14651:2007 e então comparar tais metodologias. Deseja-se também, avaliar a influência da resistência à compressão e o teor de fibras na medida de tenacidade. Foram utilizadas duas matrizes de concreto com resistência à compressão de 20 MPa (C20) e 40 MPa (C40), sem fibras e com três dosagens de fibras correspondentes a 30 kg/m³, 40 kg/m³ e 50 kg/m³. Para a avaliação da tenacidade foram moldados 48 corpos de prova prismáticos e 64 corpos de prova cilíndricos para a caracterização do compósito por meio de ensaios de resistência à compressão e resistência à tração por compressão diametral. Após a realização dos ensaios e análise dos resultados, verifica-se como esperado que as fibras de aço conferem ao concreto um aumento na tenacidade à tração na flexão. Os resultados indicam que o aumento da medida de tenacidade do CRFA foi maior quando se aumentou o teor de fibras no compósito, se comparado à alteração na resistência à compressão da matriz cimentícia. Além disso, em comparação aos resultados obtidos por tais ensaios observa-se maiores medidas de tenacidade para o método proposto pela ASTM C1609:2012, entretanto os valores encontrados pela norma EN 14651:2007 apresentaram menor desvio padrão. Tal comportamento é explicado pois a formação da primeira fissura ocorre na região do plano de entalhe, reduzindo a dissipação de energia no corpo de prova. Por fim, conclui-se que existe uma correlação entre os métodos de aproximadamente 0,50 e 0,36 para a classe de resistência C20 e C40, respectivamente. Sendo que esta é fortemente dependente do volume de fibras adicionado.
Abstract: The objective of this work is to experimentally analyze the toughness measurement of steel reinforced concrete samples according to the recommendations of international standards ASTM C1609:2012 and EN 14651:2007 and then compare such methodologies. It is also desired to evaluate the influence of the compressive strength and the fiber content in the toughness measurement. Two concrete matrices with compressive strength of 20 MPa (C20) and 40 MPa (C40) were used, without fibers and with three dosages of fibers corresponding to 30 kg/m³, 40 kg/m³ and 50 kg/m³. For the evaluation of the tenacity, 48 prismatic specimens and 64 cylindrical specimens were molded for the characterization of the composite by means of tests of compressive strength and tensile strength by diametrical compression. After the tests and results analysis, it is expected that the steel fibers give the concrete an increase in tensile strength in flexion. The results indicate that the increase of the CRFA toughness measure was higher when the fiber content in the composite was increased, when compared to the change in the compressive strength of the cementitious matrix. In addition, in comparison to the results obtained by these tests, greater measures of toughness are observed for the method proposed by ASTM C1609:2012, however the values found by standard EN 14651:2007 presented lower standard deviation. Such behavior is explained because the formation of the first crack occurs in the region of the notch plane, reducing energy dissipation in the specimen. Finally, it is concluded that there is a correlation between the methods of approximately 0.50 and 0.36 for the resistance class C20 and C40, respectively. This is strongly dependent on the volume of fibers added.
Keywords: Materiais compósitos
Concreto reforçado com fibras de aço
Métodos de ensaio
Tenacidade
Correlação
Composite materials
Reinforced concrete with steel fibers
Test methods
Toughness
Correlation
Engenharia civil
Concreto
Fibras de metal
Area (s) of CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA CIVIL::ESTRUTURAS
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil
Quote: SILVA, Juliete Ribeiro. Correlação dos valores de tenacidade do concreto reforçado com as fibras de aço obtidos pela ASTM C1609:2012 e EN 14651:2007. 118 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) - Universidade Federal de Uberlândia, 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.313
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2019.313
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/24216
Date of defense: 21-Nov-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Engenharia Civil

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CorrelaçãodosValoresdeTenacidade.pdf3.22 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.